Menu
2020-06-30T15:19:10-03:00
ministro da economia

‘Imagem está muito ruim lá fora, uma parte de nós fala muito mal do país’, diz Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes, foi mais um integrante do governo a sair em defesa da política ambiental brasileira, após grupos de investidores estrangeiros ameaçarem deixar o País por críticas ao desmatamento

30 de junho de 2020
15:19
Paulo Guedes
Brasil, Rio de Janeiro, RJ, 15/03/2019. O ministro da Economia, Paulo Guedes, durante o seminário "A Nova Economia Liberal" realizado pela FGV. - Imagem: FABIO MOTTA / ESTADÃO CONTEÚDO - Crédito:FÁBIO MOTTA/ESTADÃO CONTEÚDO/AE

O ministro da Economia, Paulo Guedes, foi mais um integrante do governo a sair em defesa da política ambiental brasileira, após grupos de investidores estrangeiros ameaçarem deixar o País por críticas à conduta das autoridades em relação ao desmatamento na Amazônia.

Na semana passada, o presidente Jair Bolsonaro e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, afirmaram que esses investidores estariam "desinformados" sobre o Brasil.

Nesta terça-feira, 30, Guedes avaliou que existiria uma campanha de difamação sobre o País na área ambiental derivada do protecionismo de economias avançadas.

"Nossa imagem está muito ruim lá fora, até mesmo uma parte de nós falamos muito mal do País. Lá fora há muito oportunista protecionista, como a França, que é uma parceira, investe aqui, mas não quer que exportemos produtos agrícolas para lá. Os Estados Unidos querem entrar com etanol no Brasil e não aceitam açúcar brasileiro lá", afirmou Guedes. "Esses países jogam uma 'pecha' (de destruição do meio ambiente) no Brasil, independentemente de dados embasados. Vamos proteger meio ambiente sem cair na armadilha de outros países em falar mal do Brasil", acrescentou.

O governo tem tentado uma contraofensiva de informação na área. No começo de junho, o presidente Bolsonaro assinou decreto criando as debêntures verdes incentivadas.

Na segunda-feira, o vice-presidente Hamilton Mourão se reuniu com diversos ministros - incluindo o presidente do BC - para discutir uma estratégia de reação às cobranças internacionais. Uma reunião com esses investidores foi marcada para a próxima semana.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Decisão cautelar

TCU proíbe governo Bolsonaro de anunciar em sites que exerçam atividades ilegais

Indícios de irregularidades na veiculação de propagandas do governo federal levaram o TCU a tomar a decisão cautelar, concedida pelo ministro Vital do Rêgo

PGR

Aras recomenda a Guedes mais transparência em gastos no combate à pandemia

A pedido de procuradores do MPF-PE, o procurador-geral da República, Augusto Aras, enviou recomendações para Guedes dar transparência aos gastos federais

Setor em destaque

Estatais de saneamento querem flexibilizar regras para contratar empréstimos

Com regras mais fáceis para a entrada do setor privado, as estatais de saneamento querem que a concessão de empréstimos ao segmento seja menos rigorosa

Preocupação ambiental

Para empresários, discurso do governo sobre desmatamento mudou

Após reunião com o vice-presidente Hamilton Mourão, empresários parecem satisfeitos quanto aos compromissos firmados pelo governo a respeito do desmatamento

O melhor do Seu Dinheiro

MAIS LIDAS: O canto da sereia

Uma matéria alertando para os riscos do day trade foi a mais lida desta semana no Seu Dinheiro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements