Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-05-15T13:03:15-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
urgente

Ibovespa acentua queda após saída de Nelson Teich do Ministério da Saúde

Informação foi confirmada pela Pasta; Nelson Teich assumiu o ministério há menos de um mês em meio à crise

15 de maio de 2020
12:15 - atualizado às 13:03
Nelson Teich
O novo ministro da Saúde, Nelson Teich, durante pronunciamento no Palácio do Planalto - Imagem: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

O Ibovespa acentua perdas no final da manhã desta sexta-feira (15) após a notícia que o ministro da Saúde, Nelson Teich, deixou o cargo.

O principal índice da bolsa começou o dia operando entre altos e baixos. Às 11h40, recuava 0,46%, aos 78.649,49 pontos. Mas às 12h10 o Ibovespa já caía 1,53%, 77.807,43 pontos.

O Ministério da Saúde confirmou que Nelson Teich pediu demissão. O governo promove uma coletiva de imprensa na tarde desta sexta-feira para falar sobre o assunto.

Teich assumiu a pasta em 17 de abril, após o então ministro Luiz Henrique Mandetta deixar o cargo por divergências com o presidente Jair Bolsonaro, em especial sobre o isolamento social.

Na segunda-feira, Teich soube em uma entrevista coletiva que o presidente havia editado um decreto ampliando as atividades consideradas essenciais durante a pandemia, incluindo salões de beleza e academias.

Havia também divergências entre o ministro e Bolsonaro sobre uso da cloroquina em pacientes da covid-19. Hoje, a recomendação da pasta é para casos graves e de internação, enquanto o presidente defende a prescrição ampla da substância — cujo efeito contra a doença não é comprovado.

Bolsa e política

O desempenho do Ibovespa, assim como o de outros índices de ações em todo o mundo, está ligado às perspectivas políticas locais e do exterior. Indícios de instabilidade costumam impor tensão aos investidores.

O mercado pode ver riscos de uma recuperação mais lenta da economia e uma falta de habilidade do governo em promover as medidas necessárias para garantir o crescimento a longo prazo.

Desde o início do ano, a bolsa brasileira passou por movimentos semelhantes com a saída do então ministro Luiz Henrique Mandetta e com o pedido de demissão de Sergio Moro (anteriormente à frente da Segurança Pública).

A instabilidade política e a crise do coronavírus puxam uma queda de mais de 30% do Ibovespa desde o início de janeiro — depois de em 2019 o índice subir 31,58%.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

de olho na inovação

Amazon sinaliza interesse por criptomoedas em anúncio de emprego

Empresa procura “um líder de produto experiente para desenvolver a estratégia e o roadmap de produtos e moedas digitais

balanço em foco

Lucro da Hypera Pharma aumenta 18% no segundo trimestre

Cifra chegou a R$ 470,6 milhões no período; companhia obteve alta de 43,5% na receita líquida, a R$ 1,5 bilhão

seu dinheiro na sua noite

Quebrando recordes na corrida dos ETFs

A pira foi acesa em Tóquio: os Jogos Olímpicos estão oficialmente abertos — e eu estou empolgadíssimo. Não sei vocês, mas eu adoro as Olimpíadas, principalmente os esportes não muito convencionais. Claro, é legal assistir futebol, vôlei e basquete, mas eu gosto mesmo é de ver as modalidades que nunca passam na TV. Duelo de […]

FECHAMENTO DA SEMANA

Inflação salgada pressiona juros, mas dados americanos amenizam alta do dólar — já a bolsa não escapou da queda

Em semana recheada de ruídos políticos e incertezas, o Ibovespa acumulou uma queda de 0,72%. Já o dólar à vista subiu 1,86%, a R$ 5,2105

de olho no ir

Alta da arrecadação não dá ‘total liberdade’ para reduzir impostos, diz secretário do Tesouro

Jeferson Bittencourt considerou também que a reforma do IR ainda está em aberto, com muito para se discutir

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies