Menu
Julia Wiltgen
O melhor do Seu Dinheiro
Julia Wiltgen
2021-02-19T22:58:35-03:00
SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Bolsonaro dilmou, e a ação da Petrobras pagou

19 de fevereiro de 2021
21:00 - atualizado às 22:58
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

As falas do presidente Jair Bolsonaro na sua tradicional live de quinta-feira pesaram hoje nas ações da Petrobras. A ameaça velada ao presidente da estatal, Roberto Castello Branco, e as críticas aos reajustes nos preços dos combustíveis acenderam mais uma vez a luz amarela do mercado, trazendo à tona as lembranças do intervencionismo pernicioso da ex-presidente Dilma Rousseff na política de preços da companhia.

Não é de hoje que Bolsonaro é chamado de “Dilmo”, até nas rodinhas de conversa do mercado financeiro. E nesta sexta-feira ele dilmou mais uma vez ao afirmar que “teremos sim mudança na Petrobras”. Logo em seguida, o presidente disse que “jamais” interferiria na empresa e em sua política de preços, mas que “o povo não pode ser surpreendido com certos reajustes”.

A fala do presidente parecia um tanto paradoxal, e era. Agora à noite, pelas redes sociais, Bolsonaro anunciou a indicação do general Joaquim Silva e Luna para substituir Castello Branco no comando da Petrobras. O governo não tem o poder de demitir o CEO da estatal, então a indicação ainda deve passar pela aprovação do conselho de administração.

Só hoje, tanto os papéis ordinários como os preferenciais da Petrobras despencaram em torno de 7%, puxando para baixo o Ibovespa, que inclusive fechou a semana em queda. E, dados os acontecimentos desta noite, a turbulência das ações da petroleira não deve parar por aí. Veja como foi o dia nos mercados na matéria da Jasmine Olga.

EMPRESAS

• Enquanto enfrenta o risco de novas intervenções políticas, a Petrobras segue no seu processo de desinvestimentos, vendendo ativos que não fazem parte da sua estratégia operacional para os próximos anos. O Ivan Ryngelblum traz mais detalhes nesta matéria.

• A Oi emitiu R$ 2,5 bilhões em debêntures para investir na criação de uma infraestrutura de fibra ótica no país, como parte do seu processo de recuperação judicial.

• Após um follow-on bem sucedido de quase R$ 3 bilhões, a Locaweb mostrou para que serviu boa parte do dinheiro e adquiriu a Credisfera e a plataforma de e-commerce Dooca, dando sequência às suas fusões e aquisições.

• No ano marcado pela descoberta de uma fraude contábil em seus balanços, a resseguradora IRB Brasil registrou um prejuízo de R$ 1,521 bilhão em 2020. Leia mais sobre os resultados da companhia e a avaliação dos analistas na matéria do Vinícius Pinheiro.

• A agência de classificação de riscos S&P Global Ratings decidiu elevar a nota de longo prazo do Banco Pan em um degrau, de “brAA-” para “brAA”, mantendo a nota na escala global em “B+”. A perspectiva de ambos os ratings é estável. Veja a avaliação da S&P.

MERCADOS

• O bitcoin, a criptomoeda mais badalada do momento, continuou sua escalada de valorização nesta sexta e bateu os US$ 55 mil (superando os R$ 300 mil) pela primeira vez. Saiba mais na matéria do Rafael Lara.

ECONOMIA

• O Monitor do PIB, da FGV, indicador que antecipa o resultado da economia brasileira, apontou recuo de 4,0% na atividade no ano de 2020. Com a pandemia, o PIB praticamente retornou ao patamar de 2016.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua noite", a newsletter diária do Seu Dinheiro. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

O tempo fechou

Crise hídrica piora clima da votação sobre privatização da Eletrobras

Na semana passada, líderes do Senado aumentaram a reação à MP e ameaçaram derrubar a proposta, pedindo até que o texto não fosse pautado

Esquenta dos Mercados

Indicadores econômicos dos EUA devem movimentar o dia, com aumento da cautela antes da ‘Super Quarta’

Depois de um pregão ignorando a Super Quarta, Ibovespa deve sentir o peso da cautela antes da decisão de política monetária no Brasil e nos EUA

E a fila aumenta

BR Partners faz registro de IPO que pode movimentar até R$ 620 milhões

Banco de investimentos fundado por Ricardo Lacerda pretende fazer uma oferta pública de Units, com faixa de preço entre R$ 16 e R$ 19

Pedido ao presidente

Instituto Aço Brasil pede a Bolsonaro para não reduzir tarifa de importação

Na visão do presidente executivo da entidade, Marco Polo de Mello Lopes, não há cenário de excepcionalidade que justifique tal medida

Insights Assimétricos

Preparado para a Super Quarta? O que você precisa saber antes das decisões do Fed e do Copom sobre juros

Um ajuste dos juros, mantendo-os ainda abaixo do neutro (entre 5,5% e 6,5%), seria salutar. Uma alta para além disso, contudo, poderá comprometer a retomada brasileira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies