Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-06-11T13:26:27-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
em busca de consenso

Doria diz que nenhum governador se mostrou contra Estados e municípios na reforma

Governador de São Paulo participou de um encontro que reuniu 25 governadores; ele disse que o PSDB deve fechar questão pela aprovação da reforma

11 de junho de 2019
13:21 - atualizado às 13:26
João Doria
Governador de São Paulo participou de um encontro que reuniu 25 governadores; ele disse que o PSDB deve fechar questão pela aprovação da reforma. - Imagem: Flávio Corvello/Estadão Conteúdo

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse nesta terça-feira, 11, que nenhum governador se mostrou contra Estados e municípios na reforma da Previdência. Ele se referia ao grupo de políticos que se reuniram nesta terça-feira em Brasília.

Segundo ele, o PSDB deve fechar questão pela aprovação da reforma. "O relator também se mostrou sensível aos pontos apresentados pelos governadores, como a exclusão das alterações nas regras do Benefício de Prestação Continuada (BPC), das mudanças para aposentadorias rurais, da capitalização e da desconstitucionalização de parâmetros da Previdência", afirmou.

Doria participou de um encontro que reuniu 25 governadores, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o relator da proposta de reforma da Previdência, Samuel Moreira (PSDB-SP) e o presidente da comissão especial da reforma, Marcelo Ramos (PL-AM).

Segundo o governador de São Paulo, os governadores também levantaram pontos sobre as polícias militares e o magistério, incluindo o debate sobre a idade de aposentadoria das professoras. "O relator afirmou que é possível analisar estes pontos", afirmou.

"Queremos transmitir a positividade dessa reunião em votos, não adianta ser favorável se não conseguir transformar isso em votos. Hoje o PSDB vai se reunir com o objetivo de fechar questão pela aprovação da reforma da Previdência. É a primeira vez em 30 anos que o PSDB propõe fechar questão em torno de uma proposta", completou Doria.

Para governador do DF, ideia é transição suave

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), também opinou sobre a reforma. Ele disse que o relator da Previdência, Samuel Moreira (PSDB-SP), deve analisar uma forma de transição mais suave para as professoras que estão na ativa.

Segundo Ibaneis, a idade de aposentadoria de policiais militares, agentes penitenciários e bombeiros poderá ser aumentada. "A proposta dos governadores é eliminar privilégios, hoje temos policiais que se aposentam antes dos 50 anos", afirmou, após reunião do Fórum dos Governadores.

Para ele, não adianta fazer uma reforma que não tenha efeito sobre a Previdência dos Estados. "As condicionantes colocadas pelos governadores são muito importantes para manter benefícios para quem mais precisa e para manter a recuperação fiscal necessária", afirmou.

Ibaneis disse ainda ser possível que o MDB feche questão pela aprovação da reforma da Previdência, desde que os pontos apresentados sejam atendidos por Moreira. "O relator chegou na reunião dizendo que veio para estabelecer o consenso", concluiu.

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Crise dos chips

Sem carro zero no mercado, preço de usados sobe até 20% e vendas disparam – carro usado chega a custar mais que um novo

Mercado enfrenta escassez de semicondutores, demanda alta por veículos e prazos longos para a entrega

sem escassez

Fábrica da Tesla em Xangai deve terminar setembro com 300 mil carros produzidos em 2021

Marca será atingida mesmo em meio a uma escassez global de semicondutores, disseram duas fontes da montadora à Reuters

Fim da pandemia

CEO da Pfizer prevê que voltaremos à vida normal dentro de um ano, mesmo com novas variantes do coronavírus

Albert Bourla acredita que vacinação contra a covid-19 se tornarão anuais, para cobrir novas variantes, e que vacinas durarão um ano

ainda não acabou

Controladores da Alliar (AALR3) contratam XP para vender o negócio, diz jornal

Empresa de diagnósticos foi alvo, recentemente, de disputa pelo controle pela Rede D’Or e fundos ligados ao empresário Nelson Tanure

Mais recursos

Democratas aprovam pacote de US$ 3,5 tri no Comitê de Orçamento da Câmara dos EUA

Recursos serão destinados à rede de segurança social e programas relacionados a mudanças climáticas. Obtenção de quase unanimidade para aprovação no Congresso é desafio

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies