Menu
Rodolfo Amstalden
Exile on Wall Street
Rodolfo Amstalden
Sócio-fundador da Empiricus e autor do Programa de Riqueza Permanente
2020-06-25T10:43:06-03:00
Exile on Wall Street

Flight to quality

Dentre as poucas lições construtivas que preciso extrair da desaceleração causada pela pandemia, uma delas tem a ver com negócios.

25 de junho de 2020
10:43
ações gráficos empresários bolsa
Imagem: Shutterstock

A pandemia é uma merda, não fico tentando enxergar coisas boas em meio à pura merda.

Se você é um desses que tenta, apague imediatamente este e-mail e compre um livro de autoajuda na Amazon. Boa leitura!

Mas de vez em quando enxergo, mesmo sem querer, as coisas que só vejo quando desacelero.

Dentre as poucas lições construtivas que preciso extrair daí, uma delas tem a ver com negócios.

Tem a ver com a lente que usamos para tentar entender uma empresa, para interpretar uma demonstração de resultados do exercício.

Tradicionalmente, segundo o modelo fabril, o empresário era induzido a tratar as receitas como algo dado, definido exogenamente pelas forças de mercado, acompanhando um crescimento orgânico.

Talvez o fato de a receita nascer como primeira linha, top line, mais próxima aos céus, conferia a ela uma certa conotação metafísica.

Assim, o grau de atenção dado à DRE respeitava a proporção de sete (ou mais) linhas de custos gerenciáveis para cada uma linha de receita divina.

Dentro desse contexto, praticamente todas as questões de negócio tidas como relevantes diziam respeito a cost saving e choques de eficiência.

Foi como ficou famoso o modelo Falconi, sonho grande do 3G, etc.

No entanto, já um pouco antes da Covid e, principalmente, de agora em diante, essas questões clássicas se tornaram quase obsoletas; certamente, menos representativas do todo que importa.

Não sei mais se árvores vivas não crescem até o céu, mas sei com certeza que, ao morrer, elas não passam do chão.

Por exemplo, a velha pergunta da indústria de transporte aéreo sobre como operar voos com mais eficiência (logística, energética…) foi radicalmente substituída por: como fazer com que seres humanos voltem a entrar em aviões?

Na verdade, essa sempre foi a verdadeira pergunta por trás do negócio. Só havíamos nos acostumado com ela a ponto de "taking it for granted".

Lavagem cerebral corporativa, fomos treinados para esquecer que conversas sobre eficiência tratam de uma pequena parte da empresa, crescentemente irrisória.

Ora, empreendedorismo não é e nunca foi uma função de eficiência.
(Se você é consultor da McKinsey, desculpe, mas alguém precisava te falar isso.)

Empreendedorismo é a mais bem-sucedida investigação — embora ainda repleta de erros — sobre o que as pessoas realmente querem.

Máquinas de lavar louças são boas para lavar louças, mas talvez até melhores para esconder prontamente as louças sujas fora do seu campo de visão enquanto não são lavadas.

Quem tem piscina em casa mergulha só três vezes por ano, mas piscinas permitem que você se acalme olhando para a água e permitem que você vista maiô, biquíni ou sunga num dia de calor à beira da piscina sem parecer um imbecil.

É tudo isso que as pessoas querem.

E se, de repente, elas quiserem outra coisa, um novo negócio vai tratar de descobrir.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Novo nome no MEC

Bolsonaro anuncia pastor Milton Ribeiro como novo ministro da Educação

Decreto presidencial nomeou professor para o cargo nesta sexta-feira

Investimento para o cliente

Corretora Warren recebe aporte de R$ 120 milhões para investimento em plataformas digitais

Fintech visa multiplicar por cinco patrimônio sob gestão até o fim de 2021 e aumentar alcance da marca: ‘Nossa meta é seguir investindo em tecnologia’

Chegou lá

E o Ibovespa, quem diria, voltou aos 100 mil pontos. O que isso significa?

Depois de mais de quatro meses, o Ibovespa finalmente reconquistou o patamar dos três dígitos. Algumas boas notícias da economia doméstica ajudam a explicar o otimismo na semana, mas há mais fatores que influenciaram esse movimento

Crise se afastando?

Barômetros globais sinalizam retomada gradual da economia mundial, diz FGV

Melhoras ainda estão condicionadas a um ‘grau elevado’ de incerteza diante da pandemia, pondera pesquisador

desconfiança justa?

Amazon pede que funcionários excluam TikTok por questões de ‘segurança’

Segundo uma captura de tela obtida pelo The New York Times, a empresa de e-commerce enviou um e-mail solicitando a exclusão do app

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu