🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView

Como fazer a renda fixa render mais

11 de abril de 2019
10:30
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Durante uns bons anos eu ignorei a matemática e apliquei no Tesouro Direto pelo meu banco - e isso foi antes de ele zerar a taxa de administração. Eu “preferia” pagar 0,5% para deixar meu investimento no mesmo banco que eu recebia o salário do que ter o “trabalho” de migrar para uma corretora e ter de fazer duas operações para aplicar no Tesouro Direto em vez de uma só. Era preguiça pura.

Naquela época você encontrava títulos prefixados que rendiam perto de 15% ao ano, uma mamata que ficou para trás com a queda recente na taxa básica de juros. Foi essa queda dos juros que me fez criar vergonha na cara e mudar para uma corretora com taxa zero no Tesouro Direto. Pelo jeito não fui a única, tanto que os bancões zeraram recentemente suas taxas para a aplicação para tentar segurar seus clientes.

O fato é que vivemos em tempos de rendimentos mais modestos na renda fixa. E a  perspectiva é de que a Selic permaneça baixa por um bom tempo. A verdade é que nunca é legal rasgar dinheiro, mas em tempos de vacas magras pagar taxas dispensáveis na sua aplicação financeira dói um pouco mais. É hora de atacar os custos e fazer seu dinheiro render mais.

A Julia Wiltgen aponta nesta reportagem 4 estratégias para você cortar custos e ganhar mais com aplicações de renda fixa. Vale muito a leitura!

Gif mostra 3 pães assando no forno

Um a mais para brigar pelo seu dinheiro

Você tem mais uma plataforma para realizar seus investimentos em renda fixa, renda variável, fundos, ações e Tesouro Direto: a RB Investimentos, da RB Capital. Sangue novo no mercado é sempre bom. Aumenta a competição e força o mercado a oferecer serviços melhores e mais baratos. O Eduardo Campos conversou com o CEO da RB Capital, Adalbero Cavalcanti, e conta o que a RB Investimentos tem de diferente de suas concorrentes.

Quem dá mais?

Falando em briga, a B2W e o Magazine Luiza confirmaram na noite de ontem que estão estudando a compra da Netshoes. Elas tiveram que dar uma resposta ao mercado depois que vazaram informações sobre uma possível disputa pela empresa. Quem será que vai levar a melhor? Para você acionista, vale a pena ficar de olho no desempenho dos papéis das companhias hoje.

A festa dos 100 dias

Um sorridente Jair Bolsonaro desceu a rampa que dá acesso ao Salão Nobre do Palácio do Planalto para comemorar os feitos de seus 100 primeiros dias. A cerimônia de celebração teve a assinatura de 18 projetos de lei e decretos, como a cessão onerosa da Petrobras e a autonomia do Banco Central. O Eduardo Campos está acompanhando tudo lá em Brasília e traz os detalhes nesta reportagem.

Vai de Uber?

A Uber está com um pé dentro da bolsa. A empresa fará hoje o registro de sua oferta de ações. O negócio deve movimentar US$ 10 bilhões e avaliar o app de transporte entre US$ 90 bilhões e US$ 100 bilhões. Saiba tudo

Duas ações na mira da PF

A Cemig e a Renova estão na mira da Polícia Federal, que deflagrou hoje a operação E o Vento Levou. São investigados desvios de dinheiro no aporte que a Cemig fez na Renova. Confira os detalhes

Tira-dúvidas sobre o IR

Imposto de Renda 2019 - IR 2019 - Leão

Você tem menos de 20 dias para fazer o seu acerto de contas anual com o Leão. Se você tem dúvidas sobre como fazer sua declaração do Imposto de Renda 2019, fica tranquilo.

A Julia Wiltgen estará ao vivo hoje às 17h para tirar dúvidas de leitores junto com o tributarista Samir Choaib. Você pode acompanhar neste link e mandar sua dúvida no espaço de comentários.

Antes disso, dá uma olhada na página especial do Seu Dinheiro sobre Imposto de Renda. Já fizemos mais de 30 matérias sobre o tema. Pode ser que a resposta que você precisa esteja lá!

A Bula do Mercado: sem brilho

O mercado financeiro segue à espera de novidades sobre a articulação política em torno da Previdência e a desaceleração econômica global, após semana sem brilho nos negócios.

Os encontros do presidente Jair Bolsonaro com lideranças partidárias em busca de uma base aliada forte ganham nova importância. Lideranças do Centrão se movimentam para inverter a ordem de votação na CCJ e avaliar primeiramente a proposta do Orçamento Impositivo, o que pode atrasar o cronograma inicial do governo.

Lá fora, ambiente pesado após os alertas dos bancos centrais dos Estados Unidos, da zona do euro e do FMI sobre a perda de tração de atividade econômica. A nova extensão do prazo do Brexit também traz novas incertezas para o cenário global. A previsão é de que quanto mais a situação se prolongar, mais a economia da região deve sofrer.

Ontem, o Ibovespa fechou em queda de 0,35%, aos 95.953,45 pontos. O dólar encerrou a sessão com baixa de 0,78%, a R$3,8234. Consulte a Bula do Mercado para saber como devem se comportar bolsa e dólar hoje.

Um grande abraço e ótima quinta-feira!

Índices
- Alemanha divulga inflação de março
- Estados Unidos divulgam dados semanais de emprego
- Banco Central divulga Relatório de Estabilidade Financeira

Política
- Governo faz evento comemorativo dos 100 dias da presidência de Bolsonaro
- Ministros das Finanças e presidentes de Bancos Centrais do G20 se reúnem em Washington

Compartilhe

NÃO VAMOS DOBRAR A META?

Por que a Vamos (VAMO3) abandonou de vez o plano de atingir uma frota com 100 mil ativos até 2025

20 de fevereiro de 2024 - 19:50

A meta havia se tornado pública em entrevista concedida pelo CEO da empresa, Gustavo Couto, em meados do ano passado

CONFIRA O CRONOGRAMA

Weg (WEGE3) libera R$ 1,3 bilhão em dividendos extras e data de corte para ter direito à bolada está próxima

20 de fevereiro de 2024 - 19:07

O dinheiro sera depositado na mesma data em que os juros sobre o capital próprio anunciados em dezembro do ano passado

APÓS ENCONTRO COM A ADNOC

Petrobras (PETR4) compra ou vende uma fatia da Braskem (BRKM5)? CEO da estatal conta detalhes da conversa com árabes interessados na petroquímica 

20 de fevereiro de 2024 - 15:42

Jean Paul Prates reuniu-se na semana passada com o CEO da Abu Dhabi National Oil Company (Adnoc), uma das interessadas na petroquímica

JEAN PAUL PRATES REVELA

Petróleo subiu: a gasolina vai aumentar? Veja o que diz o presidente da Petrobras (PETR4)

20 de fevereiro de 2024 - 15:00

Segundo Jean Paul Prates, a discussão sobre eventuais reajustes está sempre no radar

DESTAQUES DA BOLSA

Carrefour de carrinho cheio: ação dispara quase 10% e lidera ganhos do Ibovespa após balanço. É hora de comprar ou vender CRFB3?

20 de fevereiro de 2024 - 13:15

Os papéis entraram em leilão três vezes por oscilação máxima permitida pela B3; a temperatura dos ganhos baixou, mas a varejista ainda aparece entre as cinco maiores altas do principal índice da bolsa brasileira

EM DIREÇÃO AO FUTURO

Sem efeitos colaterais? Como está o paciente da empresa de Elon Musk que implantou chip no cérebro

20 de fevereiro de 2024 - 12:20

Dispositivo desenvolvido por startup de Elon Musk, a Neuralink, deve permitir que seres humanos controlem computadores e celulares por meio do pensamento

O QUE VEM POR AÍ

Rombo ainda maior? Americanas (AMER3) adia de novo a divulgação do balanço e investidor vai ter que esperar para saber se a dívida cresceu

19 de fevereiro de 2024 - 19:56

A última vez que a varejista divulgou resultados financeiros foi em novembro do ano passado, quando a revisão dos balanços fraudados levou ao reconhecimento de prejuízos de bilhões

CONFIRA O CRONOGRAMA

Itaúsa (ITSA4) aprova R$ 3,1 bilhões em dividendos e vai depositar dinheiro na conta dos acionistas todo trimestre até 2025

19 de fevereiro de 2024 - 18:45

Os dividendos aprovados hoje pelo conselho de administração correspondem a R$ 0,3005 por ação e serão pagos em 8 de março

BIG TECHS

‘Similar a 1929’: as “Sete Magníficas” de tecnologia dos EUA já valem mais do que quase todas as bolsas do mundo; e agora?

19 de fevereiro de 2024 - 13:52

Situação é bastante similar à bolha pontocom, em 2000, e ao crash da Bolsa em 29, mas analistas defendem que cenário atual é mais sólido.

RELEMBRE A TRAJETÓRIA DE SUCESSO

Morre Abilio Diniz, empresário que transformou o Pão de Açúcar (PCAR3) em um gigante do varejo

18 de fevereiro de 2024 - 22:00

Diniz estava internado para tratar uma pneumonite, mas foi vitimado pela insufiência respiratória decorrente da inflamação pulmonar

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies