⚽️ Brasil e Portugal jogam para se evitar nas oitavas-de-final; veja os jogos de hoje na Copa do Mundo

Cotações por TradingView
2021-03-11T11:23:44-03:00
Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
Jornalista formado pela PUC-SP, com pós-graduação em Economia Brasileira e Globalização pela Fipe. Trabalhou como repórter no Valor Econômico, IstoÉ Dinheiro e Agência CMA.
extreme makeover

BR Distribuidora arruma a casa e agora BTG Pactual recomenda a compra das ações

Analistas avaliam que reestruturação levada a cabo pela companhia deu às ações um potencial de alta de 40%

11 de março de 2021
11:23
Petrobras BR
Imagem: Shutterstock

Quando foi separada da estrutura da Petrobras (PETR4) em 2019, os analistas que acompanham o setor de combustíveis afirmavam que a BR Distribuidora (BRDT3) teria que passar por um extreme makeover para conseguir capturar a atenção de potenciais compradores.

Mesmo tendo uma posição dominante no setor, a estrutura da companhia era considerada ruim, com custos muito elevados e um desempenho operacional decepcionante, o que se refletia nas ações – os papéis da rede de postos de combustíveis fecharam 2020 com recuo de 24,2%, enquanto o Ibovespa apresentou alta de 2,13%.

Mas após passar por uma boa reestruturação, que solidificou os alicerces da empresa, a BR Distribuidora virou objeto de desejo do setor de combustíveis ao entregar, já em 2020, a rentabilidade que previa apenas para este ano.

Um dos que mais gostaram dessa nova cara da empresa foi o BTG Pactual, que passou a recomendar a compra das ações e estabeleceu um preço-alvo de R$ 27,00, que pressupõe um potencial de alta de 40% em relação aos valores em que os papéis estavam cotados antes da divulgação dos números de 2020.

“Com uma base de custos que está agora em linha, ou até melhor, que seus pares, melhoras na execução comercial que permitirão crescimento com qualidade indo adiante e as ações bastante subvalorizadas, nós finalmente vemos a BR Distribuidora sendo negociada a uma avaliação que acreditamos que mais do que acomoda os novos riscos do mercado de distribuição de combustíveis”, diz trecho do relatório assinado pelos analistas Thiago Duarte e Pedro Soares.

Para eles, com os papéis sendo negociados a um EV/Ebitda (indicador que mostra se uma empresa está sub ou supervalorizada) e um P/L (a relação entre o preço das ações e o lucro da empresa, que demonstra quanto os investidores estão dispostos a pagar pelo lucro potencial) de apenas 12 vezes, a relação entre risco e recompensa da BR Distribuidora “nunca esteve tão boa”.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

E AGORA, FED?

Vai se criando um clima terrível! Alegria dura pouco e Wall Street desaba após dado de emprego forte; entenda o que está em jogo

2 de dezembro de 2022 - 13:34

O presidente do Fed, Jerome Powell, animou os mercados na quarta-feira (30) ao reafirmar o compromisso com um ritmo mais brando de elevação da taxa básica, mas o payroll de hoje colocou de volta em campo a chance de outro aperto mais agressivo

SEMANA EM CRIPTO

Após vaivém, bitcoin (BTC) termina semana em leve alta e volatilidade domina os últimos dias; criptomoedas devem oscilar ainda mais na próxima semana

2 de dezembro de 2022 - 13:26

Entre os destaques da semana estão a aprovação da lei de criptomoedas no Brasil e o pedido de falência da BlockFi

NA TERRA DO TIO SAM

Só o filé: JBS (JBSS3) compra empresa norte-americana TriOak Foods e amplia presença nos EUA; ações disparam na B3

2 de dezembro de 2022 - 12:38

Compradora exclusiva dos suínos da produtora desde 2017, a aquisição fortalece a capacidade da JBS de fornecer produtos suínos de alta qualidade aos consumidores dos EUA

DE OLHO NAS REDES

Elon Musk quer curar a cegueira e fazer tetraplégicos andarem com um chip cerebral: testes em humanos já têm prazo — e o próprio bilionário deve ser a cobaia

2 de dezembro de 2022 - 11:14

O bilionário deu prazo de seis meses para os testes em humanos de seu chip cerebral começarem

COISA DE CINEMA

O crime perfeito: ataque hacker em criptomoedas leva a roubo de US$ 5 milhões, faz token ‘desaparecer’ e Binance a suspender negociações

2 de dezembro de 2022 - 10:52

Uma falha no protocolo Ankr (ANKR) permitiu a “emissão infinita” de tokens e fez uma criptomoeda da rede Binance Smart Chain despencar a quase zero

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies