Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
É CEO do Seu Dinheiro
Dados da Bolsa por TradingView
2019-07-12T10:20:45-03:00
Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

Uma notícia boa e outra ruim

Veja os destaques do Seu Dinheiro nesta manhã

12 de julho de 2019
10:20
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Tenho duas notícias para você: uma boa e outra ruim. Vou falar da ruim primeiro para você ficar com o “gostinho” da boa no final e tentar salvar o seu humor nesta sexta-feira. Vamos lá:

Má notícia: boa parte da alta da bolsa com o rali da Previdência já aconteceu. O Ibovespa acumula valorização de quase 20% neste ano. Como é de costume, o mercado “antecipa” os fatos e quando eles ocorrem efetivamente já estão no preço.

E a boa notícia? Sim, ainda há espaço para ganhar dinheiro na bolsa com outros eventos além da Previdência.

Daqui para frente, o que pode puxar a valorização das ações das empresas brasileiras é própria recuperação da economia. Muitas empresas estavam esperando a aprovação da reforma para abrir o bolso e investir em novos projetos. É plano de fábrica nova, abertura de lojas, novos empreendimentos imobiliários… Enfim, há uma série de investimentos represados que podem sair do papel se o empresário brasileiro estiver confiante.

Essa retomada da confiança é um passo essencial para a roda da economia finalmente voltar a girar no Brasil. Mais investimentos significam na prática mais emprego e renda, que consequentemente, geram mais consumo de bens e serviços no país - e melhores resultados para as empresas. Capisce?

Os repórteres Victor Aguiar e Vinícius Pinheiro ouviram especialistas no mercado para entender qual a perspectiva da bolsa daqui para frente e contam tudo nesta reportagem. Vale a pena ler!

A Bula do Mercado: a saga da Previdência continua

Enquanto a análise dos destaques que podem alterar o texto-base da reforma da Previdência ainda rola na Câmara, os investidores perceberam que o otimismo em torno da votação em dois turnos ainda nesta semana era excessivo. Agora, o mercado local deve segurar a euforia em torno da reforma até o fim da votação dos destaques.

Assim, após cinco altas consecutivas, o Ibovespa encerrou a sessão de ontem com queda de 0,63%, aos 105.146,44 pontos. O dólar fechou com leve baixa de 0,15%, a R$ 3,7510.

A sessão que deve finalizar a análise dos destaques foi convocada para a manhã desta sexta-feira pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia. Além do calendário apertado para o encerramento da tramitação, os investidores também seguem atentos à economia alcançada com a reforma, que deve ser reduzida com os destaques aprovados.

Lá fora, os fechamentos em níveis recordes vistos em Wall Street embalam os negócios e trazem alívio. Com o entusiasmo das bolsas americanas, as sessões fecharam em alta na Ásia. O dia começa com resultados positivos também na Europa, seguindo os índices futuros de Nova York, que sinalizam alta. Consulte a Bula do Mercado para saber o que esperar de bolsa e dólar hoje.

Casamento cancelado

O anúncio de “noivado” em maio surpreendeu. A fusão entre BRF e Marfrig criaria uma gigante com potencial para liderar o mercado de proteína no mundo e fazer frente à JBS. Só que os noivos não se entenderam e desistiram do casamento. O Vinícius Pinheiro conta os detalhes da operação frustrada.

Mitose de ações

A ação do Magazine Luiza fez a alegria dos seus investidores nos últimos anos. Ela subiu cerca de 1.600% desde o início de 2017. Começou aquele ano valendo R$ 12,50 e ontem fechou cotada em R$ 230,77. O lado “ruim” de tamanha valorização é que o papel fica muito caro para quem ainda não entrou. Diante disso, a varejista anunciou hoje que pretende fazer um desdobramento das suas ações. Cada papel vai virar oito. A medida ainda precisa ser aprovada em assembleia de acionista. Saiba mais

Uma baixa para Odebrecht

Em crise desde que se tornou alvo da Operação Lava Jato, o grupo Odebrecht, que está em recuperação judicial, sofreu um revés na Justiça. As ações da Braskem, empresa controlada pelo grupo, agora podem ser tomadas pelos bancos credores. O conglomerado havia usado os papéis da petroquímica como garantia em empréstimos. Entenda o caso.

Problemas com o inquilino

Um fundo imobiliário da XP está apanhando na bolsa por causa de problemas com um inquilino. Quem está dando trabalho é ninguém menos que a Petrobras. A estatal ameaçou rescindir o contrato de locação da sua sede em Macaé e os papéis do fundo dono do edifício despencaram na bolsa. Ficou barato? Virou mico? O Alexandre Mastrocinque fez as contas e traz uma avaliação do XP Corporate Macaé (XPCM11).

Cada tempo tem seu jogo

Capa do vídeo sobre os horários de funcionamento da bolsa

Se você é ou deseja ser um investidor em ações,  é importante entender como funciona o horário de negociação na B3. O pregão é dividido em várias etapas, como pré-abertura, negociação e after market. Você sabe o que pode acontecer em cada horário? A Julia Wiltgen te conta neste vídeo.

Agenda

Indicadores 
- Às 9h, o IBGE divulga os dados sobre a produção industrial regional e a pesquisa mensal de serviços. Os dois trazem informações do mês de maio
- Às 10h, será apresentado o Boletim Macrofiscal com projeções para o PIB e IPCA em 2019

Política
- Plenário da Câmara dá continuidade à votação da PEC sobre a reforma da Previdência

 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

MERCADOS HOJE

Aumento do IOF pega mal e Ibovespa recua mais de 1%; dólar sobe a R$ 5,32

Depois de meses de especulação e preocupação, a saída encontrada pelo governo federal para financiar o novo Bolsa Família, rebatizado de Auxílio Brasil, não agradou o mercado e o Ibovespa começa refletindo esse mau humor.  Ontem, o presidente Jair Bolsonaro assinou um decreto que eleva o Imposto sobre Operações Financeiras até dezembro, o que deve […]

DUPLO DOWNGRADE

UBS rebaixa ação da Vale (VALE3) de compra para venda com queda do minério, apesar de dividendos

Banco suíço considera que distribuição de dividendos pela mineradora brasileira torna-se menos atraente com a cotação do minério de ferro abaixo de US$ 100

Tendências da bolsa

AGORA: Ibovespa futuro abre em queda com susto de aumento de imposto e exterior negativo; dólar também recua

A medida pegou os investidores de surpresa e o vencimento de opções em Nova York coloca o exterior sob pressão

O melhor do seu dinheiro

Uma ação para lucrar com a crise hídrica, Bolsonaro eleva IOF, dividendos da Vale e outras notícias do dia

Não é de hoje que o Brasil sofre com risco de apagão e racionamento de energia. Em 2001, o país precisou recorrer a blecautes programados e obrigar famílias e empresas a economizarem energia elétrica sob pena de aumentos pesados na conta de luz. Quem viveu a época lembra bem das trocas de lâmpadas incandescentes por […]

Coluna do jojo

Bolsa hoje: dia de bruxaria nos mercados e um novo IOF para chamar de seu

Novo decreto presidencial aumentou as alíquotas do IOF sobre as operações de crédito para as pessoas físicas e jurídicas de 20 de setembro até 31 de dezembro. Se esta notícia é negativa e pode cair mal na bolsa nacional hoje, temos também a digestão da aprovação da PEC dos Precatórios

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies