Menu
2019-04-13T10:12:36-03:00
Estadão Conteúdo
Não pediram minha opinião

Guedes sugere que não foi informado sobre intervenção em preço do diesel

Ministro da Economia disse não saber nada sobre o assunto pois havia passado a sexta-feira em reuniões em Washington

13 de abril de 2019
10:12
Paulo Guedes
Paulo Guedes - Imagem: Jefferson Rudy/Agência Senado

O ministro da Economia, Paulo Guedes, sugeriu nesta sexta-feira que não foi informado sobre a decisão do presidente Jair Bolsonaro de intervir para adiar o reajuste do preço do diesel pela Petrobras.

Questionado ao sair de reuniões no Fundo Monetário Internacional (FMI) se havia sido consultado por Bolsonaro, Guedes afirmou que não sabia "nem" do que se tratava, pois havia passado o dia inteiro em reuniões em Washington.

"Passei o dia inteiro trabalhando, não tenho informação suficiente", disse Guedes. Diante da insistência de jornalistas e da sugestão de que ele não foi informado sobre a interferência nos preços, Guedes respondeu: "É uma inferência razoável aparentemente".

Nesta sexta-feira, o presidente Jair Bolsonaro admitiu que determinou a suspensão do reajuste no diesel. A decisão da Petrobras de adiar o aumento no preço do combustível fez a empresa perder R$ 32,4 bilhões em valor de mercado. A primeira reação do ministro da Economia foi dizer que não iria comentar e disse que teria um "silêncio ensurdecedor" aos jornalistas sobre o assunto.

O porta-voz da presidência informou nesta sexta-feira que Bolsonaro não comentou se fez alguma ligação para o ministro Paulo Guedes.

Depois, a assessoria que acompanha o ministro durante a viagem informou que ele não fará nenhum outro pronunciamento à imprensa.

Mais cedo, também em Washington, o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, disse que não há risco de que o governo Bolsonaro adote uma política de controle de preços - algo pelo qual o governo da ex-presidente Dilma Rousseff foi criticada. Apesar de não comentar especificamente a situação da Petrobras, Campos Neto afirmou que "economistas liberais acreditam na menor intervenção possível".

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

o que vem por aí

Os segredos da bolsa: PIB do Brasil ganha holofotes após rali de novembro

PIB do 3º trimestre pode aumentar ainda mais a euforia dos investidores vista em novembro ou frear os ânimos

Análise

Como ficam as peças do xadrez da política após as eleições municipais

A eleição marcou a conquista de peças importantes, vitórias que serviram apenas para demarcar território e derrotas claras. Mas houve também avanços importantes mesmo de quem perdeu nas urnas

Barroso cita Shakespeare ao falar sobre 2º turno: “vai bem quando tudo acaba bem”

Barroso disse que o TSE conseguiu “neutralizar” as tentativas de cancelamento das eleições por causa da covid-19, o que, segundo o ministro, teria impactos negativos para a democracia

Eleições 2020

Doria comemora vitória de Bruno Covas com recado a Bolsonaro

Na visão do governador, o PSDB foi o grande vencedor destas eleições no Estado de São Paulo, sabe conjugar união e não foi negacionista no combate à pandemia

eleição em sp

‘Não foi nesta eleição, mas a gente vai ganhar’, diz Boulos

O psolista, que recebeu 40,62% dos votos na cidade de São Paulo, termina a eleição como um dos principais nomes do campo progressista

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies