Menu
2020-03-26T12:46:52-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta quinta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

26 de março de 2020
12:46
Selo para série preços e taxas do Tesouro Direto com uma sacola de dinheiro com pernas subindo e uma porcentagem caída no chão
Imagem: Montagem Andrei Morais/Shutterstock

As taxas do Tesouro Direto abriram em queda nesta quinta-feira (26). O Tesouro IPCA+ 2026 (NTN-B Principal) é negociado com taxa de 3,89% ao ano mais IPCA, por um valor mínimo de R$ 51,94. O Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais 2055 (NTN-B) é negociado com taxa de 4,43% ao ano mais IPCA e aplicação mínima de R$ 42,98.

Já o Tesouro Prefixado 2023 (LTN) está pagando 5,63% ao ano para quem o comprar nesta quinta-feira, com aporte mínimo de R$ 34,39. O Tesouro Prefixado com Juros Semestrais 2031 (NTN-F) é negociado com taxa de 8,21% e aporte mínimo de R$ 34,41.

O único Tesouro Selic (LFT) disponível para compra atualmente no Tesouro Direto, com vencimento em 2025, está remunerando Selic + 0,03% para quem o levar até o fim do prazo. A aplicação mínima é de R$ 105,57.

Lembre-se de que essas taxas do Tesouro Direto só são válidas para quem adquirir o título hoje e o levar até o vencimento. Na venda antecipada, o retorno pode ser bem diferente, uma vez que a venda é sempre feita a preço de mercado.

O Tesouro Direto permaneceu fechado nesta manhã, devido à alta volatilidade de preços e taxas dos títulos, voltando a negociar apenas por volta de meio-dia. Pela manhã, apenas o Tesouro Selic (LFT) era negociado.

Confira os preços e taxas do Tesouro Direto nesta quinta-feira

O Tesouro Direto é o programa do Tesouro Nacional para compra e venda de títulos públicos federais on-line pela pessoa física. O investimento mínimo é de apenas R$ 30, desde que essa quantia não seja inferior a 1% do valor de um título.

Para investir no Tesouro Direto, o ideal é abrir conta em uma corretora de valores que não cobre taxa de administração. Dessa forma, o único custo do investimento, além dos impostos, é a taxa de custódia paga à bolsa, de 0,25% ao ano.

Os títulos públicos federais são os investimentos de menor risco de crédito da economia brasileira, pois são garantidos pelo governo. Mas há risco de mercado, uma vez que há volatilidade nos preços.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

entrevista

‘Sem liquidez, empresas vão começar a quebrar’, diz presidente da GM na América do Sul

Para Carlos Zarlenga, única saída, diz, é BNDES liberar linhas de curto prazo ou o governo assumir a garantia para empréstimos dos bancos privados

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta quinta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

emergência

Auxílio emergencial já pago soma R$ 1,5 bilhão, diz Caixa

Segundo informações do banco, o benefício já foi creditado na conta poupança de 2.150.497 clientes da Caixa, e outros 436.078 lançamentos serão realizados pelo Banco do Brasil ainda nesta quinta

180 dias para pagar

Caixa vai dar carência de seis meses para pagamento de financiamento imobiliário

Opção estará disponível a partir de segunda-feira para a compra de imóveis novos por qualquer linha de crédito; financiamentos em andamento já podiam optar por uma pausa de 90 dias nas prestações

agenda de brasília

Câmara adia votação de projeto de socorro a Estados para dia 13

Além de suspender o pagamento de parcelas de dívidas com a União e bancos, o projeto permite aos governadores tomar crédito novo no limite de até 8% de suas receitas

crise chegando

Pedidos de auxílio-desemprego nos EUA chegam a 6,61 milhões

Total ficou bem acima da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, de 5 milhões de solicitações

diante da crise

BC autoriza emissão de letra de crédito imobiliário (LCI) por cooperativas

Segundo BC, medida tem potencial para impactar positivamente o setor imobiliário, propiciando condições para aumentar a concorrência e a oferta de produtos e de serviços no sistema financeiro

anticrise

BC libera R$ 3,2 bi em requerimento de capital no crédito para PME

Regra abrange as empresas com receita bruta anual entre R$ 15 milhões e R$ 300 milhões

Exile on Wall Street

De que tipo de estratégia precisamos agora?

Cuidado, pois muitas pessoas confundem estratégia com resultado almejado.

medida emergencial

Instituições poderão reclassificar operações de crédito negociado, diz BC

Medida valerá para as operações renegociadas entre 1º de março e 30 de setembro de 2020

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements