Menu
Rodolfo Amstalden
Exile on Wall Street
Rodolfo Amstalden
Sócio-fundador da Empiricus e autor do Programa de Riqueza Permanente
2020-05-07T17:00:12-03:00
Exile on Wall Street

Comprar? Vender? O que você vai fazer hoje?

Enquanto o ataque é conjuntural e se manifesta de várias formas, a defesa geralmente é única e estrutural

7 de maio de 2020
11:07 - atualizado às 17:00
duvidasdomercado

Segunda a sexta, todo dia é dia de mercado.

Preços sobem, preços caem.

Mas isso não significa que tenhamos que fazer algo diferente a cada pregão.

Essa é uma maldição que se aplica somente aos traders.

Ao restante de nós, cabe constatar que a inação pode gerar resultados vitais em períodos de incerteza.

Como bem escreveu o Felipe nesta coluna na segunda, "o investidor deve reconhecer que há momentos em que não existem grandes teses".

Enquanto o ataque é conjuntural e se manifesta de várias formas, a defesa geralmente é única e estrutural.

Há muitas ações exponenciais, mas só existe um dólar, cada vez mais perto dos R$ 6.

Há muitos fóruns de investimento, mas só existe um Warren Buffett.

Buffett que, aliás, não tem feito nada desta vez porque já vinha fazendo, está sentado em uma montanha de caixa.

Idem para nós.

A inação, tão criticada pelo mercado, denota paciência e sabedoria.

Já o excesso de movimento frequentemente se manifesta em operações precipitadas, custosas e até mesmo fraudulentas (Madoff chegou a girar 10% do volume da NYSE).

Algumas experiências de vida me ensinaram a duvidar de pessoas que todo dia surgem com ideias novas, incapazes de executá-las.

Também cansei de ser acompanhado por passageiros que não conseguem fazer uma viagem de carro de 3 horas sem passar cinco minutos em silêncio.

Se você não está em paz consigo mesmo, não é a Bolsa de Valores que vai lhe trazer essa paz.

Se está com crise de ansiedade, fique longe de dinheiro, longe do cartão de crédito, perto de um chá de camomila ou de um saco de pancada.

Calma lá.

Vai chegar a hora em que faremos coisas inovadoras, emocionantes, espero que lucrativas.

Por ora, o importante é ter carteiras diversificadas e alinhadas com nossas recomendações de proteção e fuga para qualidade.

Você pode e deve estar comprado em Bolsa, do jeito certo, na medida certa. 

Comprar Bolsa e estar comprado em Bolsa são coisas bem diferentes. 

E se venceu sua debênture, CDB, LCI, LCA bem no dia de hoje, coloque essa grana em ouro, dólar (caso esteja subalocado) ou em um fundo DI puro-sangue, sem dívida privada.

Este é um momento especialmente relevante para cortar o ciclo vicioso de comprar um novo CDB high yield assim que o velho venceu.

É hora de valorizar a bola de segurança.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Dados atualizados

Mortes por coronavírus no Brasil vão a 34.973; infectados são 643.766

Na quinta-feira, havia 34.021 mortes registradas, segundo o Ministério da Saúde. O balanço diário totalizava 614.941 infectados

Números da pandemia

‘Acabou matéria no Jornal Nacional’, diz Bolsonaro sobre atraso em dados do coronavírus

Questionado sobre o terceiro dia com atraso seguido na divulgação de mortos e infectados pela covid-19 pelo Ministério da Saúde, o presidente Jair Bolsonaro afirmou, nesta sexta-feira, 5, que “acabou matéria no Jornal Nacional”, telejornal da TV Globo

seu dinheiro na sua noite

A crise do coronavírus vai ser uma marolinha?

Em 2008, ao ser questionado sobre a crise financeira, o ex-presidente Lula disse que o tsunami sobre a economia global chegaria ao Brasil como uma “marolinha”. O resultado você e eu conhecemos. Pois bem, com a rápida recuperação dos mercados nas últimas semanas já vejo muita gente resgatar a tese da marolinha. Na nova versão, […]

Marcelo Guaranys

Ninguém voltará para fila do Bolsa Família após fim do auxílio emergencial, diz secretário

Depois de o governo transferir quase R$ 84 milhões do Bolsa Família para publicidade institucional, secretários do Ministério da Economia disseram que o programa está com a fila zerada

Isso é que é alívio

Dólar despenca 6,52% na semana e fica abaixo de R$ 5,00; Ibovespa dispara mais de 8%

O dólar à vista terminou a semana a R$ 4,99, indo ao menor nível desde 26 de março, enquanto o Ibovespa cravou a sexta alta seguida e voltou ao patamar de 94 mil pontos. Entenda o que motivou toda essa onda de otimismo nos mercados

Secretário especial da fazenda

Bolsa Família não foi prejudicado com transferência de recurso à Secom, diz Waldery

Ele lembrou que o governo decidiu prorrogar o auxílio emergencial por duas parcelas “em princípio” e que, depois da medida provisória que previa o pagamento permanente do 13º para o Bolsa Família caducar, o governo analisará o espaço orçamentário para esse medida neste ano

Efeito coronavírus

Varejo de SP tem perdas de R$ 16 bilhões durante quarentena, diz Fecomercio

O cálculo é da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), levando em consideração 72 dias de quarentena até ontem

Menos frequência, mais gasto

Redes de supermercados e atacarejos faturam 12,5% a mais em maio

Os dados são de um levantamento da GS Ciência do Consumo, empresa de inteligência analítica e soluções de tecnologia para indústria e varejo

YDUQ3 salta 10% na bolsa

BTG mantém-se neutro sobre Yduqs, mas vê ‘gatilho valioso’ após aquisição de R$ 120 milhões

Yduqs salta mais de 10% no Ibovespa; para BTG, o fraco ímpeto de lucros da companhia e a falta de catalisadores ainda justificam a cautela na recomendação

Dono da Warner Music

Len Blavatnik: o bilionário que apostou na indústria fonográfica e se tornou um dos homens mais ricos do mundo

Com o bem-sucedido IPO da Warner Music, na Nasdaq, Blavatnik, que apostou na empresa quando a indústria fonográfica desmoronava, saltou quase 20 posições na lista dos mais ricos do mundo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu