Independência do Banco Central vai acabar? Entenda melhor aqui

Cotações por TradingView
2023-01-16T12:26:14-03:00
Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
A campeã do ano

Melhor carteira recomendada de ações de 2022 teve retorno de quase 32% no ano, contra 4,69% do Ibovespa. Veja o ranking completo

Entre as maiores corretoras do país, foi um bancão que fez as indicações com maior retorno do ano

9 de janeiro de 2023
17:48 - atualizado às 12:26
alta da bolsa
Alta modesta do Ibovespa em 2022 não significa que não foi possível obter bons retornos com ações. Imagem: shutterstock

Após um ano de muita volatilidade, o Ibovespa conseguiu terminar 2022 em alta de 4,69%. Mas embora o ano passado tenha sido difícil para os investidores em ações, algumas carteiras recomendadas de corretoras tiveram desempenhos excelentes, mostra levantamento da Grana Capital, aplicativo de automatização da gestão do imposto de renda para investidores de bolsa.

Entre as maiores corretoras do mercado para investidores pessoas físicas, a do Itaú teve a melhor carteira recomendada de 2022, a Itaú Top 5, com uma valorização de 31,55% no ano.

O pódio, aliás, ficou todo com bancos tradicionais, de uma ou outra maneira. O segundo lugar, que também não foi nada mal, ficou com o BTG Pactual, com rentabilidade de 18,83%. Em seguida, veio a carteira recomendada do Santander, com alta de 17,95%.

Ainda segundo o levantamento, cinco das nove corretoras analisadas tiveram desempenho positivo, mas apenas quatro superaram o Ibovespa.

Na lanterna do ranking, o pior desempenho ficou com a carteira da modalmais, com queda de 37,52%, seguida das indicações do BB Investimentos, com baixa de 24,07%.

O ranking da Grana Capital é mensal e leva em conta apenas as maiores corretoras de varejo do país em número de transações de pessoas físicas, de acordo com a lista mais recente do Tesouro Nacional. Destas, são selecionadas apenas aquelas que, naquele mês, divulgaram publicamente suas carteiras recomendadas.

Para a montagem do ranking anual, nove corretoras atenderam aos critérios: Banco do Brasil, Itaú, Santander, modalmais, BTG Pactual, XP Investimentos, NuInvest, Inter e Ágora. A Caixa e a Clear ficaram de fora da lista, embora tenham feito parte do grupo das maiores corretoras, por não terem informado se fizeram recomendações públicas em 2022.

Veja na tabela o ranking completo das carteiras recomendadas de ações em 2022, considerando um investimento inicial de R$ 100 mil:

Melhores e piores carteiras recomendadas de ações em 2022

CarteiraPosição inicialPosição finalVariação %
Itaú Top 5R$ 100.000R$ 131.551,8531,55%
BTG PactualR$ 100.000R$ 118.833,0818,83%
SantanderR$ 100.000R$ 107.956,6717,95%
Ágora BradescoR$ 100.000R$ 109.781,469,78%
InterR$ 100.000R$ 103.252,573,25%
XP InvestimentosR$ 100.000R$ 98.548,99-1,45%
NuInvestR$ 100.000R$ 97.964,58-2,03%
BB InvestimentosR$ 100.000R$ 75.929,16-24,07%
modalmaisR$ 100.000R$ 62.475,37-37,52%
Fonte: Grana Capital

As ações mais recomendadas de 2022

A ação mais recomendada pelas maiores corretoras de varejo em 2022, segundo o ranking da Grana Capital, foi a da Vale (VALE3), com 64 indicações ao longo do ano. Em seguida vieram as ações preferenciais da Petrobras (PETR4), com 27 recomendações, e do Itaú (ITUB4), com 23 aparições nas carteiras.

As ações recomendadas que mais se valorizaram

Já os papéis indicados que mais se valorizaram no ano foram os da Cielo (CIEL3), com alta de 140,4%, maior ganho do Ibovespa em 2022; PRIO, antiga PetroRio (PRIO3), com alta de 80%; e BB Seguridade (BBSE3), com ganhos de 74,8%.

O segredo do sucesso da Itaú Top 5

De acordo com Victor Natal, estrategista para pessoa física do Itaú BBA, o ativo que mais contribuiu para o bom desempenho da carteira Itaú Top 5 no ano foi a ação da PRIO. A carteira Itaú Top 5 é sempre composta por cinco ativos, e em todos os meses de 2022, PRIO3 fez parte da seleção.

"A preferência pela companhia nos permitiu manter a exposição a petróleo sem correr os riscos de um momento de troca de governos. Além disso, uma constante avaliação do mercado nos ajudou a fazer boas trocas entre recomendações de BTG Pactual (BPAC11) e Banco do Brasil (BBAS3), que tiveram rendimentos interessantes ao longo do ano", disse Natal, segundo nota da Grana Capital.

A carteira Itaú Top 5 liderou o ranking mensal da Grana Capital em quatro ocasiões. Em janeiro, quando teve alta de 12,35%, os ganhos foram impulsionados por Hapvida (21,97%). Em maio, quando valorizou 4,60%, o destaque positivo foi Banco do Brasil (10,23%).

Já em outubro, a performance de 17,50% foi puxada por PRIO (28,55%) e Sabesp (21,17%). Finalmente, em novembro, foi a única carteira com desempenho positivo pela indicação de BB Seguridade (5,49%), que fez a carteira subir 0,58% no mês.

A carteira do Itaú também foi a mais bem-sucedida do primeiro semestre de 2022, quando acumulou ganhos de 5,05%, sendo a única com retorno positivo no período.

O Itaú no entanto esclareceu que a carteira Top 5 pode trocar os ativos que a compõem ao longo do mês, e ajusta diariamente o peso dos papéis da carteira. Ou seja, as alterações não são feitas apenas na virada de cada mês.

Além disso, o cálculo do Itaú para a rentabilidade da carteira é mais conservador que o da Grana Capital, que considera a composição de cada carteira no fim dos meses analisados, o que acabou tornando o dado divulgado pela empresa superior ao retorno calculado pelo banco. Ainda assim, o Itaú autorizou a divulgação do dado da Grana Capital.

Outros destaques positivos do ano

Em segundo lugar no ranking anual, a carteira 10 SIM, do BTG Pactual, teve seu bom desempenho puxado por papéis de empresas como Eletrobras, Vibra Energia, Sabesp e Banco do Brasil.

A Grana Capital fez ainda uma "menção honrosa" para a carteira da NuInvest, plataforma de investimentos do Nubank. A empresa explica que, no segundo semestre, a corretora descontinuou a carteira recomendada Top 10 Ações Nubank, que foi substituída pela NuInvest Dividendos, que recomenda ativos com foco na distribuição de proventos.

Embora esta carteira já existisse desde o início do ano, ela só passou a ser contabilizada pelo ranking a partir de julho, quando se tornou a recomendação oficial da NuInvest. Caso tivesse sido acompanhada pela Grana Capital desde janeiro, a NuInvest teria exibido um rendimento de 20,79%, considerando o valor de dividendos de cada ação.

Ranking das carteiras recomendadas de dezembro de 2022

Em dezembro do ano passado, a NuInvest foi a vencedora do ranking, com uma leve alta de apenas 0,06%. Foi a única carteira com performance positiva no mês. Apenas quatro carteiras superaram o Ibovespa, que caiu 2,44% no período.

As ações mais recomendadas foram as da Vale (VALE3), com sete indicações, as do Itaú (ITUB4), com seis recomendações, e as da PRIO (PRIO3), que apareceram em quatro carteiras.

Veja o desempenho das carteiras recomendadas das maiores corretoras de varejo do país no mês de dezembro, em termos percentuais e simulando um investimento inicial de R$ 100 mil:

CarteiraPosição inicialPosição finalVariação %
NuInvestR$ 100.000R$ 100.057,590,06%
modalmaisR$ 100.000R$ 99.362,76-0,64%
Itaú Top 5R$ 100.000R$ 99.686,09-0,31%
BTG PactualR$ 100.000R$ 98.333,08-1,67%
XP InvestimentosR$ 100.000R$ 96.985,88-3,01%
BB InvestimentosR$ 100.000R$ 96.973,54-3,03%
InterR$ 100.000R$ 96.421,78-3,58%
SantanderR$ 100.000R$ 95.283,45-4,72%
Ágora BradescoR$ 100.000R$ 95.081,46-4,92%
Fonte: Grana Capital

*Matéria atualizada em 16 de janeiro de 2023 com uma correção na rentabilidade da carteira anual da Santander Corretora, segundo errata enviada pela Grana Capital.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

HYPE DO CHATBOT

Se cuida, ChatGPT! Alibaba entra na corrida da inteligência artificial com versão chinesa; veja quem já está nessa disputa

8 de fevereiro de 2023 - 14:10

A Microsoft não está assistindo tudo isso de braços cruzados e anunciou um mecanismo de pesquisa Bing com inteligência artificial e um navegador Edge, que será sustentado pelo ChatGPT

Repercussão do resultado

Itaú (ITUB4) acertou em provisionar 100% da exposição à Americanas, dizem analistas; ações disparam na bolsa

8 de fevereiro de 2023 - 12:56

Ao se prevenir totalmente de calote da Americanas no balanço do 4T22, Itaú evita que efeito contamine resultados de 2023

CORRIDA PLATINUM

Uber supera expectativas no 4º trimestre e encerra 2022 com balanço 5 estrelas; ações disparam nas bolsas

8 de fevereiro de 2023 - 12:09

A empresa encerrou os últimos três meses do ano passado com um lucro líquido de US$ 595 milhões, contrariando as expectativas de prejuízo dos analistas

VESPEIRO POLÍTICO

CEO do Itaú (ITUB4) fala sobre disputa entre Lula e presidente do BC: “é do jogo”

8 de fevereiro de 2023 - 11:44

Milton Maluhy, CEO do Itaú, vê a equipe do ministro da Fazenda, Fernando Haddad, “na direção correta”, mas defende definição rápida da meta de inflação

TEMPOS DIFÍCEIS

Entenda o que está acontecendo com a Marisa (AMAR3) após a renúncia do presidente e alerta financeiro — ações caem mais de 5% na B3

8 de fevereiro de 2023 - 11:12

A Marisa (AMAR3) não detalhou quais as suas dificuldades financeiras que demandam melhorias na estrutura de capital

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies