Menu
2020-05-11T13:23:34-03:00
Estadão Conteúdo
Alívio no bolso

Preço médio do etanol cai na semana em 22 estados e no DF, revela ANP

Na comparação mensal, os preços do etanol cederam em 25 Estados no Distrito Federal. No Amapá não houve comparação. O Estado que registrou a maior queda na comparação mensal foi Mato Grosso

11 de maio de 2020
13:23
Posto de combustível em Brasília
Posto de combustível em Brasília - Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Os preços médios do etanol hidratado caíram em 22 Estados e no Distrito Federal (DF) na semana encerrada no sábado (9) ante o período anterior, de acordo com levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) compilado pelo AE-Taxas. O biocombustível subiu em quatro Estados.

Nos postos pesquisados pela ANP em todo o País, o preço médio do etanol caiu 3,30% na semana ante a anterior, de R$ 2,667 para R$ 2,579 o litro. Em relação aos últimos 30 dias, a queda alcança 15,14%. Em São Paulo, principal Estado produtor, consumidor e com mais postos avaliados, a cotação média do hidratado ficou em R$ 2,373, baixa de 3,34% ante a semana anterior (R$ 2,455) e de 15,55% na comparação com os últimos 30 dias. Em Goiás, o biocombustível registrou a maior alta porcentual na semana, de 3,24%. A maior queda semanal, de 8,97%, foi em Tocantins.

Na comparação mensal, os preços do etanol cederam em 25 Estados no Distrito Federal. No Amapá não houve comparação. O Estado que registrou a maior queda na comparação mensal foi Mato Grosso, com recuo de 25,35% no preço do etanol hidratado.

O preço mínimo registrado na semana passada para o etanol em um posto foi de R$ 1,799 o litro, em São Paulo, e o menor preço médio estadual, de R$ 2,373, foi registrado também em São Paulo. O preço máximo individual, de R$ 4,999 o litro, foi registrado em um posto do Rio Grande do Sul. O Acre registrou o maior preço médio, de R$ 3,982.

Competitividade

Os preços médios do etanol continuaram vantajosos ante os da gasolina em apenas quatro Estados brasileiros - Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais e São Paulo - todos grandes produtores do biocombustível. O levantamento da ANP considera que o etanol de cana ou de milho, por ter menor poder calorífico, tenha um preço limite de 70% do derivado de petróleo nos postos para ser considerado vantajoso.

Em Mato Grosso, o hidratado é vendido, em média, por 63,20% do preço da gasolina, em Goiás a 69,34%, em Minas Gerais a 65,64% e, em São Paulo, a paridade ficou em 64,12%.

Na média dos postos pesquisados no País, a paridade é de 67,46% entre os preços médios de etanol e gasolina, também favorável ao biocombustível. A gasolina foi mais vantajosa no Amapá, com a paridade de 123,08% para o preço do etanol.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Realização brusca?

Com uma alta de mais de 800% no ano, ações da Fertilizantes Heringer recuam 40% em um único dia

A companhia, que se encontra em recuperação judicial, já subiu mais de 800% só neste ano

Oscar do jornalismo

Victor Aguiar, repórter do Seu Dinheiro, é indicado ao prêmio Comunique-se; saiba como votar

O repórter Victor Aguiar, do Seu Dinheiro, é um dos dez indicados na categoria “Economia- mídia escrita” do prêmio Comunique-se

Nova rodada

Auxílio emergencial será prorrogado por mais três meses, afirma Guedes

O benefício será estendido até outubro nos mesmos valores atuais, com parcelas de R$ 150 a R$ 375 que contemplam cerca de 39 milhões de brasileiros

MERCADOS HOJE

De olho na vacinação, Ibovespa reduz alta e perde os 130 mil pontos, mas dólar segue em queda de 1%

Aceleração da vacinação é bem recebida pelo mercado, que aposta em uma recuperação econômica mais robusta

Ajudanda externa

Banco Centroamericano de Integração Econômica irá ajudar El Salvador a implementar bitcoin

Em entrevista coletiva, Mossi acrescentou que o banco também trabalhará com o ministério das finanças e o banco central de El Salvador para selecionar uma equipe para trabalhar na implementação

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies