🔴 ALGORITMO MOSTRA COMO BUSCAR ATÉ R$ 3 MIL POR DIA – CONHEÇA

Estadão Conteúdo
Mais dinheiro no cofre

Governo vai dividir R$ 17 bi de recursos do pré-sal com Estados e municípios

Agência Nacional de Petróleo (ANP) projeta em R$ 17 bilhões os recursos obtidos com a exploração do óleo este ano, mas o fundo pode ter mais dinheiro, em função do leilão do petróleo da área da cessão onerosa e excedentes

Estadão Conteúdo
25 de março de 2019
12:37 - atualizado às 9:36
Petrobras (PETR4) Raízen (RAIZ4)
Petrobras - Imagem: Shutterstock

A equipe econômica bateu o martelo e vai transferir parte dos R$ 17 bilhões do Fundo Social, abastecido com recursos do pré-sal, para Estados e municípios a partir de 2020. O fundo foi criado em 2010 para ser uma poupança do governo, que ajudaria a financiar o desenvolvimento do País quando o dinheiro vindo do petróleo diminuísse.

Os R$ 17 bilhões são uma projeção da Agência Nacional de Petróleo (ANP) para os recursos obtidos com a exploração do óleo este ano, segundo o secretário de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues Júnior. Mas o fundo pode ter mais dinheiro, em função do leilão do petróleo da área da cessão onerosa e dos excedentes.

Em 2010, a União e a Petrobras assinaram o acordo da cessão onerosa, que permitiu à estatal a exploração de 5 bilhões de barris de petróleo na Bacia de Santos. À época, a Petrobras pagou R$ 74,8 bilhões. A expectativa do governo, porém, é que a área pode render mais 6 bilhões de barris. A União quer fazer um leilão do volume excedente, previsto para 28 de outubro.

Hoje, 100% do Fundo Social pertence à União. O porcentual que será transferido para Estados e municípios em 2020 não foi definido, mas a ideia é aumentar essa parcela até chegar a 70%, segundo apurou o jornal O Estado de S. Paulo, em um período de 20 anos.

No curto prazo, o governo negocia uma ajuda para os Estados com uma combinação de mais recursos da Lei Kandir e um novo programa de socorro que antecipa receitas. O Plano de Equilíbrio Financeiro (PEF), como vem sendo chamado o projeto, vai dar uma saída para que governadores consigam dinheiro novo, antecipando recursos que serão obtidos ao longo do mandato em troca da aprovação de medidas de ajuste fiscal que terão de ser aprovadas pelas Assembleias Legislativas.

Oxigênio

Waldery já comunicou a decisão de fazer a divisão do pré-sal via Fundo Social aos secretários de Fazenda, em reunião do Conselho Nacional de Política Fazendária. O ministro da Economia, Paulo Guedes, tem insistido que a distribuição de recursos será um "balão de oxigênio" para Estados e municípios.

Diferente do bônus de assinatura do leilão, que é uma receita recolhida uma só vez, a divisão por meio do Fundo Social representa recursos no caixa todo mês, por muitos anos.

"Estamos priorizando o déficit da Previdência, e dissemos ao governo que aceitamos carimbar essa fonte para insuficiência previdenciária", disse o governador do Piauí, Wellington Dias.

Para o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra, o acordo entre União, Estados e municípios é melhor do que a aprovação do projeto no Senado. Segundo ele, os governadores devem vir a Brasília esta semana para debater o assunto. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Compartilhe

LIVRE DAS PUNIÇÕES

Petrobras (PETR4) troca multas da ANP por investimento de R$ 855 milhões em exploração e produção no País

27 de julho de 2022 - 20:15

O acordo já terá um efeito significativo no balanço da petroleira, cuja divulgação está marcada para amanhã (28) após o fechamento do mercado

BATENDO O MARTELO

3R Petroleum (RRRP3) arremata seis blocos em leilão da ANP; veja todos os vencedores

13 de abril de 2022 - 16:36

ANP realizou o terceiro ciclo de leilões da oferta permanente; nesta fase foram ofertadas sete bacias em 14 setores

Tanque cheio, bolso vazio

Gasolina acima de R$ 8,00 o litro: segundo a ANP, essa já é uma realidade nos postos do Brasil

30 de janeiro de 2022 - 11:17

Angra dos Reis (RJ) tem a gasolina mais cara do país; veja os detalhes da pesquisa de preços de combustíveis da ANP

PEC DOS COMBUSTÍVEIS

Tesouro pode perder até R$ 240 bilhões com PEC dos Combustíveis e inflação pode ir para 1% — mas gasolina ficará só R$ 0,20 mais barata; confira análise

22 de janeiro de 2022 - 10:58

Se todos os estados aderirem à desoneração, a perda seria de cifras bilionárias aos cofres públicos, de acordo com a XP Investimentos

nenhuma proposta

Blocos próximos a Fernando de Noronha, que ANP insistiu em leiloar apesar dos riscos ambientais, não atraem investidores

7 de outubro de 2021 - 17:13

Além do resultado vazio para os blocos da chamada Bacia Potiguar, onde se localiza a área do arquipélago e da reserva biológica, não houve propostas para a Bacia de Pelotas, também considerada como região de sensível preservação

Atualização do presidente

Bolsonaro edita MP que antecipa venda direta de etanol entre produtores e postos; entenda

14 de setembro de 2021 - 7:57

Nova medida dispensa a intermediação de distribuidores e ainda flexibiliza a “tutela à bandeira”

Pesando no bolso

Não é só a gasolina! Preço médio do etanol sobe em 21 Estados

23 de agosto de 2021 - 11:44

Nos postos pesquisados pela ANP em todo o País, o preço médio biocombustível subiu 2,23%, de R$ 4,399 para R$ 4,497 no comparativo semanal

Dados da ANP

Consumidor já paga mais de R$ 7 por gasolina

21 de agosto de 2021 - 18:24

Para especialistas, o dólar tem grande influência nesse comportamento, mas outros fatores também influenciam

Cheia de energia

Petrobras (PETR4) amplia oferta de combustíveis e quadruplica geração térmica

19 de agosto de 2021 - 7:34

Medida da estatal permitiu aumentar a geração termelétrica de suas usinas e clientes de 2 mil megawatts (MW) para quase 8 mil MW

Recorde

Petrobras: campos de petróleo da cessão onerosa têm produção recorde em julho

17 de agosto de 2021 - 13:10

Produção dos poços explorados pela estatal aumentou 6,23% em relação ao mês anterior, diz ANP

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar