Menu
2019-04-03T18:10:18-03:00
Estadão Conteúdo
Reformas

Previdência está “consolidada” e deve ir para Câmara até o fim do mês, diz Onyx

Em entrevista, ministro-chefe da Casa Civil disse que projeto deve estar na Câmara dos Deputados até o fim do mês

4 de fevereiro de 2019
11:14 - atualizado às 18:10
Onyx Lorenzoni
Onyx Lorenzoni - Imagem: Fábio Motta/Estadão Contéudo

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou nesta segunda-feira, 4, em entrevista à Rádio Jovem Pan, que o projeto de reforma da Previdência está consolidado internamente no governo e que ele deve ser encaminhado à Câmara até o fim de fevereiro.

"Internamente, o projeto [da Previdência] está consolidado, precisa de uma sintonia fina, que é a sensibilidade do presidente Jair Bolsonaro, que quando retornar de São Paulo, que a gente espera que até o final da semana aconteça, ele possa se debruçar. E a gente já tendo o presidente plenamente recuperado, possa dialogar com ele, faça a definição e aí encaminhe para a Câmara dos Deputados. A gente acredita que até o fim do mês o projeto deve estar na Câmara dos Deputados para que a gente possa iniciar a sua tramitação", disse o ministro.

Onyx ressaltou ainda que a eleição de Davi Alcolumbre (DEM-AP) ao comando do Senado é mais um dos fatores que ajuda na aprovação das mudanças no sistema de aposentadorias.

"Ele poderá conduzir com firmeza, mas ao mesmo tempo com suavidade e identidade com a rua, o reencontro do Senado com a população. Este caminho, e com bastante diálogo, vai ser seguramente a fórmula para a gente aprovar a reforma da Previdência", afirmou.

Para Onyx, os votos de Alcolumbre, somados aos de Esperidião Amin (PP-SC) e Angelo Coronel (PSD-BA), podem assegurar o quórum constitucional para a aprovação de reformas.

O ministro disse ainda que "está sendo feita" a construção do projeto para mudança na Previdência dos militares e que, a depender de "entendimentos internos", os dois projetos serão encaminhados juntos.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

disciplina fiscal

Candidatos, Lira e Pacheco criam ruído no mercado com possibilidade de prorrogação do auxílio

Pacheco falou em sacrificar algumas premissas econômicas para “poder manter alguma forma de socorro a essas pessoas”; Lira disse que tinha a impressão de mercado poderia aceitar a medida, estando dentro do teto

eu vejo uma alta

Sem forward guidance, pergunta agora é: quando a Selic vai subir?

Aceleração da inflação e riscos do lado fiscal levam analistas a estimarem que primeira alta virá antes que o esperado

mudança de governança

CEO da Copel sinaliza que interferências políticas são coisas do passado

Daniel Slaviero apresentou ao mercado os pilares que nortearão a nova política de governança corporativa da elétrica

em são paulo

Luciano Hang tem alta hospitalar após ser internado com covid-19

Mais cedo, ele realizou uma live na rede social, em que contou que permaneceu assintomático

após reclamações

C6 Bank é multado em R$ 7 milhões pelo Procon-SP por crédito consignado

Procon ressalta que recebeu reclamações de consumidores de todo o Estado, que disseram que foram surpreendidos com empréstimos consignados não solicitados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies