Menu
2019-10-14T14:16:03-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
Cursando jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
O futuro das transações online?

Facebook anuncia a criação da Libra – que promete popularizar as transações com criptomoedas

Além da Libra, o Facebook também anunciou o lançamento de uma subsidiária independente chamada Calibra, que será responsável por criar serviços que possam facilitar as transações com a criptomoeda

18 de junho de 2019
9:12 - atualizado às 14:16
Facebook Criptomoeda Libra Bitcoin
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Agora é oficial! O Facebook anunciou nesta terça-feira (18) a criação da Libra, sua criptomoeda própria que deverá entrar em funcionamento em 2020.

E o Facebook não está sozinho nessa, conforme comentamos por aqui na semana passada. Outras gigantes da tecnologia como Visa, Mastercard, Uber e PayPal também se uniram para criar a Libra Association, organização sem fins lucrativos que será responsável pela administração e implementação da moeda.

Segundo o comunicado publicado pelo criador do Facebook Mark Zuckerberg em sua página oficial, a missão da Libra é "criar uma infraestrutura financeira global que empoderará bilhões de pessoas ao redor do mundo", já que tem como princípios a facilidade de acesso aos serviços e seu baixo custo, bastante acesso a um smartphone e conexão com a internet. O objetivo é utilizar a plataforma de 2,4 bilhões de usuários da rede social para popularizar as transações com criptomoedas.

Na semana passada, após o The Wall Street Journal anunciar que o Facebook já tinha data para lançar oficialmente a sua moeda, o bitcoin surfou na onda e ultrapassou a barreira dos US$ 9 mil, o seu maior valor em um ano.

Calibra

Além da Libra, o Facebook também anunciou o lançamento de uma subsidiária independente chamada Calibra, que será responsável por criar serviços que possam facilitar as transações com a criptomoeda. O primeiro passo será a criação de uma "carteira digital", onde será possível armazenar o dinheiro e estará disponível no Messenger, WhatsApp e como um aplicativo independente já no ano que vem.

O aplicativo também permitirá transações com um baixo custo para qualquer pessoa com um smartphone. No futuro, a empresa também planeja embarcar em outros setores do mundo do pagamento, permitindo que pessoas e empresas paguem contas de formas simplificadas e até mesmo substituam a utilização de bilhetes de transporte público.

Libra Association

A Libra Association, criada com o uso de tecnologia blockchain funcionará de forma independente do Facebook e será administrada pelas 27 empresas que atualmente fazem parte do projeto. Em nota, a empresa justifica a iniciativa como uma forma de deixar o sistema mais justo para os seus usuários.

Para garantir a proteção do dinheiro, o sistema fará uso de criptografia. Já para solucionar um problema presente em outras criptomoedas, a instabilidade, a Libra deve estar vinculada a a uma série de outras moedas já emitidas pelo governo, se tornando assim uma moeda estável.

O Calibra não deve ser o único serviço disponível para as transações com a Libra. Outras empresas de pagamento como Mastercard, Paypal, PayU, Stripe e Visa também trabalham na criação de ferramentas para facilitar as transações com a criptomoeda.  Empresas populares como Booking.com, eBay, Farfetch, Lyft, Spotify e Uber também fazem parte da iniciativa e oferecerão serviços para a Libra.

 

Focando na popularização do acesso aos serviços bancários e na importância da independência financeira na vida das pessoas, o Facebook também tem como parceiros ONGs como Kiva, Mercy Corps e Women's World Banking.

A associação já conta com a participação de companhias do setor de criptomoedas, espera ter mais de 100 sócios até a sua data oficial de lançamento. Cada empresa associada contribuiu com US$ 10 milhões. O objetivo é arrecadar US$ 1 bilhão em investimentos até 2020.

Privacidade

Segundo a empresa, a privacidade dos dados dos usuários está assegurada. Todos os dados compartilhados com o Calibra serão armazenados de forma independente e mantidos separadamente daqueles compartilhados com o Facebook. A rede social de Mark Zuckerberg é pivô de diversos escândalos envolvendo a quebra de sigilo de dados de seus usuários.

A co-governança da associação também visa garantir que os interesses de seus usuários esteja garantido. O Calibra contará com um time de experts em gerenciamento de risco que deverá prevenir que a plataforma seja utilizada para fins fraudulentos, um problema enfrentada por diversas criptomoedas hoje no mercado.

As principais informações sobre a Libra e a Libra Associaton estão reunidas no link.

 

 

 

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

AS DICAS DO GURU

Coronavírus é ‘assustador’, mas não é hora de vender ações, para Warren Buffett

“Compramos ações para ficar por 20, 30 anos e achamos que o cenário para 20, 30 anos não mudou pelo coronavírus.”

AÇÕES

ADRs do Brasil fecham em forte queda em NY; Vale cai 7,5% e Petrobras recua 6,7%

Os grandes bancos também amargaram perdas importantes em Nova York, embora menores que Petrobras e Vale

OLHO NO VÍRUS

Brasil amplia lista de países para definir suspeitos de coronavírus

Com a nova atualização, a lista agora inclui, além da Itália, Alemanha, França, Austrália, Filipinas, Malásia, Irã e Emirados Árabes

CORONAVÍRUS

Impacto do coronavírus na economia ficará mais claro em 3 a 4 semanas, diz Mnuchin

“Não acho que as pessoas deveriam estar entrando em pânico mas, por outro lado, é preocupante”, disse o secretário

CAÇADOR DE ASSIMETRIAS

Quarteirão, Quarter Pounder ou Royale, não importa… temos que comprar ouro

Uma curiosidade: alguns lanches mudam de nome a depender do país em que estamos. Sabe por quê? Devido ao sistema métrico de cada território. Por exemplo, um Quarteirão com Queijo aqui no Brasil leva o nome de Quarter Pounder with Cheese nos EUA e Royale with Cheese na França.  Quem me ensinou isso foi Pulp […]

Check up dos investimentos

O que considerar na hora de avaliar o desempenho da sua carteira – e quais ferramentas podem te ajudar

Montei um guia para você saber tudo que precisa levar em consideração na hora de avaliar o desempenho da sua carteira de investimentos, principalmente se você investe por meio de diversas instituições financeiras. Também listei algumas ferramentas que podem te ajudar na empreitada.

DE OLHO NO NUBANK

Número de contas do Nubank cresce 485%, mas prejuízo também acelera e chega a R$ 312,7 milhões

Mas nem tudo foi ruim. De acordo com o documento apresentado pela fintech, o Nubank fechou o ano passado com 16 milhões de contas, sendo que 45 mil foram apenas contas voltadas para pessoas jurídicas (PJs)

AVERSÃO AO RISCO

‘Índice do medo’ dispara mais de 46% em meio a movimento de aversão ao risco no mundo

Seguindo na mesma direção, o ouro também apresentou alta na tarde desta segunda-feira por conta do movimento de busca por proteção

ECONOMIA

Carnaval 2020 deve movimentar R$ 8 bilhões na economia, diz CNC

Segundo a CNC, “a recuperação gradual da atividade econômica, combinada à inflação baixa” tendem a refletir na recuperação moderada dos serviços turísticos

AVIAÇÃO

Empresa americana ExpressJet Airlines compra 36 aviões da Embraer

A companhia anunciou também que vai diminuir gradualmente a sua frota de aeronaves E175 para acelerar o crescimento e se tornar uma companhia mais eficiente

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements