🔴 NOVA META: RENDA EXTRA DE ATÉ R$ 2.000,00 POR DIA – VEJA COMO

Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
Dá o play!

Lula vai meter a mão na Petrobras, na Eletrobras e no Banco Central? Saiba os riscos e como isso pode afetar o seu bolso

Lula vai aumentar a interferência do governo em searas como Eletrobras, Petrobras e Banco Central? Esse é o tema do podcast Touros e Ursos desta semana

Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
13 de maio de 2023
8:00 - atualizado às 19:22
Lula com bandeira do Brasil e gráfico ao fundo vermelho
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva - Imagem: Shutterstock / Luisa Dörr/TIME / Montagem Brenda Silva

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva nunca escondeu as críticas à privatização da Eletrobras e a vontade de mudar as políticas de preços e distribuição de dividendos da Petrobras.

Desde a campanha eleitoral, o petista vem manifestando o desejo de reestatizar a elétrica, desatrelar os preços da petroleira das cotações internacionais e reduzir a distribuição de dividendos da estatal para que ela volte a investir em refino e energias renováveis.

A faceta mais intervencionista de Lula também apareceu rapidamente quando o assunto é política monetária. O presidente ataca os juros altos - não sem alguma razão, diga-se - pelo menos desde o início do seu atual mandato, num tom que adquire o formato de pressão sobre o Banco Central, cuja autonomia também é criticada pelo petista.

O mercado teme que interferências governamentais nas empresas acabem destruindo valor nesses negócios e também não gosta da ideia de um BC que, acuado, possa acabar reduzindo os juros na marra, voltando a permitir que a inflação corra solta. Assim, as falas de Lula sobre esses temas têm repercutido mal nos preços dos ativos.

Leia também

As sinalizações dos últimos dias

Na última semana, algumas notícias elevaram a preocupação dos investidores. O número 2 do Ministério da Fazenda foi indicado para uma diretoria importante do Banco Central, no que foi interpretado pelo mercado como uma tentativa de interferir nos rumos da política monetária.

Já a Advocacia-Geral da União entrou com uma ação de inconstitucionalidade no Supremo Tribunal Federal (STF) questionando as restrições de voto da União na Eletrobras, e o presidente Lula disse que pretende entrar com uma ação questionando a privatização.

Por fim, na expectativa pelos resultados da Petrobras no primeiro trimestre de 2023, analistas disseram esperar mudanças na política de distribuição de dividendos no segundo semestre. E alterações na política de preços também devem vir por aí.

  • Você investe em ações, renda fixa, criptomoedas ou FIIs? Então precisa saber como declarar essas aplicações no seu Imposto de Renda 2023. Clique aqui e acesse um tutorial gratuito, elaborado pelo Seu Dinheiro, com todas as orientações sobre o tema.

No podcast Touros e Ursos desta semana, eu, Victor Aguiar e Vinícius Pinheiro discutimos se essas notícias são indícios de que vem intervenção estatal pesada nessas questões e como isso pode afetar o mercado brasileiro e o bolso do investidor.

Também escolhemos, como sempre, nossos touros e ursos da semana, com uma homenagem especial ao nosso touro honorário, a querida Rita Lee. Para ouvir o programa na íntegra, junto com as nossas recomendações musicais, basta clicar aqui.

Compartilhe

Ainda o país da renda fixa

Investidor prefere renda fixa no 1º trimestre mesmo com juros mais baixos – e títulos isentos como LCI, LCA, CRI e CRA foram as estrelas

21 de maio de 2024 - 18:14

Crescimento do volume alocado em títulos de renda fixa isenta se destacou ante o desempenho de ações e fundos mais arriscados; poupança perdeu participação no volume investido pela pessoa física

PIB PER CAPITA

Qual é o país mais rico do mundo segundo o FMI — e não são os EUA nem a China

21 de maio de 2024 - 11:18

Veja os 10 primeiros lugares do ranking do FMI de países mais ricos do mundo, que considera o PIB per capita, e onde está o Brasil

Títulos públicos

Como títulos como o RendA+ e o Educa+ poderiam ajudar na prevenção e nos reparos de desastres climáticos como os do Rio Grande do Sul

21 de maio de 2024 - 9:30

“Pai” do Tesouro RendA+ defende que títulos públicos voltados para a aposentadoria e a educação podem ser usados para o governo captar recursos para investir em infraestrutura em um cenário de mudanças climáticas e até mesmo viabilizar doações

LOTERIAS

Lotofácil, Quina e Lotomania começam semana fazendo milionários por todos os lados; será que você está entre eles?

21 de maio de 2024 - 5:48

Aconteceu de tudo no rateio da Lotofácil, da Quina e da Lotomania; Mega-Sena corre hoje valendo R$ 37 milhões

LOTERIAS FEDERAIS

Em meio a indecisão da Mega-Sena e Quina, Lotofácil faz milionário no mais recente sorteio; veja loterias federais hoje

19 de maio de 2024 - 10:08

Com a Sena não cravada, o prêmio do próximo concurso, a ser realizado no dia 21 de maio de 2024, sobe para R$ 37 milhões

ATENÇÃO, DEVEDOR

Desenrola Brasil: este é o último fim de semana para aderir à Faixa 1 do programa de renegociação de dívidas; veja como

18 de maio de 2024 - 15:38

Dados do Ministério da Fazenda apontam que, até a semana passada, 14,75 milhões de pessoas já haviam renegociado cerca de R$ 51,7 bilhões em dívidas

DURANTE ENCONTRO

Após 30 anos do Plano Real, ex-presidentes do Banco Central criticam condução da política fiscal

18 de maio de 2024 - 10:19

Ao mesmo tempo, Roberto Campos Neto evitou comentários sobre a condução da política fiscal atual, mas voltou a defender o projeto que concede autonomia financeira ao BC

Mudanças climáticas

Investimento verde é coisa de gringo, mas isso é bom para nós: saiba quais são as apostas ESG do investidor global no Brasil

17 de maio de 2024 - 6:33

Saiba para quais segmentos e tipos de negócios o investidor global olha no Brasil, segundo Marina Cançado, idealizadora de evento que aproximará tubarões internacionais com enfoque ESG do mercado brasileiro

LOTERIAS

Mega-Sena e Quina decepcionam de novo, mas Lotofácil faz 2 meio-milionários — e eles apostaram de um jeito diferente

17 de maio de 2024 - 5:42

Nenhum dos ganhadores da Lotofácil apostou em uma casa lotérica; na Mega-Sena e na Quina, os prêmios acumulados têm oito dígitos

E VEM MAIS POR AÍ

Uma ajuda extra da Receita: lote de restituição do Imposto de Renda para o Rio Grande do Sul supera R$ 1,1 bilhão

16 de maio de 2024 - 19:46

Além de incluir os gaúchos no primeiro lote de restituição, a Receita promoverá medidas para ajudar o contribuinte do estado castigado pelas enchentes

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar