Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-09-28T18:54:19-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
EM APUROS

Por que as ações do Inter (BIDI11) despencaram mais de 10% na B3? Rumores e queda global de ações tech pesam nos papéis

Nos Estados Unidos, o índice que reúne as principais empresas de tecnologia fechou em forte queda, reflexo da aversão a risco global, e o Inter acompanhou

28 de setembro de 2021
16:52 - atualizado às 18:54
Foto de uma mão segurando um cartão do Banco Inter (BIDI11 e BIDI4)
Cartão do Banco Inter - Imagem: Julia Wiltgen/Seu Dinheiro

Dono de balanços robustos, um crescimento acelerado e uma alta de mais de 50% nas ações só em 2021, o banco Inter (BIDI11 e BIDI4) é um dos queridinhos do mercado — mas não nesta terça-feira (28). 

Em um dia de forte aversão ao risco na B3, pautado pelas preocupações dos investidores com a saúde fiscal do país e o ritmo de elevação da taxa básica de juros, as units (BIDI11) e ações preferenciais do Inter (BIDI4) lideraram as quedas do Ibovespa, com recuos superiores a 10%. 

Uma série de fatores levam ao desempenho negativo dos papéis. Uma realização de ganhos recentes é uma das razões, mas a principal delas é que o cenário está cada vez mais difícil para empresas de tecnologia, que ainda estão em crescimento e, por isso, dependem de financiamentos para aumentar o seu caixa. 

Hoje, a ata da última reunião do Copom, que elevou a Selic para 6,25%, indicou que a velocidade de aumento da taxa pode ser maior do que o inicialmente esperado. E não é só no Brasil que isso ocorre. Os investidores americanos aguardam o início do aperto monetário já nos próximos meses, o que aumenta as chances de os juros voltarem a subir já no ano que vem na terra do Tio Sam. 

Logo abaixo, explico a tendência com as perspectivas de juros cada vez mais elevados. Mas antes, um convite: diante das constantes quedas da Bolsa, apresentamos no nosso Instagram uma análise histórica sobre a importância de olhar para o longo prazo em meio aos ruídos dos mercados.

Confira abaixo e aproveite para nos seguir no Instagram (basta clicar aqui). Lá entregamos aos leitores análises de investimentos, notícias relevantes para o seu patrimônio, oportunidades de compra na bolsa, insights sobre carreira, empreendedorismo e muito mais.

Juros elevados

Agora, voltando ao assunto, com as perspectivas de juros cada vez mais elevados, a tendência é que a dívida dessas empresas de tecnologia cresça. Por serem ativos mais arriscados, as ‘techs’ são as primeiras a sofrerem em um cenário de aversão a risco. Em Nova York, a Nasdaq, bolsa que reúne as principais empresas de tecnologia do mundo, fechou em queda de 2,83% nesta terça.

Existem alguns comentários entre os investidores que também pesam sobre as ações hoje. Um gestor ouvido pelo Seu Dinheiro lembra que o Inter naturalmente sofre mais do que seus pares do setor financeiro por ter uma carteira de crédito menos robusta.

Há alguns dias, circulam notícias de que Stone e Inter estariam negociando uma possível ampliação da parceria anunciada em maio — o que, eventualmente, poderia resultar numa fusão. Hoje, circulam comentários nas mesas de operação quanto a um possível entrave nas conversas, embora Inter e Stone não tenham emitido qualquer comunicação oficial.

Outro rumor que corre pelos corredores do mercado é de que a companhia estaria aumentando o provisionamento contra inadimplência em seu balanço do terceiro trimestre. Dada a forte oscilação dos papéis nesta terça-feira (28), o Inter foi questionado e negou, em comunicado, que existam fundamentos para a especulação. 

O comunicado oficial, no entanto, não reduziu o ímpeto de queda dos papéis, que fecharam com as duas maiores quedas do Ibovespa hoje. As units (BIDI11) derraparam 12,86%, a R$ 51,16, enquanto as ações preferenciais (BIDI4) fecharam com tombo de 12,26%, a R$ 17,18.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Ora, pois

Bradesco deve abrir base em Portugal para ‘seguir’ milionários brasileiros

Movimento de migração de famílias clientes do segmento private do banco após a pandemia levou à retomada dos estudos para entrar no mercado lusitano

De volta aos dois dígitos

Mercado já vê juros de até 11% em 2022

Drible no teto de gastos gerou movimento generalizado nas instituições financeiras para revisar para cima suas projeções para a taxa de juros

Óleo e gás

3R Petroleum (RRRP3) certifica reservas provadas de 185,1 milhões de barris

Companhia divulgou resultado da certificação de reservas do Campo de Papa-Terra, na Bacia de Campos, cuja participação foi adquirida da Petrobras

Valor intangível

As 10 marcas mais valiosas do mundo em 2021 – a líder vale US$ 408,2 bilhões

Apple lidera ranking da Interbrand, seguida de outras big techs; com alta de 184%, Tesla foi a marca com maior salto no seu valor no último ano

Contrata-se

Fintechs fazem mercado de vagas crescer 466%, com foco em tecnologia

Startups de tecnologia para o mercado financeiro procuram talentos sobretudo na área de TI, e alguns processos seletivos são exclusivos para mulheres

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies