Menu
2020-12-10T21:03:23-03:00
Estadão Conteúdo
Multa

Lava Jato fecha acordo e Phillips vai devolver R$ 60 milhões aos cofres públicos

Os termos foram homologados pela 5ª Câmara de Coordenação e Revisão do Ministério Público Federal (MPF) e pela 7ª Vara Federal Criminal, do juiz Marcelo Bretas.

10 de dezembro de 2020
18:28 - atualizado às 21:03
dinheiro

A força-tarefa da Lava Jato no Rio de Janeiro fechou acordo de leniência com a Phillips Medical Systems Ltda. Os termos foram homologados pela 5ª Câmara de Coordenação e Revisão do Ministério Público Federal (MPF) e pela 7ª Vara Federal Criminal, do juiz Marcelo Bretas.

Leia também:

Pelos termos do acordo, a Phillips se comprometeu a revelar crimes relacionados ao Ministério da Saúde e a Secretária de Saúde do Rio de Janeiro envolvendo empresários e agentes públicos sob o comando de Sérgio Côrter e Miguel Iskin, denunciados nas operações Fratura Exposta, Ressonância e SOS.

Segundo a Procuradoria, a empresa forneceu informações e documentos relacionados aos crimes que teve conhecimento e deverá fornecer dados complementares que surjam a partir de investigações internas. A Phillips também se comprometeu a cessar o envolvimento nos casos relatados e tomar medidas que evitem ações semelhantes no futuro.

Um dos pontos do acordo de leniência prevê pagamento de R$ 59,9 milhões aos cofres públicos a título de ressarcimento de danos materiais e morais dos crimes narrados.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Temos vacina!

Por unanimidade, Anvisa aprova uso emergencial da CoronaVac e da vacina de Oxford/AstraZeneca

Primeiros profissionais de saúde já foram vacinados em pronunciamento do governador de São Paulo, João Doria

Mais uma recomendação

Técnicos da Anvisa recomendam uso emergencial da vacina de Oxford/AstraZeneca

Mais cedo, área técnica havia defendido aprovação da CoronaVac

Ainda falta...

Anvisa devolve pedido de uso emergencial da Sputnik

Laboratório russo não apresentou os requisitos mínimos para que o pedido de uso emergencial pudesse ser analisado pela agência

Quase lá

Área técnica da Anvisa recomenda uso emergencial da CoronaVac

Diretores da agência analisam pedidos de uso de vacinas. No momento, a área técnica ainda faz a apresentação. Em seguida, a relatora do tema, diretora Meiruze Freitas lerá seu voto, com os outros quatro diretores da agência votando depois

coronavírus

Covid-19: Brasil tem 8,4 milhões de casos e 61 mil novos diagnósticos nas últimas 24h

Segundo ministério, 7.388.784 pacientes recuperaram-se da doença

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies