Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-04-27T12:01:11-03:00
Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
Jornalista formado pela PUC-SP, com pós-graduação em Economia Brasileira e Globalização pela Fipe. Trabalhou como repórter no Valor Econômico, IstoÉ Dinheiro e Agência CMA.
jogou a toalha

Não vai ter briga pela Hering: Arezzo desiste de cobrir oferta da Soma

Dona das marcas Reserva e Anacapri tinha demonstrado primeiro interesse, mas foi superada pela dona da Animale num curto espaço de tempo

27 de abril de 2021
12:01
Farm e Hering Loja
Imagem: Divulgação/montagem

Para quem esperava ver a Arezzo (ARZZ3) e a Soma (SOMA3) se digladiando numa longa batalha para ver quem ficaria com a Cia. Hering (HGTX3), ao melhor estilo Stone versus Totvs (TOTS3) pela Linx (LINX3), melhor deixar a pipoca e as expectativas para outra novela corporativa.

A dona da Reserva e das marcas de sapato e acessórios Anacapri e Schutz informou ao mercado nesta terça-feira (27) que não vai apresentar uma nova proposta, depois de sua oferta ter sido superada em R$ 1,8 bilhão pela controladora das marcas Farm e Animale.

“A Arezzo&Co informa que não fará uma nova oferta para combinação de negócios com a Cia. Hering e ressalta que seguirá fiel à sua bem-sucedida estratégia de crescimento, orgânico e por aquisições, sempre observando a racionalidade e a defesa dos interesses de todos os seus acionistas”, diz trecho do comunicado.

Como chegamos até aqui?

A reviravolta ocorreu rapidamente. A oferta da Arezzo foi tornada pública em 14 de abril, quando a Cia. Hering anunciou que rejeitou os termos, detalhados no dia seguinte. E 12 dias depois, ficamos sabendo que a Hering aceitou a proposta da Soma.

Dois fatores pesaram na decisão. Primeiro tem o aspecto financeiro. O Grupo Soma avaliou a Cia Hering em R$ 5,1 bilhões, atribuindo um valor de R$ 33,00 por ação ON da companhia — um prêmio de quase 50% em relação ao fechamento da última sexta-feira (23).

A proposta foi muito superior à da Arezzo, que avaliou a Hering em R$ 3,3 bilhões, ou cerca de R$ 20,00 por ação. Quando usamos como referencial o nível de preço do começo do mês, o prêmio oferecido pelos donos da Farm e da Animale é de quase 90%.

O segundo fator que pendeu para o lado da Soma foi a parte de governança. No desenho da Arezzo, cerca de 20% da nova companhia ficaria com os acionistas da empresa catarinense; na oferta da Soma, essa fatia é de 35%.

Além disso, Fabio e Thiago Hering, os dois principais executivos da centenária empresa têxtil, manterão posições ativas na estrutura administrativa do novo conglomerado.

Uma união estratégica

A junção de Cia. Hering e Soma deve resultar numa companhia com a quarta maior receita anual entre as varejistas de roupas da bolsa e líder no número de lojas.

Para a Soma, a chegada da Cia. Hering reforça seu portfólio, adicionando um dos nomes mais famosos do segmento de moda básica e casual do país, que hoje não é preenchido por nenhuma das lojas pertencentes ao grupo. 

Para a Hering, a junção com o Grupo Soma pode promover uma guinada em seus produtos e em sua penetração no mundo virtual, duas áreas em que a Soma tem expertise reconhecida.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Petróleo na Amazônia

Petrobras quer operar na foz do Rio Amazonas

Estatal apresentou ao Ibama pedido de licença para explorar petróleo na região, que é uma área de sensibilidade ambiental

Juros para cima

Prepare-se para crescimento baixo e inflação alta em 2022: manobra no teto reforça cenário de estagflação

Drible no teto de gastos pode pressionar ainda mais os preços e obrigar a uma alta de juros mais intensa, dizem especialistas

Great Places to Work

As melhores empresas para se trabalhar em 2021: Magazine Luiza é eleito melhor empregador do país entre as grandes companhias; veja ranking completo

Consultoria Great Places to Work Brasil realizou, na última semana, a 25ª premiação das melhores empresas para se trabalhar no país

Setor imobiliário na mira

China testará imposto imobiliário em parte do país para conter especulação

Projeto-piloto será conduzido por cinco anos em algumas regiões do país. Objetivo é distribuir riqueza de modo menos desigual

Clube do livro

Um passeio entre chás, sementes e cerveja: como ‘Uma Senhora Toma Chá…’ conta a história da estatística moderna de maneira descomplicada

O livro de David Salsburg te convida a conhecer o pouco mais de um dos campos mais necessários para o melhor entendimento do mundo das finanças, e claro, da ciência

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies