Menu
2019-03-28T19:12:31-03:00
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico. Em 2020, foi eleito pela Jornalistas & Cia como um dos 10 profissionais de imprensa mais admirados no segmento de economia, negócios e finanças.
Navegar é preciso

Marinha escolhe consórcio da Embraer como fornecedor preferencial para construção de navios

Entregas devem começar a partir de 2024; iniciativa une Embraer Defesa & Segurança e Thyssenkrupp

28 de março de 2019
19:11 - atualizado às 19:12
Embraer
Consórcio da Embraer construirá quatro navios para a Marinha - Imagem: shutterstock

Novidades na Embraer: a empresa informou há pouco que o Consórcio Águas Azuis — formado pelo braço de Defesa da companhia, pela Thyssenkrupp Marine Systems e pela Atech — foi escolhido pela Marinha brasileira como fornecedor preferencial para a construção de quatro navios.

As embarcações tem previsão de entrega entre 2024 e 2028 e fazem parte do Programa CCT (Corvetas Classe Tamandaré), uma iniciativa da Marinha para modernizar sua esquadra com novos navios-escolta. O estaleiro Oceana, em Itajaí (SC), será contratado pelo consórcio para a construção.

"Neste consórcio com a Thyssenkrupp oferecemos um modelo sólido de parceria nacional com capacidade comprovada de reter a transferência de tecnologia, garantindo o desenvolvimento de futuros projetos estratégicos de defesa no Brasil", diz Jackson Schneider, presidente e CEO da Embraer Defesa & Segurança.

A Atech, empresa do Grupo Embraer, será fornecedora de alguns sistemas de combate e administração integrada das embarcações — também será receptora de transferência de tecnologia, em cooperação com subsidiárias da Thyssenkrupp Marine Systems.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

na b3

GetNinjas estreia em queda na bolsa, após IPO com ação abaixo do previsto

Empresa levantou R$ 550 milhões na oferta inicial de ações, com desconto de quase 20% do valor do papel em relação ao preço mínimo da faixa

Diversificando

BTG Pactual lança fundo de investimento 100% em bitcoin

O lançamento vem em linha com a diversificação de ativos oferecidos pelo banco

Exile on Wall Street

Um investidor conservador sabe que uma boa ação tem seus defeitos

“Sou reacionário. Minha reação é contra tudo que não presta.” Se o sábado é uma ilusão, a segunda-feira deve ser a mais dura e fria realidade. Começamos a semana com Nelson Rodrigues. O conservador é um cético na capacidade de grandes revoluções oferecerem um futuro não testado que seja superior ao que sobreviveu ao teste […]

Efeito covid

Monitor do PIB aponta queda de 2,1% em março ante fevereiro, diz FGV

Na comparação com março de 2020, a atividade econômica teve avanço de 5,2%, e no primeiro trimestre, a expansão foi de 1,7%

destaques do varejo

Magazine Luiza, Grupo Soma e Mateus brilham entre os balanços das varejistas no trimestre

Aumento de receita, melhora operacional e avanço das vendas online foram alguns dos tópicos levantados por analistas; veja os destaques

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies