Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2019-06-06T19:34:34-03:00
Seu Dinheiro na sua noite

Quando os bancos resolvem dar uma de Masterchef

6 de junho de 2019
19:34
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Junte várias empresas de um mesmo setor espalhadas por várias regiões do país. Prepare um plano agressivo de expansão via aquisições. Misture tudo e venda as ações em um IPO (sigla em inglês para oferta pública de ações) na bolsa.

Nos tempos áureos do mercado, o prato foi servido como iguaria pelos bancos, que trocavam apenas o ingrediente principal, ou seja, o setor de atuação da empresa.

Era possível reconhecer o prato no cardápio da bolsa por uma uma característica em comum: a sigla BR na frente do nome da empresa, que podia ser uma holding de corretoras de imóveis ou de seguros, por exemplo.

O problema é que, na maioria dos casos, quem engoliu as ações teve uma tremenda indigestão. Foi o caso da BR Pharma, que chegou à bolsa em 2011 ostentando o título de maior rede de drogarias em número de lojas e avaliada em quase R$ 1,4 bilhão.

Um gestor de fundos com quem eu conversei na época da abertura de capital já havia me alertado que o modelo da empresa, com lojas espalhadas em regiões muito distantes do país, dificilmente iria para frente.

A profecia do gestor se concretizou de forma definitiva hoje com o pedido de falência da BR Pharma, anunciado hoje após uma frustrada tentativa de recuperação judicial.

Como esperado, a notícia fez as ações da dona da rede Farmais despencarem mais de 35%. Saiba como foi esse dia indigesto para os acionistas da BR Pharma nesta matéria do Kaype Abreu.

Vota que eu subo

As atenções dos investidores no mercado financeiro se voltaram para outro canto da Praça dos Três Poderes nesta quinta-feira. Eles deixaram o Congresso e foram para o STF, que seguiu com a votação sobre a necessidade de autorização do Legislativo para as privatizações. O Ibovespa, que patinou durante toda a manhã, acabou embarcando em uma alta firme após os ministros votarem pela derrubada dessa autorização. O Victor Aguiar acompanhou toda essa movimentação e conta para você como foi o dia nos mercados.

Detalhes não tão pequenos

Já falaram na internet que o banco digital é a nova paleteria mexicana. Não sei dizer se a onda de empresas entrando no mundo de serviços financeiros terá o mesmo destino das sorveterias que abriram às pencas nas grandes cidades - e fecharam em seguida. De todo modo, o mercado gostou bastante do lançamento da Via Varejo, que decidiu competir com os bancos pelo dinheiro da sua conta. Um sinal foi a forte alta das ações da varejista hoje na bolsa. Mas será que a iniciativa vai dar certo? Melhor você conferir o que pensam os principais analistas que cobrem a Via Varejo.

Quem tem voto, tem tudo

Muita gente reclama que o tempo para aprovar a reforma da Previdência é muito longo. De fato, a discussão de textos tão urgentes como esse poderiam ganhar marcha mais rápido, mas acontece que o tempo da política costuma ser diferente do da economia. Lá em Brasília, quem manda são os votos. Isso ficou muito claro na fala de hoje do presidente da Comissão Especial na Câmara. Para ele, o prazo de aprovação agora só depende do governo, e não há oposição que consiga reverter isso. Entenda nesta matéria o que ele quis dizer.

Esse tal shopping center

Não sei se a temperatura na cidade onde você mora caiu nos últimos dias, mas no mercado de fusões e aquisições o clima segue quente. Pouco depois do fechamento da bolsa, as administradoras de shoppings Aliansce e Sonae Sierra Brasil anunciaram acordo para fusão, depois de uma longa negociação. Saiba mais sobre essa fusão que acabou de sair do forno nesta matéria da Bruna Furlani.

Cada vez maior

Já faz um tempo que o mercado de criptomoedas tem assistido a uma supervalorização do bitcoin. Já faz um tempo também que nossos especialistas em criptomoedas vêm alertando você sobre a continuidade dessa onda de alta. Mas o Fausto Botelho acredita tanto nessa valorização que resolveu listar mais algumas razões que comprovam essa tendência. No vídeo de hoje, ele também traz para você oito criptomoedas que estão prontinhas para subir, só esperando o próximo gatilho.

3, 2, 1 gravando

Você que acompanha a nossa newsletter já deve estar acostumado com os bate-papos de sexta-feira no Podcast Touros e Ursos. A febre desse modelo veio para ficar e ganha cada vez mais adeptos ao redor do mundo. Afinal, quem não gosta de ouvir conteúdos de qualidade por aí? Nessa semana, inclusive, o Spofity fechou uma parceria exclusiva com um casal mundialmente famoso que resolveu embarcar e um novo projeto de podcast. E o projeto tem tudo para dar certo, como você confere nesta matéria.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua noite", a newsletter diária do Seu Dinheiro. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Quem não arrisca...

Jive Investments aposta em agentes autônomos e educação para atingir varejo após aporte da XP

Sócio da gestora de investimentos alternativos, Guilherme Ferreira revela os motivos da preferência por operação privada ao invés de abrir capital

Aperto nas contas

Gastos extras vão reduzir ‘folga’ do teto de gastos em 2022, prevê governo

O avanço nas despesas obrigatórias, estimado em R$ 105,2 bilhões, é o que limita o “espaço livre” do governo para novos gastos no próximo ano

Inflação no horizonte

Choque de preços tem causa temporária, mas persistência maior, diz Campos Neto

Em coletiva do RTI, o presidente do BC, Roberto Campos Neto, disse que os efeitos dos choques de preços têm durado mais que o previsto

De São Roque para o mundo

Aeroporto da JHSF recebe autorização para operar voos internacionais

Com aval das autoridades, São Paulo Catarina se tornará o primeiro aeroporto internacional exclusivamente dedicado à aviação executiva no país

Planos decolando

Eve faz parceria com Blade para disponibilizar eVTOL nos EUA, diz Embraer

A Eve planeja disponibilizar, junto a seus parceiros locais, até 60 aeronaves para uso da Blade pelos EUA a partir de 2026

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies