Menu
2020-09-23T15:46:36-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
DURAS CRÍTICAS

Para Doria, saída de investidores do Brasil ocorre por questões ambientais e negacionismo

Governador de SP não citou nominalmente o presidente Jair Bolsonaro, criticado por discurso na Assembleia Geral das Nações Unidas

23 de setembro de 2020
15:46
João Doria
Imagem: Shutterstock

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta quarta-feira (23) que a saída de investidores do Brasil acontece por conta das "questões ambientais e do negacionismo". Segundo o Broadcast, desde 2015, a participação dos estrangeiros nos títulos de dívida pública caiu de 20,8% para 9%.

"Parte da queda desses investimentos é a falta de cuidado e de atenção com as questões ambientais e infelizmente também com as questões relativas à saúde e à proteção de uma nação contra a covid-19", disse.

Segundo informou hoje o Banco Central (BC), os Investimentos Diretos no País (IDP) somaram US$ 1,430 bilhão em agosto.

Doria não citou nominalmente o presidente Jair Bolsonaro, que tem recebido críticas após discurso na Assembleia Geral das Nações Unidas, na terça-feira (22).

No discurso, Bolsonaro afirmou que os incêndios no Pantanal e na Amazônia são causados por "caboclos e índios" e usados em uma "brutal campanha de desinformação" com o objetivo de atacar o governo.

"O vírus [covid-19] não foi embora, não tirou férias e nunca foi um resfriadozinho. Como nunca foram também caboclos e índios os responsáveis pelo desastre ambiental que estamos vendo na Amazônia brasileira", completou o governador paulista

Em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, Doria afirmou que "nenhum dirigente público convencerá jornalistas, meios de comunicação e a opinião pública com falácias, sofismas, desinformação, negacionismo, fake news ou mentiras".

*Com informações de Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Necessidade econômica

Reação do mercado de trabalho na pandemia depende de condição sanitária, diz IBGE

A população ocupada encolheu em 8,373 milhões de pessoas em um ano, enquanto o total de desempregados aumentou em 2,294 milhões.

Subindo

Insumo no atacado tem forte alta em 12 meses, diz FGV

Em 12 meses, registraram a maior alta da série iniciada em agosto de 1995.

Informalidade

País tem taxa de informalidade de 39,5% no trimestre até dezembro, mostra IBGE

Em apenas um trimestre, mais 2,391 milhões de pessoas passaram a atuar como trabalhadores informais

A combinação perfeita

Depois da cerveja e do hambúrguer, Lemann faz grande aposta em educação

Agora, um dos donos da cervejaria ABInBev está no caminho de ter em sua carteira de investimentos, na qual já figuram empresas como Lojas Americanas, Burger King e Kraft Heinz

Banco Central

Superávit nominal do setor público soma R$ 17,928 bi em janeiro, mostra BC

O resultado nominal representa a diferença entre receitas e despesas do setor público, já após o pagamento dos juros da dívida pública

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies