Menu
2020-07-29T15:34:14-03:00
Estadão Conteúdo
Fluxo Cambial

Saída de dólar supera entrada em US$ 16,726 bi no ano até dia 24 de julho, diz BC

Depois de encerrar junho com saídas líquidas de US$ 2,885 bilhões, o País registrou fluxo cambial negativo de US$ 4,190 bilhões em julho até o dia 24, informou o Banco Central.

29 de julho de 2020
15:34
Dólar
Imagem: Shutterstock

O fluxo cambial do ano até 24 de julho ficou negativo em US$ 16,726 bilhões, informou nesta quarta-feira, 29, o Banco Central. Em igual período do ano passado, o resultado era negativo em US$ 6,622 bilhões. Os dados anuais refletem, em grande parte, os efeitos da pandemia do novo coronavírus sobre o fluxo de moeda estrangeira, em especial no mês de março.

A saída pelo canal financeiro neste ano até 24 de julho foi de US$ 42,953 bilhões. O resultado é fruto de aportes no valor de US$ 289,491 bilhões e de envios no total de US$ 332,444 bilhões. O segmento reúne os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo anual acumulado até 24 de julho ficou positivo em US$ 26,227 bilhões, com importações de US$ 87,377 bilhões e exportações de US$ 113,604 bilhões. Nas exportações estão incluídos US$ 16,468 bilhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 40,722 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 56,414 bilhões em outras entradas.

Julho

Depois de encerrar junho com saídas líquidas de US$ 2,885 bilhões, o País registrou fluxo cambial negativo de US$ 4,190 bilhões em julho até o dia 24, informou o Banco Central.

O canal financeiro apresentou saídas líquidas de US$ 4,809 bilhões no período. Isso é resultado de aportes no valor de US$ 26,024 bilhões e de retiradas no total de US$ 30,834 bilhões.

No comércio exterior, o saldo de julho até o dia 24 é positivo em US$ 620 milhões, com importações de US$ 9,103 bilhões e exportações de US$ 9,723 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 1,014 bilhão em ACC, US$ 2,690 bilhões em PA e US$ 6,019 bilhões em outras entradas.

Semana

O fluxo cambial registrado na semana passada (de 20 a 24 de julho) para o Brasil ficou negativo em US$ 1,215 bilhão, informou o Banco Central.

O canal financeiro apresentou saída líquida de US$ 419 milhões na semana, resultado de aportes no valor de US$ 8,108 bilhões e de envios no total de US$ 8,528 bilhões.

No comércio exterior, o saldo na semana passada ficou negativo em US$ 796 milhões, com importações de US$ 3,314 bilhões e exportações de US$ 2,518 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 326 milhões em ACC, US$ 472 milhões em PA e US$ 1,720 bilhão em outras entradas.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

nova abertura de capital

Com preço da ação no piso, Melnick, da Even, movimenta mais de R$ 700 milhões em IPO

A empresa divulgou os planos para sua abertura de capital na B3 em julho e é a 15ª empresa a realizar abertura de capital na bolsa em 2020

reparação histórica

MPT rejeita denúncias de racismo contra Magazine Luiza por programa para negros

Para o MPT, não houve violação trabalhista, mas sim uma ação afirmativa de reparação histórica

seu dinheiro na sua noite

O Abaporu da bolsa

Tarsila do Amaral pintou em 1928 uma figura de traços relativamente simples. Com a cabeça diminuta e os pés gigantes, ela surge nua tendo por companhia apenas o sol a pino e um enorme cacto. Foi só depois da reação empolgada do marido Oswald de Andrade que a artista veio a batizar o quadro de […]

Um outro olhar

Investidores mudam o foco, dólar cai e Ibovespa vive dia de forte recuperação

Bolsa recupera terreno e fecha em alta de 1,33%; dólar retorna a R$ 5,51 com reação a sinalizações de banqueiros centrais

fintech do Mercado Livre

Mercado Pago recebe aporte de R$ 400 milhões do Goldman Sachs

Os recursos têm como destino a divisão de crédito da instituição, o Mercado Crédito, e servirão para expandir a oferta de crédito para pequenos e médios vencedores que usam o Mercado Pago e o Mercado Livre

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements