Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-06-10T12:54:21-03:00
Renato Carvalho
Saga de aquisições

JSL tem acordo para compra da Transportes Marvel, e ação tem alta próxima a 10%

Segundo a empresa de logística, todas estas operações fechadas desde agosto de 2020 resultam na adição de R$ 1,7 bilhão na sua receita bruta em termos anualizados

10 de junho de 2021
7:43 - atualizado às 12:54
Caminhão da JSL
Imagem: Divulgação

É certo que entrar em novos mercados e aumentar o faturamento sejam objetivos comuns de qualquer empresa. E a JSL (JSLG3) parece ter nas aquisições uma receita para atingir estes objetivos.

A empresa de logística anunciou na madrugada desta quinta-feira a aquisição da Transportes Marvel, que tem uma das maiores frotas próprias para transporte de alimentos refrigerados da América do Sul.

A JSL vai pagar um total de R$ 245 milhões para ficar com 100% do capital da Marvel, sendo R$ 100 milhões no fechamento da transação, e o restante em 12 parcelas mensais.

Perto das 13 horas, a ação da companhia subia 9%, depois de chegar a registrar uma valorização de 12% na máxima do dia.

Conforme relata a própria companhia, esta é a quinta aquisição desde agosto de 2020. As novas operações adicionam R$ 1,7 bilhão em receita bruta em termos anuais, passando de R$ 3,4 bilhões para R$ 5,1 bilhões, um aumento de 50%.

Em comunicado sobre a compra, a JSL explica que um dos fatores que pesaram na decisão sobre a aquisição é complementar os serviços prestados para clientes como Nestlé, Mondelez e BRF, e a adição de novos como JBS, Minerva, Marfrig e Piracanjuba.

O tamanho e o perfil da empresa comprada também atraíram a JSL. A Marvel tem cerca de 1.100 ativos operacionais, com caminhões em idade média de 3,6 anos, e 820 colaboradores.

Além do Brasil, a empresa atua na Argentina, Chile, Paraguai, Peru e Uruguai, e o frete internacional responde por 58% do faturamento.

Por falar nos números da Marvel, entre maio de 2020 e abril de 2021, a receita líquida foi de R$ 251 milhões, o Ebitda somou R$ 62 milhões e o lucro líquido ficou em R$ 19 milhões. A empresa fechou abril com dívida líquida de R$ 114 milhões.

A JSL ressalta que o crescimento anual médio da Marvel entre 2018 e 2020 foi de 17%, e que é possível “acelerar ainda mais sua evolução ao adicionar a expertise, capacidade financeira e escala da JSL, gerando diluição de custos operacionais e financeiros,e consequentemente maiores margens para a empresa”.

Patricia Costella, que atualmente está no comando da Marvel, vai continuar à frente da empresa após a aquisição. Leovir  Costella  e  Lodovino  Costella, os fundadores, serão conselheiros consultivos.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Bolsas operam sem direção, bitcoin (BTC) cai abaixo dos US$ 40 mil e PEC dos combustíveis liga alerta dos investidores antes da abertura da B3

As atenções se voltam para a próxima quarta-feira (26), quando ocorrerá a próxima reunião do Federal Reserve sobre a alta nos juros este ano

SEXTOU COM O RUY

O novo nem sempre é melhor: como ganhar dinheiro com os ensinamentos clássicos na bolsa

Se você aproveitou a queda das ações nos últimos meses para comprar um pouco mais delas, deve estar colhendo frutos interessantes com a alta dos últimos dias

DILEMA NOS FIIS

Investidores decidem nesta sexta se vendem suas cotas no fundo imobiliário PATC11 em leilão; veja o que está em jogo e o que recomendam os especialistas

Afinal, é hora de aproveitar a oferta da Capitânia e colocar o dinheiro no bolso ou apostar na recuperação do FII do Pátria Investimentos?

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa rumo aos 110 mil pontos e a ressurreição da bolsa brasileira: veja tudo que mexeu com o mercado hoje

Poderia ter sido melhor, mas não dá para dizer que foi ruim. A bolsa brasileira teve hoje mais um dia estelar, permanecendo em alta de mais de 1% durante todo o pregão e chegando a testar os 110 mil pontos. Mas, no fim do dia, as bolsas americanas, que passaram quase toda sessão em alta, […]

Fechamento Hoje

Em mais um dia na contramão do mundo, Ibovespa sobe mais de 1% e dólar cai a R$ 5,41, com ajuda da China e do fluxo gringo

Corte de juros no gigante asiático beneficia países exportadores de commodities; queda nos juros futuros e entrada de recursos estrangeiros impulsionam bolsa para cima e dólar para baixo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies