Menu
2018-09-23T22:52:33-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Mercados

Mesmo com Ibope preocupando, dólar fecha em baixa puxado pelo mercado exterior

Câmbio foi impactado positivamente pela melhora nas perspectivas dos mercados emergentes

19 de setembro de 2018
9:39 - atualizado às 22:52
Donald Trump e Xi Jinping
Donald Trump e Xi Jinping - Imagem: Shutterstock

O dólar terminou a quarta-feira (19) em baixa com a melhora no ambiente de negócios para as economias emergentes diante da perspectiva de que as taxas impostas por EUA e China foram mais brandas do que o inicialmente esperado. A moeda norte-americana caiu 0,43%, a R$ 4,124.

Na segunda-feira, o presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou tarifas de 10% sobre o valor de US$ 200 bilhões em importações chinesas com a previsão de aumentar-las para 25% no início de 2019.

Em menos de 24h, a China anunciou sua retaliação a Washington com tarifas US$ 60 bilhões sobre importações norte-americanas.

Atento e esperando

A influência lá de fora conseguiu conter a volatilidade que o câmbio apresentou nas últimas semanas por conta das eleições de outubro. O resultado do Ibope divulgado ontem, que indica fortalecimento do PT na corrida ao Planalto  apesar de Jair Bolsonaro (PSL) continuar à frente na disputa, assustou alguns e foi visto com cautela por outros. Os investidores devem ficar atentos aos próximos números das pesquisas. Aliás, amanhã é dia de Datafolha.

 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

seu dinheiro na sua noite

A vingança das sardinhas

Podia ser o título de um filme de terror, mas está mais para uma história de superação. No jargão do mercado financeiro, sardinhas são os pequenos investidores — pessoas físicas como eu e você. No mar revolto da bolsa de valores, as sardinhas costumam virar presas fáceis para os grandes investidores — ou tubarões, como […]

balanço

Pix movimenta R$ 11,8 bilhões na primeira semana de operação

Volume considera as transações realizadas entre o dia 16 de novembro, início da ferramenta, até ontem, dia 22

ainda não é oficial

Biden deve nomear Janet Yellen como secretária do Tesouro, diz jornal

Se confirmada pelo Senado, Janet Yellen será a primeira mulher a assumir a função; bolsas subiram com a notícia

fim do dia

Tudo para cima: Ibovespa fecha em alta com vacina de Oxford 70% eficaz, enquanto risco fiscal pressiona dólar e juros

Principal índice da B3 fecha no maior patamar desde 21 de fevereiro e acumula ganhos de 14% em novembro. Paralisia com reformas e crescente dívida pública instigam alta da moeda americana

Corrida contra o tempo

Moody’s: vacinação em massa tem potencial significativo de melhora do PIB global

Hoje foi a vez da AstraZeneca, que seguiu as farmacêuticas Moderna e Pfizer nas semanas anteriores, todas com eficácia na casa dos 90%.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies