🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView
Rafael Lara
Rafael Lara
Estudante de jornalismo na Faculdade Cásper Líbero de São Paulo. Trabalhou em empresas como: TV Gazeta, Suno Research e Portal iG.
Cardápio de balanços

Carrefour, IRB e JHSF divulgam resultados; saiba o que esperar

Os resultados do quarto trimestre são a última peça para a avaliação de um ano marcado pela crise do coronavírus, que ainda dará o tom nos balanços seguintes.

Rafael Lara
Rafael Lara
15 de fevereiro de 2021
6:00 - atualizado às 11:54
Balanços Modelo 1202
Imagem: Montagem / Andrei Morais

A temporada de balanços das empresas com capital aberto continua nesta semana, com destaque para os números do Carrefour (CRFB3), IRB Brasil (IRBR3), JHSF (JHSF3) e EDP Brasil (ENBR3). 

Leia também:

Lembrando que os números a serem divulgados se referem ao quarto trimestre de 2020, período marcado por expectativas de inflação mais alta, ambiente político conturbado das eleições presidenciais americanas, além da retomada de alguns setores econômicos no Brasil.

No fim do ano passado, ainda permaneciam as incertezas quanto ao novo coronavírus, mas a aprovação das primeiras vacinas já deixava o mercado otimista, o que levou os investidores a venderem ações de empresas beneficiadas pela quarentena para voltar a comprar papéis de companhias da chamada "velha economia", que poderiam vir a se recuperar com a volta da vida normal.

De todo modo, os resultados do quarto trimestre são a última peça para a avaliação de um ano marcado pela crise do coronavírus, que ainda dará o tom nos balanços seguintes.

Veja o que esperar de cada destaque da semana:

Carrefour (CRFB3)

O trimestre do Carrefour foi um daqueles de fazer os investidores terem fortes testes cardíacos. A companhia apresentou resultado positivo no terceiro trimestre, com destaque para o forte e-commerce, com uma alta de mais de 70%. Tudo ia bem, até o caso do espancamento aparentemente motivado por racismo de João Alberto de Freitas, em Porto Alegre. O caso tomou conta dos holofotes, com protestos e impacto negativo nas ações do Carrefour.

O assassinato abriu uma discussão sobre a questão do ESG (sigla em inglês para as melhores práticas ambientais, sociais e de governança) e o Carrefour correu para tentar recuperar sua imagem. Anunciou que tomaria medidas para punir os responsáveis e deixaria de usar seguranças terceirizados.

A postura da empresa acalmou um pouco as oscilações de seus papéis e, para ajudar na retomada, o grupo canadense Alimentation Couche-Tard fez uma proposta para comprar a rede de supermercados francesa, o que fez os papéis terem uma alta de 8% (que logo foi abatida após o negócio ter melado). 

Depois desta montanha-russa de emoções, a expectativa do mercado é que os resultados permaneçam sólidos. Em relatório, os analistas da XP Investimentos afirmam que veem “o Banco Carrefour como um destaque positivo no trimestre, pois esperamos que ele registre uma forte recuperação em relação ao 3T20, com uma contribuição positiva de cerca de R$ 120 milhões para o EBITDA consolidado. Por fim, esperamos um lucro líquido consolidado de R$ 708 milhões (alta de 11% na comparação anual)".

Lucro líquido previsto pelo BTG Pactual: R$ 779 milhões. 

IRB Brasil (IRBR3)

Se o Carrefour teve uma montanha-russa de emoções na vida real, o IRB viveu as variações absurdas da Bolsa de Valores. Cotada para ser o equivalente ao caso GameStop aqui no Brasil, a empresa vem de um ano péssimo, em que registrou quedas consecutivas e agora tem a esperança de tentar engrenar novamente. 

A ação tem apresentado altas nos últimos dias, justamente por conta deste movimento especulativo, e precisa tomar cuidado com os impactos que pode trazer a investigação do MPF sobre a sua disparada na Bolsa. 

Lucro líquido segundo as projeções Bloomberg: R$ 29 milhões.

JHSF (JHSF3) 

Finalmente uma empresa que tem uma perspectiva bastante positiva. Vinda de um balanço muito bom do terceiro trimestre, a JHSF deve apresentar resultados robustos, impulsionados principalmente pelo desempenho do segmento residencial, cujas vendas, no valor de R$ 378,6 milhões, vieram fortes no quarto trimestre.

De acordo com os analistas da XP, o setor de shopping centers também deve ser uma grata surpresa para os investidores da empresa. “Esperamos bons resultados operacionais como vendas nas mesmas lojas e redução nas concessões de descontos durante o trimestre, principalmente no Shopping Cidade Jardim e no Catarina Fashion Outlet”, explicam os analistas. 

Lucro líquido previsto pelo BTG: R$ 156 milhões.  

Balanços da semana

Quarta-feira (17/02)

Após o fechamento:

  • Carrefour (CRFB3)

Quinta-feira (18/02)

Após o fechamento: 

  • JHSF Participações SA (JHSF3) 
  • IRB Brasil Resseguros S/A (IRBR3)

Sexta-feira (19/02)

Após o fechamento:

  • EDP - Energias do Brasil (ENBR3)

Compartilhe

ATACAREJO BRASILEIRO

Carrefour (CRFB3) inicia conversão das lojas Maxxi em Atacadão após aquisição do grupo BIG

5 de setembro de 2022 - 14:19

Anúncio marca o início do plano de transformação da empresa, que inclui a conversão de outras 120 unidades do Grupo Big em outras bandeiras nos próximos dois anos

VAGAS AFIRMATIVAS

Carrefour anuncia bolsas de estudo exclusivas para pessoas negras; saiba como participar

4 de agosto de 2022 - 12:48

O programa de capacitação é voltado para brasileiros entre 18 e 30 anos de idade, com ensino fundamental completo; as inscrições vão até 28 de agosto

Emissão de dívida

Atacadão, do Grupo Carrefour (CRFB3), anuncia emissão de R$ 1,5 bilhão em debêntures e CRAs para comprar direto do produtor

30 de julho de 2022 - 18:11

Emissão privada de debêntures será seguida de uma oferta pública de CRAs, uma das maiores do ano

RESILIÊNCIA NA CRISE

Carrefour (CRFB3) entra no carrinho do mercado e sobe mais de 7% após balanço forte no 2º trimestre

27 de julho de 2022 - 12:42

Analistas afirmam que os resultados do Carrefour (CRFB3) superaram as expectativas, com destaque para o desempenho das operações do Atacadão

NOVO MODELO DE NEGÓCIOS

Varejo adota ‘loja-contêiner’ para fugir dos custos de shoppings e aluguéis; conheça o que são os estabelecimentos modulares

26 de junho de 2022 - 16:31

A estreante no formato é a Chilli Beans, de óculos de sol. “Acho que não teria uma Eco Chilli se não houvesse pandemia”, afirma o CEO, Caito Maia

FUSÃO NO ATACAREJO

De olho na fusão: Cade aprova aquisição do grupo BIG pelo Carrefour (CRFB3), com restrições

25 de maio de 2022 - 16:31

Em janeiro, a Superintendência do Cade deu sinal verde para a aquisição do Grupo Big pelo Carrefour; a movimentação envolve R$ 7,5 bilhões

VAI UM CÓDIGO AÍ?

Tecnologia: Carrefour oferece 7.500 bolsas de estudo para desenvolvedores web; Itaú abre programa de estágio

31 de março de 2022 - 17:33

O setor de tecnologia busca por novos talentos. As inscrições para os programas do Carrefour e Itaú vão até o dia 22 de abril

OPERAÇÃO COMPLEXA

Superintendência do Cade dá sinal verde para compra do Big pelo Carrefour, mas prescreve remédios para evitar concentração; entenda

25 de janeiro de 2022 - 11:44

O órgão prevê medidas estruturais e comportamentais para mitigar os problemas concorrenciais identificados durante a análise da operação

INTERESSE FRANCÊS

Carrefour (CRFB3) pode receber nova proposta de compra por rival francesa Auchan, e ações sobem na B3

6 de janeiro de 2022 - 13:19

Trata-se da segunda tentativa da Auchan de comprar a rede de supermercados. Em 2021, a rival fez uma proposta em torno de 16,6 bilhões de euros

SINAL AMARELO

Compra do BIG pelo Carrefour é ‘complexa’, diz Cade; órgão decide aprofundar análise e adia decisão sobre o negócio

16 de novembro de 2021 - 13:10

A transação, anunciada em março, envolve a aquisição de 386 unidades de varejo de autosserviço, 15 postos de combustíveis e 11 centros de distribuição

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies