🔴 [EVENTO GRATUITO] COMPRAR OU VENDER VALE3? INSCREVA-SE AQUI

Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa e dólar fecham em alta; Americanas recua forte e anota a maior queda do índice após derrota para o BTG na Justiça

Antes disso, a varejista estava blindada contra a execução de dívidas por outra determinação dos tribunais

Americanas em queda

“Que semana, hein”, “Capitão, é quarta-feira”: esse curto diálogo entre Capitão Haddock e Timtim é um dos mais famosos da internet por descrever em poucas palavras a exaustão que cai sobre todos neste derradeiro dia.

Existe até uma conta do Twitter exclusivamente dedicada a postar a conversa — que não está presente na criação original de Hergé, mas se encaixou como uma luva em um dos desenhos do cartunista— quando chega o meio da semana.

Nesta quarta-feira (18), o diálogo também descreve bem a situação do mercado acionário brasileiro.

Nesse mesmo dia da semana passada, acionistas, analistas e empresários descobriram a existência de um rombo contábil bilionário nas Americanas (AMER3). E a situação da varejista parece ficar mais complicada a cada novo desdobramento.

A novidade de hoje foi uma liminar obtida pelo BTG Pactual, um dos credores da companhia, para bloquear R$ 1,2 bilhão da Americanas. Antes disso, a varejista estava blindada contra a execução de dívidas por outra determinação da Justiça enquanto avaliava o pedido de recuperação judicial.

Mas a nova decisão aumenta as incertezas sobre o caso e abre margens para que outros bancos também busquem essa via para receber valores devidos pela empresa — Goldman Sachs e Bradesco já entraram com recursos parecidos.

Além disso, os investidores tiveram que lidar com a aversão ao risco no exterior. As bolsas de Nova York caíram forte após o Livro Bege apontar que a aceleração da inflação continua a reduzir o poder de compra dos consumidores norte-americanos.

O aquecimento do mercado de trabalho bem como o ritmo de crescimento moderado dos empregos também foi destaque na publicação do Federal Reserve, o banco central dos EUA.

Por aqui, um discurso do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) também não agradou pelo viés considerado populista. Uma das declarações do petista foi que “o salário mínimo tem que crescer conforme o PIB”.

Ainda assim, o Ibovespa subiu hoje. Apoiado novamente nas commodities metálicas e no setor bancário — com uma ajuda da construção civil e companhias aéreas —, o principal índice acionário da B3 avançou 0,71%, aos 112.228 pontos.

O dia também foi de ganhos para o dólar. A moeda norte-americana chegou a operar em terreno negativo durante a manhã, mas inverteu o sinal, fortaleceu-se com os temores de recessão global e fechou em alta de 1,12%, cotada em R$ 5,1626.

Sobe e desce do Ibovespa

Além da Americanas (AMER3), que voltou a recuar em meio aos últimos desdobramentos de seu escândalo contábil, outras duas varejistas eletrônicas aparecem na ponta negativa do Ibovespa.

Via (VIIA3) e Magazine Luiza (MGLU3) caíram forte com os investidores realizando ganhos após as altas da última sessão. Confira as maiores quedas do dia:

CÓDIGONOMEULTVAR
AMER3Americanas S.AR$ 1,74-8,42%
VIIA3Via ONR$ 2,38-6,67%
MGLU3Magazine Luiza ONR$ 3,56-6,07%
IRBR3IRB ONR$ 1,08-3,57%
CVCB3CVC ONR$ 4,18-3,24%
Fonte: B3

Veja também as maiores altas do Ibovespa:

CÓDIGONOMEULTVAR
ECOR3Ecorodovias ONR$ 4,605,02%
POSI3Positivo Tecnologia ONR$ 8,284,94%
CMIN3CSN ONR$ 4,744,41%
RENT3Localiza ONR$ 57,954,25%
RRRP33R Petroleum ONR$ 46,053,95%
Fonte: B3

BTG Pactual obtém liminar para bloqueio milionário nas contas da Americanas (AMER3)

De volta à situação da Americanas, a Justiça do Rio de Janeiro atendeu a um pedido do BTG Pactual (BPAC11) hoje e determinou o bloqueio de aproximadamente R$ 1,2 bilhão em recursos da companhia.

A decisão, de caráter liminar, é a primeira vitória do BTG contra a varejista desde a revelação do rombo contábil na semana passada. Ela atende a um mandado de segurança que o banco protocolou ontem (17) no qual pede a suspensão da tutela cautelar preparatória de recuperação judicial obtida pela Americanas na sexta-feira (13).

Na decisão, à qual o Seu Dinheiro teve acesso, o desembargador Flávio Marcelo de Azevedo Horta Fernandes escreve sobre a necessidade de se investigar a medida para que ela não seja utilizada como "meio de fraude a credores".

"Há, portanto, além do cuidado inerente à espécie, necessidade de se realizar prévio diagnóstico da empresa, a fim de aferir a real situação econômico-financeira e jurídica antes de optar por alguma ferramenta de resguardo e soerguimento, sobretudo medidas que podem tornar-se irreversíveis", escreveu o desembargador.

Vale destacar que o mérito do mandado de segurança pedido pelo banco ainda não foi analisado.

Compartilhe

BOLSA NA SEMANA

Petz (PETZ3) zera as perdas do ano enquanto CVC (CVCB3) despenca quase 15% — veja o que foi destaque na bolsa na semana

20 de abril de 2024 - 12:50

Ibovespa teve uma sequência de seis quedas com a disparada do dólar em meio às incertezas sobre os juros nos EUA

APERTA O PLAY!

Barril de pólvora — e inflação. Como o conflito no Oriente Médio e os juros nos EUA mexem com a bolsa e o dólar

20 de abril de 2024 - 11:02

O podcast Touros e Ursos recebe João Piccioni, CIO da Empiricus Gestão, para comentar a escalada das tensões entre Irã e Israel e a pressão inflacionária nos EUA

VOLTOU ATRÁS

Vitória dos acionistas? Petrobras (PETR4) pode distribuir parte dos dividendos extraordinários após sinal verde de Lula

20 de abril de 2024 - 9:58

O pagamento dos proventos foi aprovado pelo conselho de administração e deve ser votado na assembleia geral na próxima semana

Market Makers

Vale (VALE3) é a mais barata do setor de mineração e sai ganhando com futuro promissor do minério de ferro

19 de abril de 2024 - 13:46

Eu, Matheus Soares, enxergo um grande potencial na commodity independentemente da crise de sua maior exportadora: a China — e a mineradora brasileira sai ganhando com isso

SAIBA MAIS

XP Malls (XPML11) vai pagar o segundo maior dividendo de sua história neste mês; veja quem tem direito a receber

19 de abril de 2024 - 11:54

De acordo com comunicado enviado ao mercado na noite de quinta-feira (18), o XPML11 distribuirá R$ 0,91 por cota neste mês

MERCADO DE CAPITAIS

Boa Safra (SOJA3) supera o “El Niño” da bolsa e capta R$ 300 milhões em oferta de ações

19 de abril de 2024 - 10:17

Apesar do momento de seca da bolsa, a Boa Safra encontrou uma boa demanda para os papéis no mercado; preço por ação saiu a R$ 16,50

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Dólar perde força e fecha abaixo de R$ 5,20; Ibovespa reduz as perdas da semana com “empurrão” de Petrobras (PETR4)

19 de abril de 2024 - 6:50

RESUMO DO DIA: Embora a tempestade que assombrou a semana não tenha se dissipado totalmente, o Ibovespa conseguiu emplacar a segunda alta consecutiva com apoio de Petrobras (PETR4) — que fez o índice reduzir as perdas dos últimos pregões. O Ibovespa fechou com alta de 0,75%, aos 125.124 pontos. Na semana, o recuo foi de […]

DE OLHO NAS REDES

Petrobras (PETR4): e se a melhor e pior notícia que a empresa poderia dar vierem juntas, o que seria das ações? 

18 de abril de 2024 - 13:30

De uns tempos para cá, a Petrobras vem testando os nervos dos investidores. Há alguns dias, rumores de que os saudosos dividendos extraordinários que foram retidos pela companhia finalmente poderiam sair, o que animou o mercado — e fez as ações saltarem.  Mas logo veio um potencial balde de água fria: Aloizio Mercadante poderia assumir […]

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Nova York e Petrobras (PETR4) contaminam Ibovespa, que fecha próximo da estabilidade; dólar tem leve alta a R$ 5,25

18 de abril de 2024 - 6:35

RESUMO DO DIA: Para acertar o alvo, às vezes é preciso mais de uma flecha, ainda que a mira esteja no ponto certo. Mesmo com as incertezas sobre os juros e a questão fiscal no ar, o Ibovespa conseguiu terminar o dia em tom positivo. O principal índice da bolsa brasileira ficou próximo da estabilidade […]

AÇÕES NO SHAPE

Smart Fit (SMFT3) vai virar “monstro”? Banco recomenda compra das ações e vê espaço para rede de academias dobrar de tamanho

17 de abril de 2024 - 15:25

Os analistas do JP Morgan calcularam um preço-alvo de R$ 31 para os papéis da Smart Fit (SMFT3), o que representa um potencial de alta da ordem de 30%

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar