🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView
Ana Carolina Neira
Ana Carolina Neira
Jornalista formada pela Faculdade Cásper Líbero com especialização em Macroeconomia e Finanças (FGV) e pós-graduação em Mercado Financeiro e de Capitais (PUC-Minas). Com passagens pelo portal R7, revista IstoÉ e os jornais DCI, Agora SP (Grupo Folha), Estadão e Valor Econômico, também trabalhou na comunicação estratégica de gestoras do mercado financeiro.
COMPRANDO MAIS

Queridinha no setor de consumo, Arezzo (ARZZ3) compra a fabricante de calçados Vicenza por R$ 103,8 milhões

O negócio total foi avaliado em R$ 173 milhões e o valor restante será pago pela Arezzo (ARZZ3) em ações

Ana Carolina Neira
Ana Carolina Neira
17 de janeiro de 2023
10:58 - atualizado às 11:08
Fachada de loja da Arezzo (ARZZ3). Empresa vai pagar dividendos na forma de JCP
Imagem: Divulgação

Basta conversar com algum gestor de ações sobre o setor de consumo para ouvir o nome Arezzo (ARZZ3) entre os favoritos, reflexo de um negócio bem executado e bons resultados, que resistiram ao pior período da pandemia.

Conhecida também por suas aquisições, a empresa liderada por Alexandre Birman acaba de anunciar a compra de 60% das ações da Calçados Vicenza por um total de R$ 103,8 milhões — o valor ainda pode sofrer ajustes conforme definições de contrato.

Segundo o comunicado arquivado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a Vicenza foi avaliada em R$ 173 milhões. Deste valor, 60% (ou R$ 104 milhões) será pago em dinheiro e os R$ 69 milhões restantes em ações — com período de lockup de quatro anos.

A Arezzo terá de fazer um aumento de capital para cobrir a parte em ações, mas isso deve representar uma diluição pequena para os acionistas atuais, estimada em 0,7% pelos cálculos da Empiricus Research.

A Vicenza, que faturou R$ 80 milhões em 2022, é voltada para as classes mais altas e pelo menos metade de suas receitas vem de exportações para países como Itália e Estados.

"Para além do posicionamento aderente ao da Arezzo &Co (classes A e B), enxergamos algumas sinergias possíveis com a marca gaúcha. Hoje com presença maior nos Estados Unidos, o grupo buscava expandir sua atuação na Europa, o que a Vicenza traz com as exportações para o continente. Ainda, a presença da adquirida nas multimarcas tem pouca sobreposição com a de Schutz, trazendo oportunidades interessantes de venda cruzada. Por fim, a fábrica própria também condiz com os planos da Arezzo &Co de verticalizar sua produção", disse a analista Larissa Quaresma, da Empiricus Research, a respeito da transação.

Atualmente, a casa recomenda compra de ARZZ3 em diversas de suas carteiras.

  • Não perca dinheiro em 2023: o Seu Dinheiro conversou com os principais especialistas do mercado financeiro e reuniu neste material as melhores oportunidades de investimentos em ações, BDRs, fundos imobiliários e muito mais. ACESSE AQUI GRATUITAMENTE

Arezzo (ARZZ3) tem histórico de crescimento via aquisições

Vale dizer que essa é a primeira aquisição da Arezzo (ARZZ3) desde o follow on feito em 2022, quando levantou R$ 833 milhões. Na época, os executivos da empresa já haviam sinalizado que parte desse dinheiro seria usado para crescer comprando outras empresas.

Esse é mais um passo no plano da Arezzo & Co de ser um ecossistema de marcas, já que também é dona das linhas da Ana Capri, Alexandre Birman, Fiever, Alme, Vans e My Shoes.

Nos últimos anos, a Arezzo ainda se aventurou no segmento de vestuário e trouxe para o mercado marcas como Reserva e Baw Clothing.

As ações ARZZ3

No pregão desta terça-feira (17), as ações da Arezzo (ARZZ3) operam em alta após o anúncio da aquisição. Às 10h40, o papel subia 1,34%, cotado a R$ 78,47. No mês, o ativo sobe 0,11%, enquanto no último um ano o avanço é de 18,22%.

Em relatório recente, o Bradesco BBI projeta alta para a varejista neste ano. Os analistas acreditam que isso será possível graças ao foco em consumidores de alta renda, melhor execução quando comparada aos demais players e balanços saudáveis.

A equipe recomenda a compra de ARZZ3 e tem o papel como seu favorito no setor, com preço-alvo de R$ 100 — potencial de 29,1% de valorização

Compartilhe

Warren Buffett

Berkshire Hathaway vê lucro operacional saltar 28% no 4T23 e bate recorde de caixa; veja os principais números da empresa em 2023

24 de fevereiro de 2024 - 15:36

Empresa do megainvestidor Warren Buffett está sentada sobre uma pilha de dinheiro de US$ 167,6 bilhões

Desceu quadrado

Para grandes credores da Light (LIGT3), não é possível aprovar novo plano de recuperação judicial da empresa

24 de fevereiro de 2024 - 14:54

Só os pequenos credores teriam apoiado novo plano de RJ da empresa, diz fonte; Light tem muitas debêntures na mão de pessoas físicas

Parem as maquin...inhas

OPA da Cielo (CIEL3): CVM suspende registro de oferta para fechar o capital da empresa após questionamento de acionistas minoritários

24 de fevereiro de 2024 - 13:04

Um grupo de gestoras convocou assembleia de acionistas nesta semana para propor outros preços para a oferta da empresa de maquininhas

Ajuste na proposta

Light (LIGT3) apresenta novo plano de recuperação judicial, que prevê aporte de R$ 1,5 bilhão e pagamento a pequenos credores

24 de fevereiro de 2024 - 11:03

Nova proposta prevê pagamento de pequenos investidores detentores de debêntures em até 90 dias; acionistas de referência se comprometem com aporte de R$ 1 bilhão

DINHEIRO NO BOLSO

Banco do Brasil (BBAS3) anuncia mais R$ 1,1 bi em dividendos extras; veja como receber

23 de fevereiro de 2024 - 19:08

Pagamento vem em linha com anúncio de aumento do payout (porcentagem que a empresa distribui de seus lucros) no último dia 8

PAPEL DA MODA?

A Lojas Renner (LREN3) está barata demais? Esse bancão gringo diz se é hora de encher a sacola com ações da varejista

23 de fevereiro de 2024 - 17:23

O JP Morgan estabeleceu um preço-alvo para dezembro de 2024 de R$17,00 para Lojas Renner (LREN3); entenda o racional aqui.

REAÇÃO AO BALANÇO

Apesar de queda das ações em 2024, CEO da Vale (VALE3) está otimista e projeta novas aquisições e resolução de Mariana nos próximos meses

23 de fevereiro de 2024 - 16:01

Para o CEO Eduardo Bartolomeo, a mineradora encontra-se em um “momento singular” e deve chegar a uma resolução definitiva sobre Mariana já no primeiro semestre de 2024

PASSA-SE O POSTO

Grupo Pão de Açúcar (GPA) quer vender redes de postos de gasolina e pode levantar até R$ 450 milhões com operação

23 de fevereiro de 2024 - 11:08

Em comunicado enviado à CVM, a companhia busca reduzir essa alavancagem por meio da venda de ativos “non core” — isto é, que não fazem parte do negócio principal do GPA

BALANÇO

Vale (VALE3) vê lucro cair 35% no quarto trimestre, mas anuncia dividendos de mais de R$ 11 bilhões; confira os números da mineradora

22 de fevereiro de 2024 - 20:15

Junto com os resultados trimestrais, a companhia anunciou a distribuição de proventos aos acionistas; confira os prazos de condições

RDDT VEM AÍ?

Rede social favorita dos investidores por trás do “efeito GameStop” vai listar ações em NY; saiba mais sobre o IPO do Reddit

22 de fevereiro de 2024 - 19:33

A companhia protocolou hoje um pedido para listar ações na NYSE, a bolsa de valores de Nova York, sob o ticker RDDT

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies