🔴 AS BIG TECHS ESTÃO ‘SUGANDO’ DINHEIRO DA BOLSA BRASILEIRA? – VEJA COMO SE PROTEGER

Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
Não tem para ninguém

CEO mais bem pago de 2020, Elon Musk recebeu US$ 11 bilhões mesmo sem salário fixo na Tesla

O executivo cumpriu metade das metas de seu pacote de remuneração e garantiu uma fatia bilionária de ações da montadora de carros elétricos

Larissa Vitória
Larissa Vitória
6 de maio de 2021
16:33 - atualizado às 22:54
Elon Musk, CEO da Tesla | Vale
Elon Musk, CEO da Tesla - Imagem: Shutterstock

O executivo mais bem pago do mundo teve um salário fixo de zero (isso mesmo) em 2020. Estou falando dele, Elon Musk. Mesmo sem um contracheque pingando na conta todo mês, o CEO da Tesla recebeu aproximadamente US$ 11 bilhões (R$ 58 bilhões, nas cotações atuais) no ano passado pelo trabalho à frente da companhia, segundo estimativas da Forbes.

Para quem está se perguntando como isso é possível, a resposta está numa prática comum entre empresas e seus presidentes ou diretores-executivos. Nesses casos, a ausência de um salário fixo costuma ser compensada com bônus exorbitantes e pagamentos em ações das companhias.

Isso foi exatamente o que engordou o patrimônio de Musk, autointitulado  “rei da tecnologia” da montadora de carros elétricos. Para fazer o cálculo dos bilhões, a Forbes tirou a calculadora da gaveta e examinou os detalhes de um plano de remuneração assinado por ele em 2018.

Papéis que valem ouro

O salário de Musk é recebido basicamente em opções de compra das ações da Tesla, que são listadas na Nasdaq, bolsa que reúne as empresas de tecnologia nos Estados Unidos. Os papéis da fabricante de carros elétricos são negociados hoje a US$ 655 (aproximadamente R$ 3.500) cada.

De acordo com o plano de remuneração, o executivo tem direito a 8,4 milhões de papéis por US$ 70, um valor bem inferior à  cotação atual, cada vez que a empresa atinge um determinado marco de capitalização ou incrementa indicadores econômicos definidos pelo documento.

O pacote inteiro, que é dividido em 12 fases, dá direito a um total de 101,2 milhões de ativos, o equivalente a US$ 67,9 bilhões, que devem ser detidas por cinco anos após sua concessão. Os primeiros marcos, que previam um crescimento de US$ 50 bilhões no valor de mercado da montadora, foram atingidos no ano passado, quando o número saltou para US$ 650 bilhões.

Além disso, a Tesla também conquistou outras metas financeiras ao atingir US$ 20 bilhões em receita anualizada e aumentar o Ebitda (Lucro antes juros, impostos, depreciação e amortização, da sigla em inglês) ajustado de menos de US$ 1,5 bilhão para US$ 4,5 bilhões.

Com isso, o bilionário recebeu o equivalente a US$ 11 bilhões líquidos em ações. Ao todo, as seis parcelas reclamadas até agora totalizam cerca de 50,6 milhões de ativos ou US$ 33,9 bilhões.

A festa segue em 2021

E as perspectivas para outros incrementos em sua fortuna seguem fortes em 2021. A Tesla registrou um lucro recorde de US$ 438 milhões no 1º trimestre deste ano e garantiu a Musk o direito de usufruir, após a aprovação do conselho da empresa, de mais duas fatias, ou 16,9 milhões de ações, de seu vantajoso pacote.

*Com informações da Forbes

Compartilhe

PRÊMIO BANCO CENTRAL DO ANO

Recado para Lula e Haddad? A declaração de Campos Neto sobre a autonomia do BC e as decisões de juros para conter inflação

12 de junho de 2024 - 19:54

Presidente da autoridade monetária recebeu prêmio o prêmio “Banco Central do Ano”, conferido pelo portal de notícias Central Banking, em Londres e aproveitou para falar sobre sua gestão

AJUDA AO GOVERNO

Dividendos pingando na conta do Tesouro: BNDES eleva pagamento de proventos para 50% — e cifra deve chegar a R$ 16 bilhões

12 de junho de 2024 - 19:30

Aumento do percentual de pagamento de dividendos de 25% para 50% não deve reduzir os desembolsos do banco, segundo Aloizio Mercadante

De olho nos petrodólares

Ministro da Agricultura elege sauditas como “parceiros preferenciais”

12 de junho de 2024 - 18:42

Fávaro disse que tem fechado acordos para infraestrutura e formação de fundos com a Arábia Saudita

PRESTAÇÃO DE CONTAS

O que o TCU viu de certo — e também de errado — nas contas do governo Lula em 2023?

12 de junho de 2024 - 18:21

A auditoria da prestação de contas de Lula no ano passado verificou cerca de R$ 109 bilhões em irregularidades e distorções de valor no balanço da União

MINISTROS DIVIDIDOS

A remuneração do FGTS vai mudar: confira a decisão do STF sobre o cálculo que pode afetar o setor imobiliário

12 de junho de 2024 - 16:15

Atualmente, os valores depositados no fundo remuneram a Taxa Referencial (TR) mais 3% ao ano, além do eventual lucro no período, mas o cálculo vai mudar.

MP da Compensação

Senado avalia usar Imposto de Renda, repatriação e dinheiro esquecido para compensar a desoneração da folha

12 de junho de 2024 - 12:03

Uma das fontes avaliadas pelo Senado para compensar desoneração é a taxação de compras internacionais

AI MINHAS COMPRINHAS

Câmara aprova lei que taxa compras internacionais de varejistas como Shein, AliExpress e Shopee. Lula vai vetar?

12 de junho de 2024 - 10:08

A alíquota de 20% sobre o e-commerce estrangeiro foi um “meio-termo” e substituiu a ideia inicial de aplicar uma cobrança de 60% sobre mercadorias que vêm do exterior

LOTERIAS

Lotofácil faz novos milionários pelo Brasil enquanto Mega-Sena acumula e Caixa recebe apostas exclusivas para a Quina de São João

12 de junho de 2024 - 5:53

Se o prêmio acumulado da Mega-Sena rapidamente atingiu a marca de R$ 40 milhões, a Lotofácil teve 3 ganhadores, mas fez apenas 2 novos milionários

MP da Compensação

Pacheco devolve MP do PIS/Cofins e impõe derrota ao governo Lula

11 de junho de 2024 - 19:03

Presidente do Senado diz que MP descumpre princípio de anterioridade para questões tributárias

Leilão polêmico

O que levou o governo Lula a cancelar o leilão para compra de arroz importado?

11 de junho de 2024 - 16:32

Segundo o governo, anulação se deu por falta de capacidade financeira das empresas em honrar os compromissos

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar