Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-06-14T14:27:40-03:00
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo
Mais um capítulo da novela

Reatando laços: Elon Musk diz que Tesla pode voltar a adotar bitcoin e moeda volta ao patamar dos US$ 40 mil

Depois de uma semana do tweet que pegou o mercado de surpresa com o “fim do namoro”, Musk volta atrás e tenta reconciliação

14 de junho de 2021
8:41 - atualizado às 14:27
Elon Musk Criptomoeda Desconhecida Olhos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

O excêntrico bilionário Elon Musk voltou a movimentar os criptomercados com sua arma preferida: o twitter. O CEO da Tesla estava respondendo alguns seguidores na rede social quando afirmou que a empresa de carros elétricos vendeu apenas 10% dos seus bitcoins

Mas não foi isso que deu ânimo aos mercados e fez a principal criptomoeda subir mais de 10%. Na frase seguinte, Musk disse: “Quando uma quantidade razoável de energia renovável (em torno de 50%) for usada pelos mineradores, a Tesla pode voltar a adotar transações em bitcoin".

Isso animou os mercados na manhã desta segunda-feira (14). Por volta das 10h20, o bitcoin (BTC) avançava 12,44% nas últimas 24h, aos US$ 40.408,06, o maior patamar em quase um mês de baixa.

O HASH11, ETF (fundo de índice, em inglês) em criptomoeda da bolsa brasileira, também está em alta. No mesmo horário, ele avançava 6,27%, cotado a R$ 37,14.

Com essa valorização, todo o mercado de criptomoedas está em movimento de recuperação. O valor global do criptomercado avança 11,05%, valendo US$ 1,69 trilhão no mesmo horário. Confira como andam dez principais moedas:

Fonte: Coin Market Cap

Relembre o caso de amor

A pouco mais de uma semana, Musk usou sua conta no twitter para decretar o “fim do namoro” com o bitcoin. Naquele momento, o bilionário fez o valor da moeda, que já sofria com as restrições de mineração da China, cair na casa dos 6,0%. Desde então, o bitcoin tem lutado para se manter no patamar dos US$ 35 mil.

Poluente

O bilionário Elon Musk proibiu a Tesla de aceitar bitcoins e levantou a questão ambiental como um dos motivos. Vale lembrar que o consumo de energia elétrica da criptomoeda é quase metade do que o atual sistema bancário usa, de acordo com pesquisa recente.

Esse foi o primeiro escorregão que colocou a principal criptomoeda do mercado em rota de colisão. Em seguida, a China começou uma série de medidas para proibir a mineração de criptomoedas no país, o que atingiu as cotações em cheio e preocupou o mercado.

Você pode conferir as regiões que proibiram a mineração clicando aqui.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

MANOBRAS

Juiz põe no banco dos réus ex-gestores do banco Máxima por gestão fraudulenta

O Banco Máxima S.A. informa que seus atuais acionistas assumiram a administração do banco em 2018, após aprovação pelo Banco Central, e que os integrantes da antiga gestão não têm mais qualquer relação com a instituição financeira

Foguete? Tô fora!

Warren Buffet: o bilionário que não quer conhecer as estrelas

Enquanto Bezos, Musk e Branson protagonizam a nova corrida especial, o Oráculo de Omaha prefere apenas observar

O melhor do Seu Dinheiro

O seu momento Sherlock Holmes

Na adolescência, ouvia que quem buscasse por romance policial brasileiro deveria ler algo do Rubem Fonseca. Era uma vontade minha achar uma história desse gênero que fosse mais próxima da minha realidade — e o filtro nacionalidade me pareceu o mais adequado.  A ideia surgiu depois de ter conhecido parte das histórias criadas por Agatha […]

Mesa Quadrada

Comentarista da ESPN Paulo Antunes fala da sua paixão por futebol americano e experiência no mercado financeiro

Ele conta sobre suas aventuras na cobertura de futebol americano e basquete e ainda revela seus investimentos na Bolsa em novo episódio do podcast Mesa Quadrada

Garantindo a oferta

Crescem ofertas de ações com reserva antecipada

As ancoragens normalmente conseguem atrair mais investidores, numa espécie de chancela prévia, com potencial impacto positivo no preço da ação.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies