Menu
2020-07-01T12:07:09-03:00
Após Coca-Cola e Unilever...

Best Buy suspende por um mês anúncios no Facebook

Com isso, ela se junta a um grupo de companhias que nos últimos dias têm decidido cancelar anúncios na rede social por causa da disseminação nela de discursos de ódio

29 de junho de 2020
18:10 - atualizado às 12:07
Logo do Facebook
Facebook - Imagem: Shutterstock

A Best Buy decidiu suspender durante um mês a veiculação de anúncios no Facebook, segundo a agência Bloomberg. Com isso, ela se junta a um grupo de companhias que nos últimos dias tem decidido cancelar anúncios na rede social por causa da disseminação nela de discursos de ódio.

Nos últimos dias, Coca-Cola e Unilever estiveram entre as que anunciaram o cancelamento de anúncios na rede social. Na sexta-feira, o executivo-chefe da rede social, Mark Zuckerberg, divulgou comunicado no qual detalhava diretrizes do Facebook para reforçar o combate à disseminação de discursos de ódio e incentivar a participação nas próximas eleições presidenciais dos Estados Unidos.

Outras empresas que anunciaram a suspensão de publicidade na plataforma incluem Ben & Jerry's, Patagonia Inc., North Face da VF Corp., Eddie Bauer e Recreational Equipment Inc. (REI). A gigante das telecomunicações Verizon anunciou na quinta-feira a interrupção da publicidade no Facebook e no Instagram.

Às 15h19 (de Brasília), a ação do Facebook subia 1,84%, recuperando parte da queda de 8,32% registrada na sexta-feira por causa dessa questão.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Decisão cautelar

TCU proíbe governo Bolsonaro de anunciar em sites que exerçam atividades ilegais

Indícios de irregularidades na veiculação de propagandas do governo federal levaram o TCU a tomar a decisão cautelar, concedida pelo ministro Vital do Rêgo

PGR

Aras recomenda a Guedes mais transparência em gastos no combate à pandemia

A pedido de procuradores do MPF-PE, o procurador-geral da República, Augusto Aras, enviou recomendações para Guedes dar transparência aos gastos federais

Setor em destaque

Estatais de saneamento querem flexibilizar regras para contratar empréstimos

Com regras mais fáceis para a entrada do setor privado, as estatais de saneamento querem que a concessão de empréstimos ao segmento seja menos rigorosa

Preocupação ambiental

Para empresários, discurso do governo sobre desmatamento mudou

Após reunião com o vice-presidente Hamilton Mourão, empresários parecem satisfeitos quanto aos compromissos firmados pelo governo a respeito do desmatamento

O melhor do Seu Dinheiro

MAIS LIDAS: O canto da sereia

Uma matéria alertando para os riscos do day trade foi a mais lida desta semana no Seu Dinheiro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements