Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
Dados da Bolsa por TradingView
2019-11-07T19:20:17-03:00
Seu Dinheiro na sua noite

Entre tapas e beijos

7 de novembro de 2019
19:20
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Em um dia marcado por uma inusitada briga de jornalistas, a boa notícia, quem diria, veio justamente de dois gigantes que vinham travando uma luta barulhenta.

Autoridades dos Estados Unidos e da China se sentaram na mesa, negociaram (sem direito a tapas e dedos apontados) e concordaram em remover gradualmente as tarifas que foram impostas desde que começou a guerra comercial.

A disputa entre norte-americanos e chineses parece distante, mas foi o tema que dominou a agenda dos mercados ao longo deste ano, depois da reforma da Previdência.

O grande receio dos investidores era (e ainda é) o de que a imposição de tarifas de importação reduza o comércio global, afete as economias e os resultados das empresas.

Esse efeito em cascata bate diretamente na bolsa. Foi por isso que em agosto, quando Donald Trump praticamente desferiu um tapa virtual nos chineses via Twitter, o Ibovespa passou por um dos piores momentos do ano.

É claro que essa história está longe de terminar e nada impede que o clima atual de paz e amor se reverta, ainda mais porque no ano que vem tem eleições presidenciais nos EUA.

Mas como eu escrevi na newsletter de ontem à noite, conforme as incertezas saem ou ficam mais distantes no radar, o apetite a risco dos investidores aumenta.

Depois de uma certa frustração com o megaleilão de ontem das áreas da cessão onerosa do pré-sal, o Ibovespa subiu 1,13% e cravou o trigésimo recorde do ano (doce rotina), aos 109.580 pontos. O dólar, porém, não entrou na dança e voltou a subir.

Quer saber todos os detalhes sobre esse dia de tapas e beijos nos mercados? Então não deixe de conferir a cobertura do Victor Aguiar.

De novo ela

A Petrobras voltou a salvar a pele do governo em mais um leilão de petróleo realizado nesta quinta-feira. Dessa vez a petroleira levou, em sociedade com a estatal chinesa CNODC, o bloco de Aram, área de pré-sal que estava sendo negociada em regime de partilha. Ao todo, 13 empresas estavam habilitadas a participar do evento, mas parece que o resultado frustrou as expectativas do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e do diretor-geral da ANP, Décio Oddone. Confira todos os detalhes do leilão nesta matéria.

Tanque cheio

A Ultrapar se beneficiou de um dos maiores merchandisings gratuitos da história ao longo da campanha presidencial do ano passado, com o apelido de Posto Ipiranga dado pelo então candidato Jair Bolsonaro a Paulo Guedes. Pois mesmo com toda essa força, os resultados da companhia iam de mal a pior. Mas parece que a pior fase ficou para trás. Tanto que as ações fecharam o dia em forte alta de 5,27%. Será então que é hora de encher o tanque com os papéis? Saiba o que dizem os analistas que cobrem a empresa nesta matéria da Jasmine Olga.

Olha como ela vem

Falando em tanque cheio, a locadora de veículos Movida também trouxe números bastante animadores em seu balanço trimestral, com melhora nos principais indicadores. O resultado, claro, foi a alta das ações, que acumulam um ganho superior a 90% só neste ano. Mas e o que dizem os analistas que acompanham a empresa? A Bruna Furlani teve acesso aos relatórios de várias corretoras e reuniu todas as recomendações para você.

R$ 3,7 bilhões

Foi o valor que o consórcio formado entre Copagaz, Itaúsa e Nacional Gás apresentou para comprar a Liquigás. A divisão de gás de cozinha da Petrobras foi colocada à venda pela estatal e o grupo foi o que apresentou o maior valor pelo negócio. Os vencedores ainda devem ser confirmados pela Petrobras, mas tudo indica que o consórcio que fez a proposta deve mesmo levar a companhia. Saiba as condições de venda da Liquigás e quem também está (ou estava) interessado no negócio.

Faça a conta: 1 + 1 = ?

No mundo convencional, a resposta certamente é dois. Mas para o Banco do Brasil e o suíço UBS o resultado dessa soma pode ser um número muito maior. Isso porque os bancos firmaram um acordo de união de negócios nas áreas de banco de investimentos e corretora de valores, e traçaram como objetivo alcançar a liderança nas operações realizadas no mercado de capitais brasileiro. Eu estive na entrevista coletiva que reuniu os principais executivos dos dois bancos e conto para você a matemática desse casamento.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

em busca de recursos

AES Brasil (AESB3) aprova oferta pública e pode captar até R$ 1,8 bilhão

De acordo com a AES Brasil, o objetivo da oferta é acelerar seu plano de crescimento, com foco na diversificação do portfólio por meio de fontes complementares à hídrica, além de potencializar a criação de valor para os acionistas

o melhor do seu dinheiro

Mercados na semana: mais imposto, indefinição sobre dívidas e desaceleração na China

O Ibovespa acumulou uma perda de 2,5% na semana que termina e o dólar à vista avançou 0,28%, para R$ 5,28.  Foram três os principais fatores que impactaram os mercados: o anúncio de aumento de impostos, a indefinição sobre os precatórios — dívidas do governo com sentença judicial definitiva — e uma possível desaceleração da […]

Podcast Mesa Pra Quatro

De corretor de investimentos a árbitro e comentarista de futebol: conheça a trajetória de Arnaldo Cézar Coelho

O ex-árbitro e ex-comentarista de futebol é o convidado do podcast Mesa Pra Quatro. Ele conta como sua mãe influenciou a investir em imóveis e fala sobre a sua trajetória no mercado financeiro, um lado que poucos conhecem – confira agora

nome limpo na praça

Boa Vista (BOAS3): Itaú BBA inicia cobertura com ‘compra’ e potencial de alta de 27%

Preço-alvo para 2022 foi estabelecido em R$ 15,50, apoiado na tese de crescimento da companhia e do mercado de serviço de informações de crédito

de olho na inovação

Bitcoin é ineficiente como moeda e bom apenas para especulação, diz ‘Papa’ do valuation

Damodaran disse que a importância que tem sido dada ao bitcoin é desproporcional em relação ao seu papel na economia e minimizou a adoção da criptomoeda por El Salvador

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies