🔴 3 ações para LUCRAR com a SELIC em alta: clique aqui e descubra quais são

2022-03-07T06:29:52-03:00
Ricardo Gozzi
FACA DE DOIS GUMES

O que é Swift, o sistema por meio do qual Ocidente tenta isolar a Rússia, e por que bani-la pode ser um tiro no pé

Bancos russos poderiam simplesmente driblar a proibição encaminhando pagamentos por meio de países que não impuseram sanções a Moscou

26 de fevereiro de 2022
16:24 - atualizado às 6:29
Bolsas da Rússia avançam hoje, mas desempenho em semana de guerra é negativo
Imagem: Shutterstock

Canadá, Estados Unidos, Reino Unido e União Europeia (UE) pressionam para excluir a Rússia da sociedade global de pagamentos interbancários, a Swift, em uma nova rodada de sanções em reação à invasão russa da Ucrânia.

A medida pode ser adotada já nos próximos dias, mas há temores de que a ação resulte em um tiro no próprio pé por parte das nações ocidentais.

O que é Swift?

Swift é um sistema de comunicação que permite a transferência rápida de dinheiro através das fronteiras nacionais. É a sigla em inglês para Sociedade para Telecomunicações Financeiras Interbancárias Mundiais.

Criada em 1973 e sediada na Bélgica, a Swift conecta 11.000 bancos e instituições financeiras em mais de 200 países.

Trata-se de um sistema de mensagens instantâneas que informa aos usuários quando os pagamentos foram enviados e recebidos.

São 40 milhões de mensagens por dia, permitindo que trilhões de dólares mudam de mãos entre empresas e governos.

Estima-se que mais de 1% dessas mensagens envolvam pagamentos russos.

Quem controla a Swift?

A Swift foi criada em conjunto por bancos americanos e europeus. Ele queriam impedir que uma única instituição desenvolvesse seu próprio sistema e detivesse o monopólio.

A rede atual é de propriedade conjunta de mais de 2.000 bancos e instituições financeiras.

O sistema é supervisionado pelo Banco Nacional da Bélgica, em parceria com os principais bancos centrais do mundo - incluindo o Federal Reserve dos EUA e o Banco da Inglaterra.

O objetivo da sociedade é viabilizar um ambiente seguro de comércio internacional para seus membros e ela se exime de tomar partido em disputas internacionais.

Em casos de exclusão de um país, a decisão cabe aos governos nacionais.

Como a Rússia seria afetada?

As empresas russas perderiam o acesso às transações normais e instantâneas fornecidas pela Swift. O recebimento pelo fornecimento de energia e produtos agrícolas a outros países seria duramente reduzido.

Os bancos provavelmente teriam que conversar diretamente entre si, por fora do sistema de comunicação instantânea, adicionando atrasos e custos extras. Em última análise, o governo russo teria problemas de arrecadação.

Em 2014, quando a Rússia anexou a Crimeia, os países ocidentais ameaçaram bani-la. Moscou disse que a medida seria equivalente a uma declaração de guerra.

O Ocidente não levou a ameaça adiante, mas a situação levou a Rússia a desenvolver um sistema próprio sistema de transferências internacionais, o Mir, mas poucos países estrangeiros aderiram a ele até o momento.

Por que banir a Rússia pode ser um tiro no pé

Especialistas advertem para o risco de um cenário de caos global no sistema financeiro.

Empresas que exportam para a Rússia teriam dificuldade para receber o que lhes é devido.

Um dos motivos de a Alemanha ser contra a medida é o fato de as empresas com sede no país responderem por quase a metade das exportações feitas anualmente pela Rússia.

Ao mesmo tempo, a Rússia é o principal fornecedor de petróleo e gás natural para a União Europeia. A busca por fornecedores alternativos não seria fácil. Com os preços da energia em alta, mais interrupções são algo que muitos governos querem evitar.

Em resumo, pune-se não apenas a Rússia, mas também empresas de países aliados do Ocidente que fazem negócios com Moscou.

Além disso, há dúvidas sobre um impacto duradouro da medida sobre a economia da Rússia. Os bancos russos poderiam simplesmente driblar a proibição encaminhando pagamentos por meio de países que não impuseram sanções, como a China, que também possui seu próprio sistema de pagamentos.

*Com informações da BBC.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

NOVO GATILHO

Fundo Three Arrows Capital pode ser obrigado a encerrar operações e pode desencadear nova crise no mercado de criptomoedas; entenda

Estima-se que o fundo tenha cerca de US$ 10 bilhões em criptomoedas e o despejo desse montante em cripto no mercado pode resultar na queda das cotações

TRUMP ESTAVA CERTO?

O TikTok vazou seus dados? Rede social chinesa pode ser banida das lojas de aplicativos do Google e da Apple; entenda a situação

Um integrante da Comissão Federal de Comunicações dos EUA pediu aos CEOs das gigantes de tecnologia que removam o TikTok das lojas ou que deem uma justificativa até 8 de julho para não banir a chinesa

WE'RE LAYING OFF

Sem piloto automático: Tesla (TSLA34) demite 200 funcionários e fecha escritório na Califórnia

O corte faz parte do plano de reduzir 10% do quadro de funcionários da companhia, anunciado por Elon Musk no início do mês; ações da Tesla operam em queda

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa firma queda com exterior pesado; dólar cai 1% após custo de PEC dos combustíveis vir abaixo do esperado

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais amanheceram com a aversão ao risco dominando o sentimento geral do mercado. Permanece no radar do dia o Fórum do BCE tem painel com presidente do banco, Christine Lagarde, presidentes do Fed, Jerome Powell, e do BoE, Andrew Bailey, e gerente geral do BIS, Agustín Carstens. Por aqui, o Ibovespa […]

CAÇADOR DE TENDÊNCIAS

Oportunidade de lucro acima de 4% em swing trade com a Taurus Armas (TASA4); confira a recomendação

Identifiquei uma oportunidade de swing trade – venda dos papéis da Taurus Armas (TASA4). Veja os detalhes da análise

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies