';

🔴 O ‘NOVO PETRÓLEO’ FOI ENCONTRADO E JÁ É MOTIVO DE DISPUTA NO MUNDO — DESCUBRA AQUI

Cotações por TradingView
2021-08-06T10:46:14-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
De volta ao Bull market

Criptomoedas no Apple Pay e Ethereum (ETH) de cara nova: confira o que está fazendo o bitcoin (BTC) disparar quase 8% hoje

O otimismo voltou ao mercado cripto, com a atualização do éter bombando e liderando as altas

6 de agosto de 2021
10:46
bull market, bitcoin, criptomoeda, bull
Imagem: Shutterstock

O bitcoin (BTC) ultrapassou a barreira dos US$ 40 mil e opera em alta de 7,93%, cotado a US$ 40.906,28 por volta das 10h40. No acumulado da semana, a principal criptomoeda do mercado avança 5,17%

Mas o rali das criptomoedas não está sendo puxado pelo bitcoin nesta sexta-feira (06). O protagonista dessa corrida do criptomercado é conduzida pelo ethereum (ETH).

A alta de 5,98%, que está fazendo o éter avançar para US$ 2.777,87, anima os negócios em criptomoedas. O avanço de 18,41% nos últimos sete dias é motivado pela recente atualização do ethereum, o “London Fork”, ou proposta de melhoria EIP-1559.

Essa atualização deve fazer com que o ETH passe a ser deflacionário. Em outras palavras, isso pode trazer uma estabilização dos preços e das taxas de transação da blockchain dessa criptomoeda.

Não deixe de conferir o vídeo no nosso canal do YouTube sobre as moedas que devem despontar no próximos meses:

Coinbase e Apple: um novo capítulo

Outra notícia que está movimentando o mercado hoje é o anúncio de que a Coinbase se uniu à Apple para facilitar a compra de bitcoin e outras criptomoedas. Por meio do Apple Pay, o usuário poderá acessar produtos em cripto disponíveis na exchange. 

A ferramenta também estará disponível no Google Pay e permitirá a compra de até US$ 100 mil em criptomoedas por vez. A Coinbase impulsionou o preço do bitcoin antes de lançar suas ações na bolsa americana em abril deste ano.

A união entre Apple e Coinbase já não é novidade. Há pouco mais de dois meses, as empresas se uniram para oferecer pagamentos em criptomoeda por meio do Apple Pay.

Segundo dados de março deste ano apontam que a Apple possui uma base de clientes de aproximadamente 1 bilhão de pessoas e estima-se que 31% delas usem o Apple Pay.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

DIA 27

De Lula, com carinho: o recado da Carta de Brasília aos bolsonaristas

27 de janeiro de 2023 - 20:22

Além de assinar o documento com governadores, o presidente tratou da compensação do ICMS — discussão que deve continuar com a ajuda de uma comissão que atuará junto ao Supremo Tribunal Federal (STF)

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Como o Ibovespa superou a forte queda da Petrobras (PETR4) e subiu nesta semana? Confira os destaques dos últimos dias

27 de janeiro de 2023 - 18:58

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta sexta-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo

Dinheiro no bolso

ETF que paga dividendos vem aí: bolsa libera listagem de fundos de índices de ações que pagam proventos

27 de janeiro de 2023 - 18:00

A partir de segunda-feira (30), ETFs de ações que pagam proventos poderão ser listados na bolsa brasileira; fundos que já existem, porém, não poderão passar a pagar dividendos

PRESENTE DE RUSSO

Vingança! Putin não deixa barato e prepara mega ofensiva na Ucrânia — entenda o que ele quer com isso

27 de janeiro de 2023 - 17:18

Do outro lado das trincheiras, o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, sinaliza que pode ser tarde demais para negociações de paz

ESCRITA AUTOMÁTICA?

Ações do BuzzFeed disparam após anúncio de investimentos em inteligência artificial para produzir conteúdo

27 de janeiro de 2023 - 15:34

Com investidores ainda repercutindo a novidade, os papéis registravam alta de 73,27%, a US$ 3,62

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies