🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView
Estadão Conteúdo
Construção civil

Inflação da construção civil desacelera para 1,24% em julho

A desaceleração do indicador foi puxada pelo arrefecimento do subíndice de Mão de Obra, que passou de 2,98% em junho para 1,12% este mês

Homens trabalhando na construção civil. Imagem representa as incorporadoras da bolsa, como Even (EVEN3), Lavvi (LAVV3), Melnick (MELK3) e Mitre (MTRE3)
Imagem: Shutterstock

O Índice Nacional de Custos da Construção - M (INCC-M) desacelerou de 2,30% em junho para 1,24% em julho, informou nesta terça-feira a Fundação Getulio Vargas (FGV).

A inflação somada em 12 meses pelo índice avançou de 16,88% em junho para 17,35% em julho. O INCC-M acumula alta de 10,75% em 2021. A desaceleração do indicador foi puxada pelo arrefecimento do subíndice de Mão de Obra, que passou de 2,98% em junho para 1,12% este mês.

Todas as aberturas do indicador registraram alívio da inflação: auxiliar (3,02% para 1,15%), técnico (3,08% para 1,12%) e especializado (2,51% para 0,97%).

O subíndice de Materiais, Equipamentos e Serviços também desacelerou, de 1,65% para 1,37%, com alívio de Materiais e Equipamentos de 1,75% para 1,52%, puxado por materiais para instalação (1,11% para 0,28%).

Já o grupo Serviços arrefeceu de 1,19% para 0,65%, influenciado por itens serviços técnicos (2,29% para 0,92%) e aluguéis e taxas (0,96% para 0,38%), segundo a FGV.

Confiança

O Índice de Confiança da Construção (ICST) avançou 3,3 pontos em julho, para 95,7 pontos, na série com ajuste sazonal É o maior nível do indicador desde os 96,3 pontos de março de 2014.

Em médias móveis trimestrais, o ICST avançou 3,6 pontos, a segunda alta seguida. O resultado positivo de julho foi puxado pela melhora das perspectivas dos empresários para os próximos meses.

O Índice de Expectativas da Construção (IE-CST) avançou 6,8 pontos na série com ajuste sazonal, para 102,2 pontos, o maior nível desde os 104,2 pontos de janeiro de 2020. Os dois subíndices do IE-CST registraram alta em julho. O indicador de demanda prevista subiu 6,4 pontos, para 102,3 pontos, enquanto o indicador de tendência dos negócios avançou 7,2 pontos, para 102,0 pontos.

Na outra ponta, o Índice de Situação Atual da Construção (ISA-CST) cedeu 0,1 ponto em julho, na série com ajuste, para 89,4 pontos. A queda foi motivada pela piora do indicador de situação atual dos negócios, que caiu 4,3 pontos no mês, para 88,3 pontos.

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci) da construção cedeu 3,7 pontos porcentuais em julho, para 73,7%. A contração foi motivada por quedas de 3,7 pontos porcentuais tanto no Nuci de Mão de Obra quanto no Nuci de máquinas e equipamentos, a 75,2% e 66,6%, respectivamente.

Na leitura de julho, 26,7% das empresas da construção apontaram aumento da atividade, o maior porcentual desde outubro de 2012. Outras 19,5% relataram redução da atividade no período.

Compartilhe

AUTOMÓVEIS

Guia do PCD: Novo teto aumenta as ofertas de veículos com desconto para pessoas com deficiência

25 de fevereiro de 2024 - 7:14

O Seu Dinheiro preparou um guia com tudo o que você precisa saber sobre o direito às isenções de impostos na compra de carros novos

REPERCUSSÃO GERAL

Motoristas da Uber vão virar funcionários? STF julga se ação sobre vínculo de trabalho pode ter impacto em outras plataformas como Ifood

23 de fevereiro de 2024 - 19:03

A maioria dos ministros do Supremo tem atendido a pedidos de empresas para reverter decisões da Justiça do Trabalho que reconheceram vínculo de emprego

LOTERIAS

7 apostas dividem a Lotofácil, mas nem todo mundo vai ganhar o valor cheio; Mega-Sena e Quina acumulam

23 de fevereiro de 2024 - 5:50

Enquanto a Lotofácil fez jus à fama de loteria menos difícil da Caixa, o prêmio da Mega-Sena saltou para R$ 110 milhões

DINHEIRO NO BOLSO

Receita abre consulta a lote residual do Imposto de Renda; veja se a sua restituição saiu

22 de fevereiro de 2024 - 16:06

Os valores do lote residual de restituição do Imposto de Renda ficarão disponíveis para resgate por até um ano no Banco do Brasil

LOTERIAS

13 dá azar ou sorte? Quina quebra jejum e faz novo milionário; Mega-Sena corre hoje valendo quase R$ 100 milhões

22 de fevereiro de 2024 - 5:54

Enquanto a Lotofácil acumulou, a Quina fez as vezes de “máquina de milionários”; confira os detalhes dos últimos sorteios

MEMÓRIA

Quem foi Affonso Celso Pastore, ex-presidente do BC e referência entre os economistas ortodoxos

21 de fevereiro de 2024 - 12:08

Da negociação da dívida externa nos anos 1980 à assessoria econômica na pré-candidatura de Sergio Moro, conheça a trajetória de Pastore

UMA FANTÁSTICA FÁBRICA DE CHOCOLATES

Noites do Terror com chocolate? O que a Cacau Show pretende com a compra do Playcenter

21 de fevereiro de 2024 - 9:36

Valor da compra do Grupo Playcenter pela Cacau Show não foi revelada; negócio ainda depende da aprovação do Cade

LOTERIAS

Parece tão fácil que quase estraga: 7 apostas dividem a Lotofácil; Mega-Sena e Quina acumulam ainda mais

21 de fevereiro de 2024 - 5:47

Enquanto a Lotofácil faz jus à fama de loteria menos difícil da Caixa, a Mega-Sena e a Quina continuam fazendo jogo duro

LOTERIAS

Lotofácil começa semana com 2 ‘quase-milionários’; Quina acumula e Mega-Sena promete uma fortuna hoje

20 de fevereiro de 2024 - 5:48

Ganhadores da Lotofácil estão separados por milhares de quilômetros; Mega-Sena está acumulada em R$ 87 milhões

PARA MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

É MEI e está devendo para o banco ou para a Receita? Governo prepara ‘Desenrola’ para pequenas empresas que pode beneficiar 8 milhões de CNPJs

19 de fevereiro de 2024 - 17:32

A intenção é lançar até o mês que vem a versão para pessoas jurídicas do Desenrola Brasil

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies