Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2019-02-01T20:16:49-02:00
Seu Dinheiro na sua noite

Promessa é lucro

Enquanto o Congresso ferve com as eleições para presidente da Câmara e do Senado, investidores seguem confiantes nas reformas e privatizações

1 de fevereiro de 2019
20:16
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Foi um professor de economia que me ensinou uma das lições mais valiosas no jornalismo, quando ainda eu dava os meus primeiros passos na cobertura de bolsa.

Ao questioná-lo sobre o que esperava para o Ibovespa naquele ano (2003, se não me engano), ele me respondeu:

“Eu posso te dizer qual a minha projeção, você pode ter a sua projeção. Mas eu confiaria mais na projeção de quem está botando dinheiro nela.”

No caso, quem coloca dinheiro é o tal mercado. Naquele ano, os investidores se convenceram de que Lula faria uma gestão prudente na economia. Tanto que apostaram nesse cenário (e ganharam muito dinheiro). Em outras palavras, o dinheiro não veste azul nem rosa (ou vermelho).

Uma onda parecida se formou neste início de governo Bolsonaro. O mercado avalia que o pacote formado por privatizações, reformas e redução da intervenção do Estado vai dar um gás na economia brasileira nos próximos anos.

E não se trata de um mero palpite ou pensamento positivo. “Acreditar”, na língua da Faria Lima, significa colocar dinheiro.

Outra característica típica do mercado é se antecipar aos acontecimentos. Promessa para os investidores não é dívida, e sim lucro.

O comportamento das ações das empresas estatais na bolsa reflete bem essa máxima. Quer saber o quanto as companhias controladas pelo governo se valorizaram só em janeiro? Então eu recomendo a leitura desta reportagem da Bruna Furlani.

Sem você eu não sou nada

A alta da bolsa em janeiro foi apenas um aperitivo para o que vem por aí. Pelo menos essa é a expectativa de grandes investidores ouvidos em um levantamento feito pela XP Investimentos. Mas, para que essa lua-de-mel consiga evoluir para um relacionamento forte e duradouro, uma condição é fundamental: a reforma da Previdência, é claro. Se a proposta aprovada no Congresso for ainda mais abrangente do que a proposta pelo governo Temer, o Ibovespa pode testar voos bem mais altos. Mas se a reforma não sair… Bem, saiba tudo sobre as projeções do mercado nesta reportagem.

Congresso em foco

As atenções hoje estão voltadas para o Congresso, onde acontece hoje a escolha dos presidentes da Câmara e do Senado. Na Câmara tudo parece encaminhado para a eleiçao de Rodrigo Maia. Agora no Senado o jogo está aberto - inclusive há dúvidas de que a votação termine nesta sexta. Mas uma coisa é certa: independentemente de quem ganhar, a reforma da Previdência tem tudo para ser pautada e votada pelo Congresso. O Eduardo Campos explica por que nesta entrevista com o cientista político e sócio da Arko Advice, Lucas de Aragão.

Dia 32 de Bolsonaro - Uma casa e seus presidentes

O presidente Jair Bolsonaro segue em São Paulo e seu porta-voz apresentou um resumo do primeiro mês de governo. Mas Bolsonaro e demais assuntos estão em segundo plano neste 1º de fevereiro. O foco está na... (leia mais)

A bolsa e o seu bolso

Sabe aquele ditado que diz “em time que está ganhando não se mexe”? Pois é, esqueça dele na hora de planejar os seus investimentos. Tivemos um mês de janeiro absurdamente positivo no mercado brasileiro, isso é fato, mas o clima na bolsa está sempre sujeito a chuvas trovoadas. Afinal, não é à toa que se chama renda variável. Para o nosso colunista Felipe Miranda, o otimismo está mantido, mas é preciso uma boa dose de prudência mesmo nos momentos de euforia. Entenda o que ele quis dizer com isso.

Sextou com recorde…

Tudo caminhava para ser uma sexta-feira de realização de lucros na bolsa. Ou em português mais claro: um dia para colocar o lucro no bolso. Mas nos últimos negócios do dia, o Ibovespa encontrou forças para fechar em um novo patamar recorde. Agora faltam apenas 2.139 pontos para os 100 mil… Na nossa cobertura de mercados você confere todos os detalhes do primeiro pregão de fevereiro.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Primeiro passo

Os documentos que você deve reunir para declarar o imposto de renda 2021

Reunir a documentação que te auxilia no preenchimento da declaração é o primeiro passo. Empresas tiveram até a última sexta (28) para entregar os informes de rendimentos.

FECHAMENTO

Ibovespa reage na reta final e sobe mais de 1% com novidades sobre PEC Emergencial; dólar também sobe refletindo cautela

A bolsa chegou a cair mais de 2%, enquanto o Banco Central precisou injetar mais de US$ 2 bilhões para tentar segurar o câmbio

Chama o Max

Devo comprar ações da Jereissati para surfar na retomada da economia? Confira a análise

Como investidor, você pode tirar proveito da retomada da economia através dos papéis de uma das mais promissoras microcaps nacionais.

Fundos de investimento

Ney Miyamoto deixa equipe de gestão da Alaska

Fundador e um dos executivos mais experientes da equipe da Alaska, Miyamoto permanece como sócio e investidor dos fundos da casa

Vai pedir música no Fantástico

CVM abre terceiro processo administrativo desde início da crise na Petrobras

O sistema da CVM não indica a apuração de eventuais operações atípicas com papéis da petroleira no período recente.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies