🔴 CHANCE DE MULTIPLICAR O INVESTIMENTO EM ATÉ 14,5X EM 8 DIAS? ENTENDA A PROPOSTA

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
ENERGIA ELÉTRICA

Leilão de transmissão: Eletrobras, Engie, e Cteep vencem, mas quem não levou também sai ganhando

Temor de que os lances no leilão de transmissão fossem agressivos demais não se confirmou — pelo menos entre as empresas com ações na B3

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
30 de junho de 2023
17:28 - atualizado às 17:29
Torres de transmissão de energia auren aure3 taesa taee11 dividendos setor elétrico

Com R$ 15,7 bilhões em investimentos, o primeiro leilão de transmissão de energia do governo Lula confirmou a expectativa de grande disputa.

Mas o temor de que os lances fossem agressivos demais a ponto de comprometer a rentabilidade dos projetos não se confirmou — pelo menos entre as empresas com ações na B3.

Eletrobras (ELET3; ELET6), Engie (EGIE3) e Cteep (TRPL4) arremataram lotes no leilão que aconteceu desta sexta-feira. Das três, quem se deu melhor foi a Engie, com uma relação risco-retorno razoável e uma taxa interna de retorno positiva, de acordo com o JP Morgan.

No caso da Eletrobras, os analistas do banco consideraram que a taxa de retorno do projeto arrematado é inferior aos 14% da companhia.

Ou seja, a ex-estatal provavelmente faria melhor negócio se distribuísse dividendos aos acionistas ou fizesse um programa de recompra de ações. De todo modo, o JP Morgan considerou o resultado neutro para a Eletrobras.

Outras empresas, como a Neoenergia (NEOE3), até chegaram a dar lances, mas não levaram. Mas trata-se de uma "derrota positiva", já que demonstra uma maior disciplina de capital pela companhia, de acordo com o JP Morgan.

O mesmo vale para a Alupar (ALUP3), que como não venceu nenhum lote poderá distribuir dividendos mais gordos no futuro, segundo os analistas.

A DINHEIRISTA - Taxada na Shein: “Meu reembolso está mais de um mês atrasado. E agora? I Irmão golpista coloca pais no Serasa

Os números do leilão de transmissão

Os lotes leiloados nesta sexta-feira na B3 preveem a construção, operação e manutenção de 6.184 quilômetros de linhas de transmissão. Além de subestações com capacidade de transformação de 400 megavolt-ampères (MVA).

As empresas que venceram o leilão ofereceram um deságio médio de 50,97% sobre as receitas anuais previstas (RAP), o que representa uma taxa interna de retorno de 6,1%.

As empresas vencedoras que não possuem capital aberto na B3 foram as que ofereceram os lances mais agressivos. A grande surpresa veio do Consórcio Gênesis, que levou o lote 1 ao oferecer um deságio de 66%, com uma taxa de retorno estimada em apenas 1,9%.

Compartilhe

PATINANDO NA PRAÇA DA SÉ

Adeus, bolsa? B3 (B3SA3) reporta saída de CPFs pelo segundo mês seguido

12 de julho de 2024 - 8:38

Volume financeiro médio diário total em ações caiu 21,4% em um ano, mas bolsa ainda tem mais de 5 milhões de CPFs

LOTERIAS

Lotofácil faz 2 quase milionários; Quina acumula e continua pagando mais que a Mega-Sena

12 de julho de 2024 - 5:53

Enquanto a Quina segue acumulando, a Lotofácil continua fazendo jus à fama de loteria menos difícil da Caixa Econômica Federal

NOVA POLÊMICA

Vem mais imposto por aí? Após Senado “rejeitar” aumento da CSLL, líder sugere taxação sobre setor financeiro para compensar desoneração da folha

11 de julho de 2024 - 19:45

Aumento seria feito caso as medidas apontadas pelo Senado não sejam suficientes para equalizar a renúncia do benefício fiscal aos 17 setores e às pequenas e médias prefeituras

APÓS 40 ANOS

Ela está chegando: Câmara aprova texto-base da reforma tributária, zera taxa sobre carnes e mantém armas e munições isentas do ‘imposto do pecado’

11 de julho de 2024 - 7:48

Agora, os deputados votam os cinco destaques (tentativas de alterar o texto-base), antes de a proposta ser enviada ao Senado

LOTERIAS

Lotofácil faz 2 meio-milionários; Mega-Sena acumula, mas não consegue superar premiação da Quina

11 de julho de 2024 - 5:50

Lotofácil continua fazendo jus à fama de loteria menos difícil da Caixa Econômica Federal; Quina acumulada corre hoje valendo R$ 17 milhões

IPCA

Inflação mais fraca em junho tira pressão do dólar e dos DIs, mas ainda não afeta projeções para Selic

10 de julho de 2024 - 11:46

IPCA mensal desacelerou de 0,46% para 0,21% na passagem de maio para junho; analistas esperavam inflação de 0,32%

LOTERIAS

Lotofácil faz primeiro milionário da semana; Quina acumula e paga mais que a Mega-Sena hoje

10 de julho de 2024 - 5:53

A máquina de milionários da Lotofácil voltou a funcionar na noite de terça-feira; calendário da Mega-Sena está diferente, mas é só nesta semana

PESQUISA BGC

Mercado acha que Lula não vai cumprir meta fiscal de 2024 e maioria espera que cortes feitos não mexam com os negócios

9 de julho de 2024 - 17:01

Do total de entrevistados, 46% acreditam que a meta fiscal de 2024 será alterada no quarto trimestre, enquanto 19% acham que a revisão virá um pouco antes, no terceiro trimestre

ADIADO

Ficou para amanhã: Arthur Lira afirma que regulamentação da reforma tributária começa a ser votada quarta-feira

9 de julho de 2024 - 10:35

Vale destacar que a expectativa é de que a reforma tributária seja votada antes do recesso parlamentar, que acontece a partir do dia 18, quinta-feira da semana que vem

LOTERIAS

Entre ‘teimosos’ e ‘normais’, Lotofácil tem 4 ganhadores; Mega-Sena é adiada

9 de julho de 2024 - 6:02

Lotofácil começa a segunda semana de julho fazendo jus à fama de loteria menos difícil da Caixa Econômica Federal; Quina acumula

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar