Menu
2020-06-08T08:54:20-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
efeito coronavírus

Mercado amplia para 6,48% previsão de queda do PIB

Na semana passada, edição do Focus mostrava uma estimativa de redução de 6,25% do PIB

8 de junho de 2020
8:38 - atualizado às 8:54
bolsa b3 crise mercado
Imagem: Shutterstock

O mercado financeiro ampliou a previsão de queda do Produto Interno Bruto (PIB) em 2020, mostra a edição do boletim Focus, do Banco Central, desta segunda-feira (8). A baixa deve ser de 6,48%.

O desempenho da economia é revisto continuamente pelas instituições financeiras de forma mais pessimista, conforme a crise do novo coronavírus avança.

Na semana passada, a projeção do mercado era de baixa de 6,25% do PIB. Um mês atrás, a expectativa era de queda de 4,11%. A estimativa mais recente do governo federal é de tombo de 4,70%.

Para 2021, a previsão do mercado é de uma alta de 3,50% do PIB, que ainda avançaria 2,50% no ano seguinte.

A pandemia também tem impacto nas estimativas para a inflação neste ano. O mercado reduziu a projeção para a alta dos preços de 1,55% na semana passada para 1,53%. Em abril, o país chegou a registrar deflação de 0,31%.

Segundo o Focus, as projeções para Selic e câmbio em 2020 foram mantidas em, respectivamente, 2,25% e R$ 5,40. Para o ano seguinte, a estimativa do mercado é de taxa básica de juros a 3,50% e dólar a R$ 5,08.

A Selic já está em mínima histórica, mas a baixa da demanda influencia o Banco Central a continuar com o ciclo de cortes. Já o dólar passou por semanas de alívio, após ameaçar chegar a R$ 6. Na sexta-feira, fechou o dia cotado a R$ 4,99.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Decisão cautelar

TCU proíbe governo Bolsonaro de anunciar em sites que exerçam atividades ilegais

Indícios de irregularidades na veiculação de propagandas do governo federal levaram o TCU a tomar a decisão cautelar, concedida pelo ministro Vital do Rêgo

PGR

Aras recomenda a Guedes mais transparência em gastos no combate à pandemia

A pedido de procuradores do MPF-PE, o procurador-geral da República, Augusto Aras, enviou recomendações para Guedes dar transparência aos gastos federais

Setor em destaque

Estatais de saneamento querem flexibilizar regras para contratar empréstimos

Com regras mais fáceis para a entrada do setor privado, as estatais de saneamento querem que a concessão de empréstimos ao segmento seja menos rigorosa

Preocupação ambiental

Para empresários, discurso do governo sobre desmatamento mudou

Após reunião com o vice-presidente Hamilton Mourão, empresários parecem satisfeitos quanto aos compromissos firmados pelo governo a respeito do desmatamento

O melhor do Seu Dinheiro

MAIS LIDAS: O canto da sereia

Uma matéria alertando para os riscos do day trade foi a mais lida desta semana no Seu Dinheiro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements