⚽️ Brasil e Portugal jogam para se evitar nas oitavas-de-final; veja os jogos de hoje na Copa do Mundo

Cotações por TradingView
2020-01-29T18:56:01-03:00
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico. Em 2020, foi eleito pela Jornalistas & Cia como um dos 10 profissionais de imprensa mais admirados no segmento de economia, negócios e finanças.
Nova cartada do bilionário

Warren Buffett vende seu império de jornais por US$ 140 milhões e deixa o setor de imprensa

A Berkshire Hathaway, conglomerado de investimentos administrado por Warren Buffett, vendeu hoje sua divisão de jornais à Lee Enterprises

29 de janeiro de 2020
13:58 - atualizado às 18:56
Warren Buffett, investidor americano | Apple
Imagem: Shutterstock

Os dias do megainvestidor Warren Buffett como dono de jornal chegaram ao fim nesta quarta-feira (29). Mais cedo, o bilionário anunciou a venda de seu império de publicações para a Lee Enterprises, por US$ 140 milhões — deixando de vez o setor de imprensa.

Buffett, um entusiasta da mídia impressa, era dono do The Buffalo News, de Nova York, desde 1977. Desde então, ele comprou diversas publicações e criou a BH Media Group para administrar todos os ativos dessa natureza — atualmente, a empresa era responsável por 31 jornais.

A Lee Enterprises é uma editora tradicional dos Estados Unidos e que possui mais de 200 publicações sob sua responsabilidade. O mercado gostou da novidade: as ações da companhia (LEE) dispararam 66,67%, a US$ 2,10.

Os papéis da Berkshire Hathaway — o conglomerado de investimentos administrado por Buffett e que controlava a BH Media Group — também ficaram no azul: fecharam em alta de 0,21%, a US$ 224,50.

"Acreditamos que a Lee é a empresa melhor posicionada para gerenciar [os jornais da BH Media] em meio aos desafios do setor", escreveu Buffett, em mensagem aos acionistas. "Nenhuma companhia está mais comprometida com a função vital de distribuir notícias locais de alta qualidade".

Além das declarações frisando o compromisso da Lee em continuar publicando os jornais da BH Media, Buffett ainda deu outro sinal de que pretende continuar zelando por suas antigas publicações à distância: a Berkshire Hathaway financiou a operação.

O conglomerado administrado pelo bilionário concedeu uma linha de financiamento de longo prazo de US$ 576 milhões à Lee, com uma taxa anual de 9%. Assim, parte desse montante será usado para comprar a BH Media, e o restante irá para refinanciar a dívida atual da empresa, de US$ 400 milhões.

"Tenho a confiança de que nossos jornais estarão em boas mãos, e também estou satisfeito em aprofundar o relacionamento de longo prazo com a Lee através do acordo de financiamento".

As 31 publicações controladas por pela BH Media eram publicadas em 10 estados americanos: Alabama, Iowa, Nebraska, Nova Jersey, Nova York, Carolina do Norte, Oklahoma, Carolina do Sul, Texas e Virgínia.

Veja abaixo a capa de hoje do The Buffalo News — a última sob o comando de Buffet:

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Sextou com Copa: As ‘zebras’ da B3, um ano de Nubank na bolsa, dividendos da Vale e outras notícias que mexem com o seu bolso

2 de dezembro de 2022 - 8:26

As zebras estão à solta nos gramados do Catar — e o Ruy Hungria explica por que apostar no favorito raramente vale a pena, seja na Copa do Mundo ou na bolsa de valores

MERCADOS AGORA

Bolsa agora: Ibovespa abre em leve alta e opera na contramão do exterior com expectativa sobre payroll; dólar cai

2 de dezembro de 2022 - 7:29

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam sem direção única e com menor liquidez. Sem indicadores econômicos, o Ibovespa acompanha os dados da produção industrial, além do exterior. Às 16h, a seleção brasileira entra em campo pela Copa do Mundo, o que resulta em menor movimentação dos negócios. Lá fora, os investidores aguardam os dados […]

LOTERIAS

Quina acumula, mas Lotofácil tem 8 ganhadores; será que você é um deles?

2 de dezembro de 2022 - 7:03

Cada bilhete premiado da Lotofácil dará direito a quase R$ 180 mil. Já a Quina acumulou novamente e oferece prêmio de R$ 1,2 milhão hoje.

ENTRE O DESEJADO E O POSSÍVEL

Penny stock nunca mais? Oi (OIBR3) aprova proposta de grupamento de ações; confira os detalhes

2 de dezembro de 2022 - 6:50

A partir desta sexta-feira (2), os acionistas da Oi poderão ajustar suas posições em lotes múltiplos de 10 ações; o prazo de livre ajuste termina em 6 de janeiro de 2023

SEXTOU COM O RUY

Por que apostar no favorito raramente vale a pena na Copa do Mundo ou na bolsa — e como encontrar as ‘zebras’ da B3

2 de dezembro de 2022 - 6:07

Em ambos os casos, a grande virtude está em encontrar as distorções entre os retornos de cada cenário e a real probabilidade de eles acontecerem

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies