Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-04-17T15:29:45-03:00
Estadão Conteúdo
Agência de risco

Moody’s corta perspectiva para sistema bancário do país de estável para negativa

De acordo com a Moody’s, as condições operacionais dos bancos devem se deteriorar nos próximos 12 a 18 meses, prejudicando a qualidade dos ativos

17 de abril de 2020
15:29
Agência de classificação de risco Moody's
Imagem: Shutterstock

A agência de classificação de risco Moody's cortou sua perspectiva para o sistema bancário do Brasil de estável para negativa, considerando os impactos da crise trazida pelo novo coronavírus no setor. De acordo com a Moody's, as condições operacionais dos bancos devem se deteriorar nos próximos 12 a 18 meses, prejudicando a qualidade dos ativos.

O volume geral de negócios, ainda segundo a instituição, deve cair à medida em que a economia se contrai.

"A queda inesperada da atividade econômica, o declínio da renda familiar e o aumento do desemprego prejudicarão a qualidade dos ativos dos bancos e diminuirão a capacidade de pagamento dos mutuários, aumentando os empréstimos problemáticos e os custos de crédito dos bancos", diz Ceres Lisboa, vice-presidente da Moody's, em nota.

"A demanda por crédito e os volumes gerais de negócios diminuirão, pesando sobre as receitas bancárias. A desaceleração também torna mais provável a persistência de baixas taxas de juros por um período prolongado", completa.

Por outro lado, a agência de classificação de risco entende que as medidas de estímulo econômico anunciadas recentemente pelo governo federal, classificadas pela Moody's como "oportunas" e "equilibradas", ajudam a sustentar a liquidez dos bancos e que a sólida capitalização fornece um amortecedor contra as perdas.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

NA DÚVIDA, ADIA

No restabelecimento da presença obrigatória em Brasília, governo fica sem quorum e retira PEC dos Precatórios

Nova tentativa de votação é esperada para hoje, mas o temor de que não haja deputados em quantidade suficiente para a aprovação persiste

Aquele 1%

Com juros em alta, esses títulos de renda fixa te pagam 1% ao mês, com baixíssimo risco e pouco esforço

A rentabilidade dos sonhos do brasileiro está de volta aos investimentos conservadores, e CDBs que pagam 1% ao mês ou mais já estão fáceis de encontrar

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Alta da Selic, bons números da Weg, IPO do Nubank e dividendos da Gerdau: veja o que marcou o mercado hoje

Há cerca de um mês, o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, afirmou que a autoridade não mudaria o “plano de voo” a cada novo dado da economia brasileira. Mas, veja só, a realidade obrigou a instituição a recalcular a rota: há pouco, o Copom elevou a Selic em 1,50 ponto percentual, ao […]

Referência em SP

Na corrida do setor de saúde, Rede D’Or (RDOR3) garante fôlego com a compra do Hospital Santa Isabel

O ativo está avaliado em R$ 280 milhões. Porém, conforme explica a empresa, seu endividamento líquido será deduzido na conta final da transação

Ser conservador compensa

Como ficam os seus investimentos em renda fixa com a Selic em 7,75%

Agora até a poupança ganha da inflação projetada. Veja como fica o retorno das aplicações conservadoras de renda fixa agora que o Banco Central elevou a Selic mais uma vez

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies