Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-12-23T16:51:10-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Fluxo cambial

Saída de dólares supera entrada em US$ 24 bilhões em 2020

Apesar do forte ingresso recente de recursos estrangeiros, até 18 de dezembro o saldo de dólares no país era negativo em US$ 23,663 bilhões

23 de dezembro de 2020
16:51
Cédula de dólar
Imagem: Shutterstock

O fluxo cambial do ano até 18 de dezembro ficou negativo em US$ 23,663 bilhões, informou nesta quarta-feira, 23, o Banco Central. Em igual período do ano passado, o resultado era negativo em US$ 39,807 bilhões. Os dados anuais refletem, em grande parte, os efeitos da pandemia do novo coronavírus sobre o fluxo de moeda estrangeira, em especial no mês de março.

A saída pelo canal financeiro neste ano até 18 de dezembro foi de US$ 47,517 bilhões. O resultado é fruto de aportes no valor de US$ 472,934 bilhões e de envios no total de US$ 520,451 bilhões. O segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo anual acumulado até 18 de dezembro ficou positivo em US$ 23,854 bilhões, com importações de US$ 163,481 bilhões e exportações de US$ 187,335 bilhões. Nas exportações estão incluídos US$ 23,283 bilhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 68,024 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 96,028 bilhões em outras entradas.

Dezembro

Depois de encerrar novembro com entradas líquidas de US$ 438 milhões, o País registrou fluxo cambial negativo de US$ 4,094 bilhões em dezembro até o dia 18.

O canal financeiro apresentou saídas líquidas de US$ 766 milhões no período. Isso é resultado de aportes no valor de US$ 42,844 bilhões e de retiradas no total de US$ 43,610 bilhões. O segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo de dezembro até o dia 18 é negativo em US$ 3,328 bilhões, com importações de US$ 15,349 bilhões e exportações de US$ 12,021 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 799 milhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 6,313 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 4,909 bilhões em outras entradas.

Semana

O fluxo cambial registrado na semana passada (de 14 a 18 de dezembro) para o Brasil ficou negativo em US$ 4,222 bilhões.

O canal financeiro apresentou saída líquida de US$ 3,368 bilhões na semana, resultado de aportes no valor de US$ 12,161 bilhões e de envios no total de US$ 15,530 bilhões. Este segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo na semana passada ficou negativo em US$ 854 milhões, com importações de US$ 5,577 bilhões e exportações de US$ 4,723 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 293 milhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 2,377 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 2,052 bilhões em outras entradas.

Posição cambial líquida está em US$ 299,105 bilhões

A posição cambial líquida do Banco Central atingiu US$ 299,105 bilhões, conforme dados divulgados nesta quarta-feira, 23, pela instituição. O montante tem como referência o dia 18 de dezembro. No fim de novembro, essa posição estava em US$ 297,779 bilhões.

A posição cambial líquida traduz o que está disponível para que o BC faça frente a alguma necessidade de moeda estrangeira - como fornecer liquidez ao mercado em momentos de crise, por exemplo.

A posição leva em conta as reservas internacionais, o estoque de operações de linha do BC (venda de dólares com compromisso de recompra), a posição da instituição em swap cambial e os Direitos Especiais de Saque (DES) do Brasil no Fundo Monetário Internacional (FMI).

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Nova variante vira a mesa nos mercados, bitcoin entra em ‘bear market’ e outros destaques do dia

Se você já estava pronto para tirar o pó da sua fantasia de Carnaval, talvez seja melhor esperar mais um pouco. Além de algumas cidades brasileiras terem decidido adiar a festança por mais um ano, uma reviravolta no andamento da pandemia deixou mais uma vez o mundo em pânico. A variante B.1.1.529 (batizada de ômicron […]

FECHAMENTO DA SEMANA

Nova cepa do coronavírus pega mercado de surpresa; Ibovespa recua quase 4% no dia e apaga ganhos da semana

Ao longo da semana, o Ibovespa também foi pressionado pela indefinição em torno da PEC dos precatórios e a pausa para o feriado nos Estados Unidos

DINHEIRO NO FIM DO ANO

Yduqs (YDUQ3) pagará R$ 141 milhões em dividendos; confira o valor por ação

A empresa do setor de educação pagará cerca de R$ 0,40 por ação ordinária e o dinheiro cairá na conta dos acionistas em 7 de dezembro

OMICRON

5 fatos sobre a nova variante do covid que derrubou os mercados nesta sexta

O anúncio de que uma nova variante do coronavírus surgiu na África do Sul fez com que os mercados internacionais desabassem; veja o que sabemos até agora

REALIDADE AUMENTADA

Metaverso é oportunidade de US$ 1 trilhão e tem criptomoedas com alta de mais de 28.000% no ano; Facebook e Adidas já apostam

Para a gestora Grayscale, anúncios publicitários, eventos digitais e o e-commerce serão responsáveis pelo rendimento

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies