Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
É CEO do Seu Dinheiro
2019-04-05T15:46:04-03:00
Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

E se Mary Poppins for para Brasília?

20 de março de 2019
9:36 - atualizado às 15:46
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

As coisas não vão nada bem na casa da família Banks quando uma babá chega para arrumar a casa. As crianças não se comportam e ninguém é feliz. Mary Poppins chega para mudar a vida deles. Ela voa no seu guarda-chuva encantado, pula dentro de desenhos do parque e dança com limpadores de chaminé nos telhados. Tudo é lindo no mundo da fantasia.

Vamos voltar à realidade. O Brasil tem um severo problema fiscal para enfrentar. Mesmo assim, os investidores deram um voto de confiança ao governo atual. Ainda estamos em março e a bolsa brasileira já subiu cerca de 13% em 2019 e alcançou a histórica marca de 100 mil pontos. Nada mal.

Até onde ela vai? Depende. Os economistas têm previsões diferentes para o cenário mais pessimista e para o mais otimista. O que se considera mais provável, em geral, é uma estimativa que fica no meio do caminho entre um e outro. E se tudo der certo?

Bem, vamos pensar no melhor cenário. Se a Mary Poppins bater na porta do Congresso para colocar o país em um mundo encantado de felicidade, ventura e equilíbrio fiscal, quanto a bolsa vai subir?

O Vinícius Pinheiro conversou com o chefe da análise de ações do Bradesco BBI, André Carvalho, para entender os diferentes cenários e perspectivas para a bolsa. Eu quero acreditar que tudo vai dar certo. Mas é bom você não contar com uma babá encantada para resolver a situação do Brasil em um passe de mágica. Entenda os diferentes cenários para a bolsa nesta reportagem.

Agendas alinhadas

Quando a equipe do Seu Dinheiro estava reunida para decidir as pautas desta semana, o Eduardo Campos chamou a nossa atenção para um fato curioso em 2019: quase todas as reuniões do Copom e do Fed ao longo deste ano vão acontecer no mesmo dia - algo que inevitavelmente vai tornar todas essas datas especiais para o seu dinheiro.

A primeira delas, no caso, é hoje. Por aqui, Roberto Campos Neto faz sua estreia como presidente do BC. Por lá, Jerome Powell deve trazer novas pistas sobre o que o BC americano pretende fazer daqui para frente. Para você não ficar perdido no meio de tanto encontro, o Edu preparou esta matéria explicando o que esperar de cada decisão.

Falando de imóveis com o Leão

Se você é como eu, uma fã declarada do mercado imobiliário, terá algumas contas para acertar com o leão. A declaração de aluguéis - tanto os pagos como recebidos - é item obrigatório no Imposto de Renda e pode gerar muitas dúvidas entre os contribuintes. Para esclarecer todas elas, a Julia Wiltgen preparou esta reportagem especial sobre como declarar seus aluguéis da forma correta.

De volta para a realidade...

Depois de uma rápida visita pelos Estados Unidos, Jair Bolsonaro retornou hoje e deve encarar a realidade das reformas. O presidente deve bater o martelo, especialmente, sobre o modelo de reforma da Previdência dos militares. O texto deve chegar hoje ao Congresso e com isso, a expectativa é que o documento destrave o andamento da PEC dos servidores e civis que já está na CCJ. Saiba mais

Troca-troca

Paulo Guedes deu a deixa e Donald Trump atendeu o pedido de apoio à candidatura do Brasil como membro da OCDE. Mas como não existe almoço grátis, o presidente americano logo pediu uma contrapartida. E o governo brasileiro disse que vai “começar a renunciar” ao tratamento dado aos emergentes na OMC. Confira os detalhes dessa negociação aqui.

Dinheiro à vista

Depois de quase seis anos de espera, a Petrobras pode ter uma boa notícia em breve. A petroleira espera receber mais de US$ 18 bilhões do governo e da iniciativa privada para dar fim à disputa sobre o valor das reservas de petróleo. As informações são da “Bloomberg”. Se entrar dinheiro no caixa da estatal, ele pode ser usado para ajudar a petroleira a reduzir uma parte do seu endividamento. É bom pra quem tem ações da empresa. Saiba mais

A Bula do Mercado - Dia de decisão

A tão aguardada “super quarta-feira” chegou e com ela muita ansiedade em torno das decisões sobre a taxa básica de juros no Brasil e nos Estados Unidos. Mesmo que mudanças não sejam esperadas, a expectativa gira em torno dos próximos passos do Fed e do Copom.

No Brasil, os investidores analisam a primeira reunião sob o comando de Roberto Campos Neto, mas as reações do mercado financeiro devem ficar para amanhã. No radar também entra o tão aguardado texto da reforma da previdência militar, que pode chegar ainda hoje ao Congresso após passar pelo crivo do presidente Jair Bolsonaro.

O encontro do presidente com os principais líderes da direita nos Estados Unidos ampliou o otimismo nos negócios. Agora, é preciso avaliar o impacto da concessão feita pelo Brasil na OMC para agilizar sua entrada na OCDE e o apoio dado pela Casa Branca.

E ainda não foi dessa vez que o Ibovespa encerrou o dia acima dos 100 mil. Ontem, o índice fechou com queda de 0,41%, aos 99.588,37 pontos. O dólar recuou 0,06%, a R$ 3,7891. Consulte a Bula do Mercado para saber o que esperar de bolsa e dólar hoje.

Um grande abraço e ótima quarta-feira!

Agenda

Índices
- Reino Unido divulga inflação em fevereiro
- Banco Central divulga dados do fluxo cambial semanal

Balanços
- No Brasil: Lojas Americanas, B2W, Eneva, Anima e Randon

Bancos Centrais
- Copom decide nova taxa Selic
- Fed decide taxa de juros nos Estados Unidos, com coletiva de Jerome Powell na sequência

Política
- Bolsonaro deve encaminhar proposta de reforma da Previdência dos militares ao Congresso
- Theresa May fala ao Parlamento britânico

 

 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

em brasília

Mourão diz que parte dos assessores de Bolsonaro distorce fatos

Vice-presidente afirmou nesta sexta-feira que existe “certa incompreensão” no seu relacionamento com o chefe do Executivo

seu dinheiro na sua noite

Free Solo: Ibovespa escala para perto da marca histórica

Com imagens de tirar o fôlego, o extraordinário documentário Free Solo conta a preparação do alpinista Alex Honnold para chegar ao topo do El Capitan, uma parede rochosa com quase 1000 metros de altura. Detalhe: a escalada é feita sem equipamentos de segurança. O filme vencedor do Oscar está disponível no Disney Plus. Mas quem não é […]

Respiro

E-commerce fatura R$ 7,72 bilhões com Black Friday e Cyber Monday em 2020

O valor representa aumento de 27,7% em relação ao mesmo período do ano passado.

fechamento dos mercados

Ibovespa engata 5ª semana seguida de alta com Petrobras, Vale e aéreas

Índice local de ações não tinha sequência tão longa de ganhos semanais desde dezembro de 2019; dólar mantém trajetória de queda e juros longos se descomprimem de novo

duas semanas depois

Carrefour anuncia que vai deixar de usar seguranças terceirizados

Anúncio é uma resposta ao assassinato de João Alberto de Freitas – homem negro que foi espancado por seguranças de uma unidade do Carrefour em Porto Alegre

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies