IPCA + 7,5%: receba esta e outras ofertas ‘premium’ de renda fixa no WhatsApp; clique aqui

Lucas Claro
Palavra do Trader
Lucas Claro
Head de Análise Técnica no BTG Pactual
Cotações por TradingView
2023-01-20T16:26:59-03:00
PALAVRA DO TRADER

Como o viés de informação impacta sua operação como trader

O viés da informação pode afetar até mesmo os investidores mais experientes e com maior acesso a informações; saiba como evitar

23 de janeiro de 2023
6:22 - atualizado às 16:26
Investidor olha para tela de cotações e gráficos da bolsa | Opções, ações, Armínio Fraga
Investidor olha para tela de cotações e gráficos da bolsa -

Quando se trata de investir, é importante entender como podemos cair em armadilhas mentais. Este viés ocorre, basicamente, quando acreditamos que existem mais informações do que, de fato, existem, ou quando damos um peso maior para algumas informações em detrimento a outras. Isso pode nos levar a tomar decisões erradas, especialmente quando se trata de investimentos.

Um exemplo clássico acontece quando alguém começa a se interessar por uma determinada ação e começa a pesquisar sobre ela. A pessoa lê artigos, assiste a notícias e conversa com amigos que também investem. Tudo parece apontar para o fato de que essa ação é uma ótima escolha.

Mas, e se essa pessoa estiver apenas vendo informações positivas sobre essa ação? E se ela estiver ignorando informações negativas? Essa pessoa pode estar caindo no viés de informação e acabar investindo em algo que não é tão bom quanto parece.

Um dos exemplos mais famosos é o caso da Enron. Em 2001, a empresa revelou que havia falsificado seus relatórios financeiros e, como resultado, seus investidores sofreram grandes perdas. Mas aqui está a coisa: muitos desses investidores eram analistas financeiros altamente qualificados e instituições financeiras respeitáveis, e ainda assim foram pegos de surpresa.

Isso mostra como o viés da informação pode afetar até mesmo os investidores mais experientes e com maior acesso a informações.

Trader precisa estar mais atento aos fatos e menos às emoções

Então, como evitar o viés de informação? Um dos melhores caminhos é buscar informações de fontes confiáveis e tentar ver as coisas de forma objetiva. É importante ler artigos e notícias de diferentes fontes, e não só aquelas que confirmam nossas opiniões.

Também é importante não se deixar levar pelo medo ou pela euforia. Investir é uma coisa séria e precisamos tomar decisões baseadas em fatos, não em emoções.

É claro que não é fácil resistir ao viés de informação, especialmente quando se trata de investimentos. Mas, se estiver ciente do viés e tomar medidas para mitigá-lo, você pode minimizar os riscos e maximizar as chances de sucesso.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

maus ventos

O Brasil vai acabar? Inflação pode deixar de responder ao BC se Lula conseguir mudar meta, dizem gestores

31 de janeiro de 2023 - 21:24

Rodrigo Azevedo, da Ibiuna, e Felipe Guerra, da Legacy, estão com visão pessimista para o Brasil

DIA 31

Está confirmado: Lula vai para os EUA no dia 10 de fevereiro — veja o que ele vai discutir com Biden

31 de janeiro de 2023 - 20:06

Enquanto o encontro não chega, o petista tentou acalmar os ânimos dos investidores — que seguem desconfiados em relação à responsabilidade fiscal do novo governo

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa sobe em meio ao caos de um interminável janeiro; o que afeta a bolsa nos próximos dias?

31 de janeiro de 2023 - 18:57

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta terça-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo

MELHORES DO MÊS

Renascimento cripto: bitcoin (BTC) volta a brilhar, sobe mais de 30% e é disparado o melhor investimento de janeiro; títulos do Tesouro ficam na lanterna

31 de janeiro de 2023 - 18:46

As medalhas de prata e bronze foram para o ouro e para o Ibovespa, em um movimento de busca por segurança — e barganhas

ESTAGNOU?

Dividendos do Maxi Renda (MXRF11) não cresceram em 2022, mas os proventos destes outros três fundos imobiliários subiram mais de 50% — veja quais são

31 de janeiro de 2023 - 18:33

O melhor resultado foi obtido pelo Santander Papéis Imobiliários CDI (SADI11), com alta de 77,1%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies