Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-04-12T18:12:44-03:00
Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
Jornalista formado pela PUC-SP, com pós-graduação em Economia Brasileira e Globalização pela Fipe. Trabalhou como repórter no Valor Econômico, IstoÉ Dinheiro e Agência CMA.
abrindo o bolso

Intelbras faz sua primeira aquisição após IPO de R$ 1,3 bi

Fabricante de câmeras e equipamentos de segurança eletrônica fecha acordo para adquirir 75% da Khomp por R$ 89,1 milhões

12 de abril de 2021
10:20 - atualizado às 18:12
intelbras
Imagem: Divulgação

Em sua primeira investida após levantar R$ 1,3 bilhão em sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), a Intelbras (INTB3) adquiriu 75% do capital social de uma empresa chamada Khomp, por R$ 89,1 milhões.

Localizada em Florianópolis, a Khomp é uma fornecedora de produtos e serviços na área de telecomunicações. Atuando há 25 anos neste mercado, com presença no Brasil e em outros países da América Latina, ela reportou uma receita operacional bruta em 2020 de R$ 55,7 milhões e, de acordo com a Intelbras, seus negócios vêm crescendo com base em receita recorrente, de modo que este modelo de negócios representa 40% de seu faturamento.   

Segundo o comunicado divulgado nesta segunda-feira (12), a Intelbras já pagou R$ 78,6 milhões pelos 75% de participação. Ela reteve R$ 10,5 milhões como garantia de pagamento de indenização pelos vendedores decorrente de “eventual materialização de contingências da Khomp oriundas de fatos ocorridos anteriormente à celebração do contrato”, sem entrar em detalhes.

O acordo prevê ainda a possibilidade de compra dos outros 25% da Khomp durante um período de quatro anos.

“O objetivo da aquisição é complementar a linha de produtos e soluções tecnológicas de comunicação da Intelbras, e a ação faz parte da estratégia que visa o crescimento sustentável, expansão da capacidade produtiva e comercial da companhia”, diz trecho comunicado.

Uma das maiores fabricantes de câmeras e equipamentos de segurança eletrônica e comunicação do Brasil, a Intelbras foi ao mercado em fevereiro para buscar recursos visando acelerar seu crescimento por meio de aquisições, expansão da capacidade industrial e automação de processos produtivos, ampliação de soluções de software as a service e hardware as a service, além da expansão de canais internos verticais e de varejo.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

ÚLTIMO ADEUS?

De malas prontas para deixar a B3, Banco Inter (BIDI11) reverte prejuízo em lucro líquido de R$ 19,2 milhões no terceiro trimestre

O banco digital também celebrou a marca de 14 milhões de clientes no período, um salto de 94% na comparação com o terceiro trimestre de 2020

Tecnologia em foco

As big techs na balança: veja como foi o trimestre de Google, Microsoft e Twitter

Três das principais big techs americanas reportaram seus balanços nesta noite; veja como se saíram Alphabet/Google, Microsoft e Twitter

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Pressão nos juros, Elon Musk mais rico e o brilho das ações das elétricas

As projeções de bancos e economistas para a alta da Selic não param de subir. É possível ver essa tendência semanalmente no boletim Focus, divulgado toda segunda-feira pelo Banco Central, em relatórios de diversas casas de análise e na curva dos juros futuros — que não param de ser revisados para patamares cada vez mais […]

ACIONISTAS FELIZES

Farra dos dividendos: Santander (SANB11), Klabin (KLBN11) e Porto Seguro (PSSA3) anunciam proventos; banco espanhol vai pagar R$ 3 bilhões aos acionistas

Confira mais detalhes sobre os valores por ação, previsão para o pagamento e a data-limite para entrar na festa de cada uma das três empresas

MERCADOS HOJE

Ibovespa volta a cair mais de 2% na véspera da decisão do Copom; inflação salgada e fiscal deteriorado comandaram o dia

O mercado financeiro aguarda ansioso pelas palavras do BC, que devem pesar a recente deterioração do cenário fiscal e a elevação dos preços. O Ibovespa teve novo dia de perdas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies