🔴 TCHAUZINHO, NUBANK: Itaú BBA revela o nome da ação que pode colocar o roxinho para comer poeira; CLIQUE AQUI  e descubra a resposta no nosso Telegram

2022-09-22T19:40:29-03:00
Carolina Gama
RUN FORREST RUN

Fugindo de Putin: cidadãos pagam 10 mil euros para escapar do líder russo — entenda o que está acontecendo

Após perder territórios na Ucrânia, Putin convocou ontem cerca de 300 mil reservistas para participar da guerra na Ucrânia. A ideia inicial é mobilizar apenas aqueles com experiência relevante em combate.

22 de setembro de 2022
14:08 - atualizado às 19:40
Vladimir Putin, presidente da Rússia
Vladimir Putin, presidente da Rússia - Imagem: Sergei KarpukhinTASS/Getty Images

O anúncio de uma mobilização militar parcial feita na quarta-feira (21) pelo presidente da Rússia, Vladimir Putin, provocou uma verdadeira corrida dos russos para deixar o país, temendo as consequências da escalada da guerra na Ucrânia

Os voos lotaram rapidamente e os preços das passagens dispararam, aparentemente motivados por temores de que as fronteiras sejam fechadas em breve ou que Putin amplie a convocação, enviando muitos russos em idade de combate às linhas de frente do conflito. Veja um vídeo que mostra como está a situação nas estradas e aeroportos do país em nossa página do Instagram (e aproveite para nos seguir por lá para ficar por dentro dos nossos melhores conteúdos apurados por nossos repórteres especiais, basta clicar aqui).

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Seu Dinheiro (@seudinheiro)

Após perder territórios na Ucrânia, Putin chamou ontem cerca de 300 mil reservistas para participar da guerra. A ideia inicial é mobilizar apenas aqueles com experiência militar relevante — estudantes e recrutas não foram convocados neste primeiro momento, de acordo com o ministro da Defesa do país, Sergei Shoigu. 

O preço de escapar de Putin

A Rússia viu um êxodo acentuado de cidadãos desde que Putin ordenou que suas tropas invadissem a Ucrânia, há quase sete meses. 

Não há dados concretos sobre o número de russos que deixaram o país por conta da guerra na Ucrânia, mas especialistas e cientistas políticos já falavam em 200 mil em março, apenas um mês após o começo da invasão.

Acredita-se que esse número tenha disparado agora porque ela da mobilização parcial dos reservistas e do temor do fechamento das fronteiras, Putin também emitiu ontem uma ameaça nuclear velada aos inimigos da Rússia no Ocidente.

Relatos de pânico se espalhando entre os russos logo inundaram as redes sociais. Grupos antiguerra disseram que as passagens aéreas limitadas da Rússia atingiram preços absurdos devido à alta demanda.

Os bilhetes para os voos Moscou-Belgrado operados pela Air Serbia — a única transportadora europeia além da Turkish Airlines a manter voos para a Rússia, apesar do embargo de voos da União Europeia — esgotaram rapidamente. 

O preço dos voos de Moscou para Istambul ou Dubai subiu em poucos minutos antes, chegando a quase 10 mil euros  (R$ 47 mil) para uma tarifa só de ida em classe econômica. 

Algumas rotas com escalas, incluindo as de Moscou a Tbilisi, capital da Geórgia, também estavam esgotadas. 

"Essa é uma demanda de pânico das pessoas, que têm medo de não conseguir deixar o país depois", disse uma fonte do setor de turismo russo à Reuters. 

Apesar dessa corrida por passagens, a Aeroflot — companhia aérea de bandeira do país — disse que não está limitando a venda de passagens.

Há relatos também de que o site da empresa ferroviária estatal russa chegou a entrar em colapso ontem porque muitas pessoas estavam procurando alternativas para sair da Rússia. 

Enquanto isso…

Enquanto os russos correm para tentar escapar da convocação de Putin, mais de 1.300 pessoas foram presas no país após o anúncio da mobilização militar parcial, de acordo com o grupo de monitoramento OVD-Info — uma organização não-governamental que visa reportar situações de perseguição política na Rússia. 

De acordo com a lei russa, a polícia tem o poder de deter pessoas que acredita estarem fugindo da mobilização. 

A lei prevê longas penas de prisão e multas pesadas para aqueles que recusam a convocação sem motivos legais que o impeçam.

Um manifestante em Moscou, por exemplo, vai enfrentar uma sentença de dez anos de prisão por se recusar a receber uma ordem de alistamento.

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, não negou os relatos, dizendo apenas: "Isso não é contra a lei".

*Com informações da AP, da Reuters e da CNBC

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Impactos dos juros

Aperto monetário global é novo entrave para crescimento da economia brasileira

24 de setembro de 2022 - 16:53

Com vários países endurecendo a política monetária, o mundo tende a crescer menos, com impactos sobre o comércio global

Eleições 2022

Líder das pesquisas, Lula decide faltar a debate do SBT e ouve críticas de adversários

24 de setembro de 2022 - 14:08

Candidato Ciro Gomes (PDT) disse que Lula “tem muito a esconder”, enquanto o presidente Jair Bolsonaro (PL) chamou a decisão de “estratégia”

Eleições 2022

Pesquisa Ipespe/Abrapel mostra Lula oscilando para cima e Bolsonaro estável

24 de setembro de 2022 - 11:41

Pesquisa mostrou que votos brancos e nulos também subiram, assim como o número de eleitores que não souberam ou preferiram não responder

Tax the rich!

Imposto sobre heranças vai aumentar? Saiba quais candidatos à presidência são a favor de tributá-las ou de taxar grandes fortunas

24 de setembro de 2022 - 10:00

A discussão sobre o aumento de impostos sobre os ricos ou os “super-ricos” é tendência mundial, e no Brasil não é diferente. Mas nem todos os candidatos à presidência têm propostas nesse sentido

Banho mais caro

Tarifa de energia elétrica deve subir mais do que toda a inflação projetada pelo Banco Central em 2023, dizem especialistas

24 de setembro de 2022 - 9:47

Reajuste das tarifas chegaria a 5% em 2023, enquanto a projeção do Banco Central para a inflação é de 4,6%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies