⚠️ DIVIDENDOS EM RISCO? Lula, Bolsonaro, Ciro e Tebet querem taxar seus proventos e podem atacar sua renda extra em 2023. Saiba mais aqui

2020-01-28T18:48:50-03:00
Estadão Conteúdo
olho nos números

Relatório aponta nível baixo de investimento de estatais no 1º ano de Bolsonaro

Estatais federais executaram 45,7% dos investimentos previstos para 2019 e a aplicação dos recursos ao longo do ano foi direcionada basicamente para a Região Sudeste

28 de janeiro de 2020
13:14 - atualizado às 18:48
Privatização Eletrobras
Sede da Eletrobras no Rio de Janeiro - Imagem: Divulgação

As estatais federais executaram 45,7% dos investimentos previstos para 2019 e a aplicação dos recursos ao longo do ano foi direcionada basicamente para a Região Sudeste, com nada de investimento no Centro-Oeste e índices bem pequenos nas outras regiões. Os dados constam de relatório do Ministério da Economia que traz a execução do Orçamento de Investimento das estatais no ano passado.

O documento mostra que, no primeiro ano de gestão de Jair Bolsonaro, as empresas do governo deixaram de aplicar R$ 69 bilhões em obras e projetos no País.

Da dotação global de 2019 para essas empresas, que somou R$ 127,456 bilhões, somente R$ 58,291 bilhões foram executados. O Sudeste recebeu 23,4% do valor, seguido de Nordeste, com 5,5%, Sul (0,6%), Norte (0,5%) e Centro-Oeste (0,0%). Outros investimentos foram feitos na regiões caracterizadas como 'nacional' (67,8%) e 'exterior' (2,1%).

O resultado de 2019 representa o menor índice de execução dos últimos cinco anos. Em 2018, essas empresas executaram 64,5% da dotação anual autorizada; em 2017, o índice de execução foi de 59%; em 2016, 74%; e em 2015, 78,7%.

O relatório divulga o desempenho de 85 estatais, 78 do setor produtivo e 7 do setor financeiro. As estatais ligadas ao Ministério de Minas e Energia apresentaram a melhor execução dos investimentos no ano passado. A Petrobras aplicou 48,4% do total de R$ 98,8 bilhões.

A Eletrobras, no entanto, registrou uma baixa execução, de 16,1% de um orçamento também baixo, de R$ 38,9 milhões. "Alguns programas, principalmente no âmbito do setor de Petróleo e Gás, destacam-se em comparação aos demais, não apenas pelo vulto dos recursos que lhes são destinados como, também, pelo empenho das empresas", diz a portaria.

No setor financeiro, Caixa aplicou R$ 1,3 bilhão, representando 51,1% do total de R$ 2,6 bilhões. O Banco do Brasil investiu 67% do previsto para o ano - R$ 1,8 bilhão do valor global de R$ 2,7 bilhões. O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) executou 35,4% de seu orçamento de R$ 66 milhões para o ano, um gasto de R$ 23,4 milhões.

A íntegra do relatório está em portaria publicada na edição desta terça-feira no Diário Oficial da União (DOU).

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

NA CONTA DA Berkshire Hathaway

Warren Buffett já perdeu US$ 36 bilhões com a Apple neste ano; por que uma das “joias da coroa” do megainvestidor despenca no mercado acionário?

1 de outubro de 2022 - 20:32

Os ativos da gigante de tecnologia acumulam queda de 24% este ano, refletindo o mercado tech e também fatores internos

ELEIÇÕES 2022

Lula não teme golpe de Bolsonaro — petista diz que, se for eleito, “haverá posse”

1 de outubro de 2022 - 19:29

O ex-presidente indicou que acredita na vitória, mas ainda não sabe se ela virá no primeiro ou segundo turno

ELEIÇÕES 2022

Último Datafolha mostra Lula com 50% das intenções de voto, contra 36% de Bolsonaro; petista manteve vantagem e pode levar o pleito no primeiro turno

1 de outubro de 2022 - 18:12

A última pesquisa Datafolha antes do primeiro turno acaba de ser divulgada e mostra que a distância entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o presidente Jair Bolsonaro (PL) manteve-se a mesma. O levantamento publicado neste sábado indica que Lula tem 50% dos votos válidos contra 36% de Bolsonaro. A pontuação do petista […]

ELEIÇÕES 2022

Lula oscila para baixo, mas mantém vantagem sobre Bolsonaro e ainda pode vencer no primeiro turno, revela última pesquisa do IPEC

1 de outubro de 2022 - 18:06

Lula lidera o levantamento do Ipec, antigo Ibope, com 51% das intenções de voto. Bolsonaro vem em segundo lugar, com 37%

Exclusivo Seu Dinheiro

Dividendos da Petrobras (PETR4) podem ser taxados após as eleições: saiba o que cada candidato à presidência propõe sobre o tema

1 de outubro de 2022 - 17:00

Todos querem cobrar Imposto de Renda sobre seus dividendos, mas Lula, Bolsonaro, Ciro e Simone Tebet têm propostas diferentes sobre o tema

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies