🔴 ESTA CRIPTOMOEDA DISPAROU 4.200% EM 2 DIAS – VEJA SE VALE INVESTIR

Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @Renan_SanSousa
SEU DIA EM CRIPTO

China impulsiona cotações e bitcoin (BTC) toca os US$ 41 mil hoje; demais criptomoedas disparam antes da decisão de juros do Federal Reserve

O alívio no setor de tecnologia chinês deu um novo estímulo ao mercado, que ignora o Banco Central americano nesta Super-Quarta

Renan Sousa
Renan Sousa
16 de março de 2022
10:03 - atualizado às 10:34
bitcoin sente cautela com evergrande, mas China pode ajudar criptomoedas
Confira o que movimenta o mercado de criptomoedas e o bitcoin (BTC) hoje. - Imagem: Shutterstock

A China e as criptomoedas vivem um jogo de morde e assopra. Desde o banimento da mineração até a criação do yuan digital, ninguém esperava que o gigante asiático viesse a ser um motivo para a disparada do bitcoin (BTC), como acontece nesta quarta-feira (16).

Durante a madrugada no Brasil, a China anunciou que irá adotar uma série de medidas favoráveis aos mercados de capitais e contornar os riscos do setor imobiliário do país.

O vice-primeiro-ministro chinês, Liu He, ainda disse que reguladores de China e EUA avançaram nas conversas sobre empresas chinesas listadas nas bolsas americanas — alguns dias após rumores de que haveria sanções às companhias com ações em Nova York.

O anúncio, ainda que não muito detalhado sobre o “pacote de medidas favoráveis ao mercado”, foi suficiente para os investidores acordarem de bom humor. Somado a isso, o avanço nas negociações entre Rússia e Ucrânia começa a desenhar uma saída positiva do conflito.

Durante a madrugada, o BTC chegou a tocar os US$ 41 mil, mas reduziu a alta pela manhã. Confira como andam as criptomoedas nesse cenário: 

#NomePreço24h %7d %
1Bitcoin (BTC)US$ 40.533,124,85%-3,72%
2Ethereum (ETH)US$ 2.692,836,27%-1,89%
3Tether (USDT)US$1,000,00%0,01%
4BNB (BNB)US$ 376,903,15%-4,33%
5USD Coin (USDC)US$ 1,000,00%0,02%
6XRP (XRP)US$ 0,76892,21%2,16%
7Terra (LUNA)US$ 89,681,89%-8,11%
8Cardano (ADA)US$ 0,81212,76%-4,29%
9Solana (SOL)US$ 83,665,11%-5,44%
10Avalanche (AVAX)US$ 70,334,49%-10,33%
Fonte: CoinMarketCap

Dessa forma, o mercado dos fundos de índice negociados em bolsa (os ETFs, em inglês) relacionados com os ativos digitais devem reagir assim que o mercado por aqui abrir.

Confira como foi o fechamento deles ontem (15):

TickerGestoraPreçoVariação (24h%)
HASH11HashdexR$ 36,262,43%
ETHE11HashdexR$ 40,012,64%
BITH11HashdexR$ 48,882,91%
DEFI11HashdexR$ 38,005,56%
QBTC11QR CapitalR$ 13,005,78%
QETH11QR CapitalR$ 9,945,30%
QDFI11QR CapitalR$ 6,614,09%
Fonte: TradingView e Google Finance

Bitcoin: a calmaria antes da batalha

O mercado de criptomoedas esperava dois grandes eventos para chacoalhar os preços este ano.

O primeiro deles foi a publicação da Lei Biden, diretrizes para regular o mercado de criptomoedas nos Estados Unidos. Já a segunda é a reunião do Federal Reserve, o Banco Central americano, para decidir sobre a alta dos juros por lá.

A ordem executiva do chefe da Casa Branca Joe Biden não atingiu muito os mercados. A publicação foi considerada “neutra para positiva”, de acordo com especialistas ouvidos pelo Seu Dinheiro.

Os juros contra as criptomoedas

A alta nos juros por lá deve fazer com que ativos de menor risco, como os títulos do Tesouro americano (Treasuries) fiquem mais atrativos para o investidor. Em outras palavras, bolsas e criptomoedas devem cair com a migração de recursos.

Além disso, o movimento pode se intensificar se o Fed decidir usar todas as próximas reuniões para elevar os juros — o que já é visto como provável pelos analistas ouvidos pelo The Wall Street Journal e do Broadcast.

Um porém: a bala de prata do BTC

No entanto, o bitcoin e as demais criptomoedas também podem se beneficiar se o cenário mudar.

Se o Banco Central americano elevar os juros menos do que o esperado pelo mercado, os ativos de risco podem ganhar um novo fôlego nos próximos meses. Isso, no entanto, depende do comunicado do Fed após a decisão de juros hoje e as perspectivas para os próximos encontros.

Por fim, a inflação em alta corrói o poder de compra dos norte-americanos. Com a maior alta nos preços desde 1982 (portanto, 40 anos), não é improvável que ocorra uma migração para o uso de criptomoedas como proteção.

O próprio bilionário Elon Musk, dono da empresa de carros elétricos Tesla, afirmou que não deve vender seus bitcoins e demais criptomoedas como uma proteção contra a inflação.O BTC já é utilizado como hedge por milionários devido ao seu caráter deflacionário.

Papo Cripto #014

A partir desta edição o Papo Cripto também pode ser ouvido no Spotfy do Seu Dinheiro. Aperte o play logo abaixo e ouça a íntegra do programa com Fabrício Tota, diretor do Mercado Bitcoin e da 2TM:

Mas, para você que prefere ver no YouTube, nós estamos por lá também:

Compartilhe

SINAL VERDE

É oficial: ETF de ethereum (ETH) spot é aprovado pela SEC após grande expectativa do mercado; efeito será o mesmo que no bitcoin (BTC)?

23 de maio de 2024 - 18:34

De acordo com o analista Geoff Kendrick, o ethereum deve chegar ao fim de 2024 no patamar de US$ 8 mil, alta de praticamente 100%

MOEDA DO BC

Mesmo com falhas de privacidade, piloto do real digital (Drex) entrará em segunda fase de testes — mas lançamento é adiado de novo 

22 de maio de 2024 - 13:10

O BC informou mais cedo que o lançamento do Drex ficou para o final de 2025; antes, o cronograma apontava para algo entre o fim de 2024 e começo de 2025

PEPPERONI E MARGUERITA

Duas pizzas por R$ 3,5 bilhões? Entenda por que os entusiastas das criptomoedas celebram o Bitcoin Two Pizza Day

22 de maio de 2024 - 9:06

Em 2010, Laszlo Hanyecz desembolsou 10 mil bitcoins para pagar por duas pizzas. Na época, esse montante equivalia a apenas US$ 70

EM FORTE ALTA

Entenda a notícia que impulsiona o ethereum (ETH) quase 20% e faz o bitcoin (BTC) ultrapassar os US$ 71 mil hoje

21 de maio de 2024 - 8:28

A notícia de que aumentaram as chances de um ETF de ethereum spot ser aprovado pela SEC animou as criptomoedas

NAS MÃOS DO BC

Faltam apenas três passos para que o Banco Central regule o mercado de criptomoedas no Brasil; confira o cronograma

20 de maio de 2024 - 17:31

A instituição ressalta que deve dar atenção especial às regras de prevenção à lavagem de dinheiro e financiamento de terrorismo

SUBSTITUIÇÃO

CEO do maior fundo de bitcoin (BTC) do mundo renuncia em meio à debandada de investidores do GBTC

20 de maio de 2024 - 14:24

Quem assumirá seu lugar interinamente será Peter Mintzberg da empresa a partir de agosto, além de se juntar ao conselho de administração da Grayscale

VAI APAGAR A LUZ

Venezuela vai desligar máquinas de mineração de bitcoin (BTC) no país; você deveria se preocupar?

20 de maio de 2024 - 9:32

Vale lembrar que a Venezuela é um país que sofre várias sanções internacionais, o que limita a capacidade de geração e distribuição de energia para a população

APÓS A TEMPESTADE

Colhendo os cacos do Inverno das Criptomoedas: plataforma de staking da Gemini deve começar a devolver ativos dos clientes neste mês

19 de maio de 2024 - 12:44

O anúncio foi feito após a Justiça aprovar o plano de recuperação judicial do Digital Currency Group (DCG)

ESPERE E VERÁ

Bitcoin (BTC) em alta — e vai continuar: companhia de pesquisa em criptomoedas identifica possível “efeito FTX” no preço dos ativos digitais

16 de maio de 2024 - 11:46

Recentemente, a FTX anunciou que pagaria — com juros — os montantes devidos aos clientes, algo entre US$ 14,5 bilhões e US$ 16,3 bilhões

QUEDA DOS IMPÉRIOS

Os Faraós do Inverno Cripto: Como a prisão de três magnatas do mundo das criptomoedas influencia na regulação global do mercado?

16 de maio de 2024 - 6:15

Se, por um lado, muitas pessoas foram prejudicadas por esses eventos, por outro, ficou clara a necessidade de uma regulação mais dura em relação a esse mercado

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar