A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2021-07-06T10:05:11-03:00
Estadão Conteúdo
Alta nos imóveis

FipeZap registra em junho maior alta no valor de imóveis desde agosto de 2014

A pesquisa é realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) com base nos anúncios de imóveis em 50 cidades

6 de julho de 2021
10:05
Imóveis, vista aérea de prédios na cidade
Imóveis, vista aérea de prédios na cidade - Imagem: Shutterstock

O mês de junho teve a maior alta no preço médio nas vendas de imóveis residenciais desde de agosto de 2014, de 0,57%, quando o crescimento médio mensal ficou em 0,68%. Nos meses anteriores, conforme o Índice FipeZap, o porcentual ficou em 0,48%, em maio, e 0,30%, em abril.

A pesquisa é realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) com base nos anúncios de imóveis em 50 cidades.

O índice mostrou que Manaus teve a maior elevação (2,14%) no preço médio do último mês, seguido de Vitória (1,60%), Brasília (1,49%), Curitiba (1,47%), Goiânia (1,40%), Florianópolis (1,26%), Maceió (0,81%), Fortaleza (0,72%) e Porto Alegre (0,64%). Das 16 capitais monitoradas, 15 apresentaram crescimento. São Paulo apresentou ganho de 0,40%, superando a variação no Rio de Janeiro (0,15%). Campo Grande foi a única exceção, onde a variação registrada foi de queda de 0,94%.

O balanço parcial do primeiro semestre de 2021 aponta ainda para alta nominal de 2,17% no período. O índice é inferior à inflação de 3,82%, registrada neste intervalo de tempo, conforme o comportamento observado e esperado pelo IPCA/IBGE. A informação foi publicada no Boletim Focus do Banco Central do Brasil nesta segunda-feira (5).

Se considerados os últimos 12 meses, o avanço nominal foi de 4,76%. Por outro lado, houve queda de 3,36% em termos reais, se comparado com a inflação acumulada (+8,40%). Neste balanço parcial do último ano, todas as 16 capitais monitoradas apresentaram crescimento no preço médio.

Em relação ao preço médio de venda residencial, o Rio de Janeiro liderou o preço mais caro entre as capitais brasileiras, no último mês: R$ 9.545/m2. seguida por São Paulo (R$ 9.529/m2) e Brasília (R$ 8.336/m2). Entre as 16 monitoradas com menor valor médio de venda residencial, incluem-se: Campo Grande (R$ 4.327/m2), João Pessoa (R$ 4.692/m2) e Goiânia (R$ 4.721/m2). No geral, o custo médio das 50 cidades monitoradas pela FipeZap foi calculado em R$ 7.655/m2.

O levantamento destaca as altas acumuladas em 12 meses em Maceió (+14,27%), Vitória (+13,30%), Manaus (+13,29%), Curitiba (+11,08%), Brasília (+10,48%), Florianópolis (+9,47%), Goiânia (+9,22%) e João Pessoa (+8,89%). Em São Paulo e no Rio de Janeiro, por sua vez, os resultados acumulados foram de aumento de 4,41% e 2,29%, respectivamente.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

MARKET MAKERS

Os princípios: Conheça Ray Dalio, gestor do maior hedge fund do mundo, e seu manual para conseguir o que deseja na vida

11 de agosto de 2022 - 10:47

O livro Princípios se propõe a ser um manual sobre vida e trabalho que Dalio resolveu escrever contendo seus critérios de tomada de decisão que colecionou ao longo da sua vida

Cadê o retorno?

XP (XPBR31) na berlinda: JP Morgan corta recomendação para neutro e diz que o mercado quer ver lucro

11 de agosto de 2022 - 10:33

O JP Morgan mostrou-se preocupado com o salto nos custos e despesas da XP (XPBR31) no trimestre, o que pressionou as margens da empresa

ACELERANDO NA RETA

Bitcoin (BTC) busca os US$ 25 mil, mas alta é ofuscada por disparada de 12% do ethereum (ETH); confira que movimenta as criptomoedas hoje

11 de agosto de 2022 - 10:09

Os investidores estão otimistas com a atualização do ethereum: em julho deste ano, o ETH acumulou alta de 57,7% e sobe 14,9% nos primeiros dias de agosto

NADA DIPLOMÁTICO

Paulo Guedes fala em “ligar o foda-se” para França, maior empregador estrangeiro no Brasil

11 de agosto de 2022 - 9:36

O país europeu é terceiro que mais investe no Brasil; as exportações para a França vêm crescendo 18% neste ano

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa sobe após índice mostrar deflação ao produtor nos EUA em julho; dólar recua para R$ 5,07

11 de agosto de 2022 - 9:08

RESUMO DO DIA: Os investidores tentam ampliar os ganhos da sessão anterior e as bolsas internacionais sobem hoje. Após o dado de inflação ao consumidor animar, desta vez as bolsas são embaladas pelo índice de preços ao produtor (PPI), que mostrou um resultado melhor que o esperado, com deflação de 0,5% em julho. Por aqui, […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies