Menu
Felipe Miranda
Exile on Wall Street
Felipe Miranda
É sócio-fundador e CIO da Empiricus
2021-05-25T11:17:14-03:00
Exile on Wall Street

Felipe Miranda: os 100 pontos para o sucesso da Empiricus

25 de maio de 2021
11:17
Business,,Success,,Leadership,,Achievement,And,People,Concept,-,Silhouette,Of
Imagem: Shutterstock

A inteligência de rua sempre me pareceu superior àquela das experiências pasteurizadas e esterilizadas. Empreendedores têm mais dignidade do que executivos.

O trader é mais perspicaz do que o economista, que também é muito ingênuo sobre política. O self-made man está muito à frente do herdeiro.

Quem está na arena está anos-luz na dianteira frente aos observadores da arquibancada. Há aqueles que fazem negócios e outros que tentam sugar algum dinheiro desses primeiros. 

Talvez seja por isso que uma de minhas referências favoritas da literatura não acadêmica (quase uma redundância e uma circularidade) é o “Unofficial Goldman Sachs Guide to Being a Man”. Aliás, onde é que estão os homens de verdade?

Esse negócio é uma espécie de livro de cabeceira. Estou ainda em falta com algumas lições, como “evite o último whisky. Você provavelmente já teve o bastante”. Costumo ser o cara que puxa a saideira, em forma de garrafa de vinho. Mas um dia chego lá.

Pensei hoje no que seria minha própria proposta de comportamento para sobrevivência na Empiricus.  Serve também como apontamentos para fora dela e àqueles três leitores que nos têm como referência.

Vamos lá:

1. Tenha disciplina e não reclame. Bezerro bom não berra.

2. Não tergiverse sobre suas responsabilidades. Assuma erros, mesmo que dos outros. Não cobre méritos próprios. Divida-os com outros.

3. Não elogie seus chefes. É ridículo. Eles são inteligentes e percebem. O saco não é o corrimão do sucesso. Somos meritocráticos. Odiamos a politicagem e os tapinhas nas costas. Critique seus chefes e lhes dê a chance de melhorar.

4. Não dê conselhos. É ainda mais ridículo. Somos todos adultos. E gostamos de ser tratados como adultos.

5. Venha ao escritório quando puder. Vai te fazer bem.

6. Nunca fale “fiz isso pelo seu bem”. Deixe que os outros decidam o que é bom para eles.

7. Cumpra combinados. Sempre. Verbais, formais e tácitos. Se você não tem palavra, você não tem nada. O fio do bigode e o aperto de mãos com olhos nos olhos valem muito mais do que qualquer contrato. Você nunca conseguirá fazer um bom contrato com pessoas ruins.

8. Não se preocupe com sua reputação. Preocupe-se em fazer o certo. É o melhor jeito de ter uma boa reputação.

9. Preocupe-se sempre com o cliente.

10. Vista-se bem. Mas não tão bem. Mostre cuidado consigo, mas entenda que isso não é um desfile de moda. Observe a sua volta e tenha sensibilidade para agir de acordo. Cuide da sua imagem. Não coloque uma foto fantasiado de Batman no WhatsApp. Diz muito sobre você.

11. Tenha respeito pelo seu chefe e pela Dona Graça. Cobre respeito deles também, igualmente.

12. Chegue cedo. O mercado abre às 10h. Você precisa estar preparado.

13. Não seja ingênuo. Muitas das boas ideias de investimento do Banco Matrix vieram após finais de semana em Iporanga e longas conversas com a turma tucana.

14. Prefira a inteligência do Tom Freitas Valle à do André Lara Resende. Se você conhece o segundo, mas não o primeiro, péssimo sinal.

15. Faça o seu horário. Trabalhe duas ou doze horas por dia, mas entregue tudo o que se espera de você. Entregue a sua alma inclusive.

16. Saiba o que se espera de você. Entregue mais do que isso.

17. Lembre-se de que ser legal é preferível a ser chato.

18. Não fale alto.

19. Entenda que o Rodolfo fala pouco.

20. Estude com profundidade. Desenvolva repertório. Abomine os clichês. Não repita frases prontas. Jamais cite um livro que você não leu.

21. Esteja preparado para fazer ao menos 10 barras consecutivas. O ideal seria 15. Se você for mulher, foque em cinco. Pode ser difícil no começo. Continue tentando.

22. Não use argumentos de autoridade, tampouco apele para a retórica barata de “artigos científicos dizem que...”. Substitua “artigos científicos” por “dados” e chegue à mesma conclusão.

23. Converse sobre suas expectativas. Saiba colocá-las de forma honesta e educada. Esteja pronto para receber uma resposta mal-educada.

24. Muita coisa é, sim, pessoal. Uma deslealdade profissional não se restringe ao escopo laboral. Valorizamos pessoas virtuosas.

25. Use desodorante. Na dúvida, use muito.

26. Se convidar alguém da empresa, um gestor ou um assinante para um almoço, pague a conta, na íntegra. Podemos reembolsá-lo, mas vai ser melhor se você mesmo mostrar sua capacidade de arcar com a boleta. É uma experiência estética grandiosa.

27. Se seu parceiro de almoço pedir uma taça de vinho, jamais deixe-o bebendo sozinho.

28. Não se culpe demais pelos seus erros. Todos erramos, todos os dias no mercado. O passado não se muda. Mas saiba do tamanho da responsabilidade associada a você. Foque no resultado futuro.

29. Nunca esqueça o fio dental.

30. Elogie o café. A Dona Graça fica feliz e nós simpatizamos com aqueles que tratam bem pessoas em nível supostamente inferior do ponto de vista hierárquico na empresa.

31. Tenha inimigos. A ausência deles apenas mostra sua incapacidade de se posicionar e a covardia para o embate. Saiba selecioná-los corretamente. Nunca tenha um inimigo menor do que você, tampouco um que possa feri-lo gravemente.

32. Saiba reconhecer pessoas complexadas. Elas são capazes de tudo.

33. Respeite quem fez algo relevante.

34. Evite herdeiros, pessoas com histórico de pé trocado e genros aventureiros.

35. Faça esporte. Qualquer um.

36. Use a palavra “Harvard” com muita parcimônia.

37. Chame os garçons do Itaim pelo nome, principalmente no Kosushi.

38. Se pergunte se aquela reunião não poderia ser um e-mail.

39. Nunca mande e-mails longos.

40. Não use o apelido “Stuhlba” se você não for amigo dele. Transmite uma falsa proximidade babaca. Colocar-se como “amigo de bacana” é uma das coisas mais asquerosas do mundo. Preserve seus amigos de infância.

41. Discursos do bem, repetições excessivas do termo ESG e todas as práticas do “beautiful people” são execráveis, porque falsas.

42. Nunca incorra no absurdo de abraçar uma árvore. É patético.

43. O mercado vai ter dias ruins. Siga em frente.

44. Lembre-se de que árvores não crescem até o céu.

45. O ativo ideal mora no mundo das ideias. Se você conhecer as empresas de perto, não vai comprar nenhuma.

46. Cuidado com a intensidade com que você pisa no chão. O pessoal do térreo não precisa ouvir seus passos no 10º andar. Sutileza denota discrição.

47. Aquelas palavrinhas continuam mágicas: bom dia, obrigado, por favor, bom descanso. Educação é sensibilidade. E nada é mais caro ao investidor do que sensibilidade, que implica capacidade de julgamento, o verdadeiro diferencial para se ganhar dinheiro com consistência.

48. Quando servido, devolva um sorriso, um olhar dentro dos olhos, um leve toque com a palma da mão sobre os ombros da outra pessoa, como gesto de real agradecimento e afeto verdadeiro. Fale o nome do interlocutor.

49. Pergunte sobre questões humanas e familiares de seus colegas de trabalho, de forma genuína. Mostre empatia. Se for para ser falso e puxar uma conversa vazia, melhor ficar quieto. Só há uma coisa pior do que o silêncio constrangedor: uma conversa constrangedora.

50. Escolha bem seu cônjuge. Vai ser revelador de suas preferências, mas também de seu caráter.

51. Ouça mais do que fale.

52. Saiba o que está acontecendo no futebol brasileiro, ainda que você não goste muito. É um ato social.

53. Dê boas gorjetas.

54. Nunca peça o vinho mais barato da carta, nem o mais caro. Saiba escolher. Uma experiência estética denota erudição.

55. O arquétipo a ser seguido não é o do herói, que luta sozinho de maneira irracional e muitas vezes morre no final. Pense no sábio. Yoda tem duas orelhas enormes, o casaco aberto para demonstrar receptividade, unhas longas e um cajado denotando experiência e vivência. O diabo é o diabo porque é velho.

56. O Rodolfo já leu o livro que você está lendo.

57. Você está autorizado a falar mal da Fazenda Boa Vista, mas só se o Caio não estiver por perto. Idem para o golfe.

58. A Bia parece brava. Mas na verdade ela é muito brava.

59. O Nelson já transou com metade do Itaim. Você é o próximx.

60. Não cite o Taleb sem ter lido todos os seus livros. Jamais pergunte qual o próximo black swan. Leia ao menos dois livros do Buffett antes de usar suas frases. Muitas delas ele nem falou de fato.

61. Aqui você pode e deve falar mal dos gestores que não ganham dinheiro há anos com consistência, mas continuam arrogantes.

62. A turma do ESG era mestre da puxeta em small caps. E todo mercado sabe disso.

63. Se for passar por um divórcio, saia dele de forma digna. Trate com carinho seus exs. Eles foram parte de sua vida por um tempo significativo. Se foram más escolhas, o erro foi seu.

64. Respeite os verdadeiros ganhadores de dinheiro em Bolsa, em especial aqueles que continuam na fronteira.

65. Fazer boas aquisições e crescer organicamente gera mais valor, para si e para a sociedade, do que patrocinar o Comitê Olímpico brasileiro. O “beautiful people” seria muito mais legal e divertido se dispensasse o discurso de “pessoa do bem”. As pessoas do bem são insuportáveis. Quero mesmo é saber o que os gestores do mal estão fazendo. Todos somos médico e monstro ao mesmo tempo. Pior se você não percebeu isso ainda.

66. Tenha sempre um bom terno disponível. Não engorde a ponto de não caber nele.

67. Saiba que consultorias nunca passaram de mais de um mês na Empiricus. Não é exagero, tampouco arrogância. É só um fato objetivo. No caso de desdobramentos de metas, foram duas semanas. No décimo quarto dia, vieram nos perguntar como fazíamos, porque queriam replicar para fora. Essa turma do MBA Talking é ótima para roubar seu dinheiro. Um roubo elegante ainda é um roubo.

68. Contratar a Falconi não vai tornar a sua empresa a Ambev. Não contrate a Falconi para contar para os seus amigos.

69. Despreze dicas de empreendedorismo dadas por não empreendedores. Idem para liderança.

70. Deus não vai salvar seus investimentos. O preço mérdio também não.

71. Uma ação comprada e em queda já representa um erro. Não cometa o segundo.

72. Você é livre para achar o JGP Strategy tão bom quanto o Verde, a Atmos tão boa quanto a Dynamo, e o Soros melhor do que o Buffett.

73. As cartas da Atmos são melhores do que as da Dynamo, porque são muito mais agradáveis de ler e menos diletantes.

74. Tenha cuidado para não acreditar nas próprias mentiras. Narrativas apoiam-se em personagens. Não se jogue demais neles.

75. Se a janela abrir, não saia voando. Você não é um super-herói só porque está ganhando dinheiro.

76. Entenda que um copy é muito diferente de um relatório. Se você não sabe o que é um copy, temos um problema.

77. Sim, o marketing da Empiricus funciona. O Beto é o melhor copywriter do Brasil. Mas a Empiricus não funcionaria sem um bom produto. Sempre pergunte a um assinante se ele está ganhando dinheiro e satisfeito conosco. O melhor marketing é o lucro no bolso do investidor. Isso é inegociável.

78. Se o investidor ganhar dinheiro a partir das nossas recomendações, o mérito é dele. Se ele perder, a responsabilidade é nossa. No final do dia, a culpa é e sempre deve ser do Felipe — sim, é ele quem escreve o Day One. Eu perco, nós ganhamos. Captains should go down with the ships.

79. Não estamos na festa do São João. Camisas amarelas, laranjas, vermelhas e verdes são proibidas. Ninguém quer saber seu time de futebol preferido, nem local, nem internacional. Bermuda nem pensar. Bombeta também não, claro.

80. Beba bastante água.

81. Não se iluda. Todos sabem quando você chega de ressaca. Alguns sabem quando houve uso de substâncias mais pesadas. Coce o nariz menos vezes. Não morda a própria orelha.

82. Seja conservador para escolher meias. Sua avó sabia selecioná-las melhor do que você. Até o bege é superior às happy socks.

83. Prefira más notícias que chegam rápido. A verdade pode ser um choque, mas é libertadora e evita traições maiores. Falhe rápido, falhe pequeno. O menor prejuízo é o melhor.

84. Confie no seu amigo de trabalho. Ainda que você venha a ser traído um dia, é melhor passar 99% do tempo em paz.

85. Leia as notas explicativas.

86. Você é tão bom quanto seu último trade. Humildade. Day One sempre.

87. Veja se você realmente precisa usar uma das salas de reunião. Preste atenção no quadro que decora a sala Taleb.

88. Seja pontual.

89. Nunca fale “o valuation não importa”. Quase tudo é uma questão de preço.

90. Leia a Teoria dos Sentimentos Morais antes de A Riqueza das Nações. O real desejo de um homem é ser valorizado pelas suas atitudes éticas e morais. Dinheiro é ótimo, mas não pode ser sua razão de existência.

91. Prefira filosofia aos livros de autoajuda.

92. Não confunda gurus de autoajuda com analistas de investimento.

93. Nunca traga seu pet para o escritório.

94. Não fale mal dos Rolling Stones. Saiba quem é o David Gilmour e o Roger Waters ou ao menos um dos dois.

95. Confiança também está sujeita ao falseacionismo popperiano. Basta uma falha grave para você destruir uma relação longeva.

96. Compre (e use) um raspador de língua.

97. Lidere pelo exemplo.

98. Converse com gestores e com a área de sales dos bancos de investimentos. Eles são preferíveis ao sell side.

99. Nunca culpe o trânsito ou algum imprevisto. Somos talebianos. Sabemos que imprevistos ocorrem a toda hora.

100. Seja você mesmo. E seja a sua melhor versão.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Atenção acionista

Rede D’or anuncia pagamento de R$ 156,2 milhões de juros sobre capital próprio

O pagamento do valor anunciado será destinado aos acionistas que detiverem as ações da Rede D’or no próximo dia 24 de junho

Fome para crescer

Em mais uma aquisição, Magazine Luiza se fortalece em food services com a Plus Delivery

Segundo a varejista, plataforma de entrega de comida tem cerca de 1.500 restaurantes parceiros e atende mais de 250 mil clientes por mês

mercados hoje

Bolsa firma queda e perde os 128 mil pontos, à espera de fala de Powell; dólar avança

Mesmo com uma queda acentuada do petróleo nesta manhã, o setor vê a commodity nos maiores níveis desde o início da pandemia, com a retomada das atividades

O melhor do Seu Dinheiro

A rima das commodities, último capítulo da novela da MP da Eletrobras e outros destaques

A história não se repete, mas rima. Se Mark Twain fosse um analista do mercado financeiro, provavelmente seria um grande especialista em ciclos econômicos. Logo no começo da crise da covid-19, quem ousasse falar em investir em commodities ou ações de empresas produtoras de matérias-primas seria taxado de louco. As cotações de todas elas — […]

SINAIS DO BC

COMPARATIVO: Veja o que mudou na ata da reunião do Copom

Veja o que mudou e o que permanece igual na ata da última reunião do Copom — o BC elevou a Selic em 0,75 ponto percentual, para 4,25% ao ano

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies